LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Rede 5G exclusiva do governo deve ter apenas um fabricante de equipamentos, diz ministro

26 de fevereiro de 2021 12

Após a Anatel aprovar o edital do leilão do 5G, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse que o governo tem a garantia de que todas as fabricantes de equipamentos estão habilitadas para a rede privativa da união. A informação foi confirmada em uma cerimônia no Palácio do Planalto.

Faria não deu mais detalhes sobre o assunto e tampouco afirmou se a Huawei poderá participar dessa rede. De toda forma, o ministro deixou bem claro que o 5G do governo será construído usando equipamentos de um único fabricante.

Nesta rede teremos somente um fabricante para termos mais controle. Muitos países já estão optando pela construção de redes fechadas para o governo e redes privadas abertas onde não é possível saber quais equipamentos estão operando o serviço.


Com a confirmação de que o governo vai levar adiante a ideia de uma rede privada, Faria indiretamente deixou claro que a Huawei não será banida no Brasil. Isso porque, mesmo que seja vetada no 5G estatal, a empresa pode fornecer seus equipamentos para as operadoras.

Após a eleição do presidente Joe Biden, o governo Bolsonaro se distanciou do alinhamento automático aos EUA. Além disso, a crise das vacinas fez com que o Planalto se reaproximasse da China e reconsiderasse a presença da fabricante chinesa no 5G nacional.

O ministro ainda elogiou a Anatel por ter conseguido concluir todas as regras do leilão em tempo ágil. Além disso, ele ressaltou que o certame não será arrecadatório, ou seja, a União não deve receber dinheiro pelas frequências porque seus valores serão descontados dos custos de investimentos para a expansão da infraestrutura de rede.

Cabe ressaltar que a agência reguladora decidiu que a operação comercial do 5G - Stand Alone - começará pelas capitais em julho de 2022. Enquanto isso, a Anatel permitiu que as operadoras usem a atual estrutura do 3G e 4G para oferecer o 5G. O arranjo será utilizado enquanto a rede pura não é ativada.


12

Comentários

Rede 5G exclusiva do governo deve ter apenas um fabricante de equipamentos, diz ministro
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020