LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Pode comemorar: EUA não consideram mais a Xiaomi uma "empresa militar comunista chinesa"

26 de maio de 2021 17

  • Atualização (26/05/21) - PM

Apesar de não ter sofrido duras sanções como a Huawei, a Xiaomi foi outra fabricante chinesa que entra na mira do governo dos EUA durante a presidência de Donald Trump, sendo colocada em uma espécie de lista negra lista de bloqueio que a designava como uma companhia militar comunista chinesa (CMCC).

Isso acabava gerando tensões e incerteza quanto ao futuro da empresa, vendo que a mesma vem crescendo bastante nos últimos anos, tendo se tornado um verdadeiro gigante da tecnologia no mesmo nível da Apple e Samsung.

Porém, a boa notícia é que um documento protocolado nesta terça-feira (25) pelo Tribunal Distrital dos Estados Unidos para o Distrito de Columbia mostra que o governo estadunidense cancelou a designação de CMCC dada pelo Departamento de Defesa no início do ano.

A Xiaomi havia processado o governo dos EUA em janeiro após ser incluída na lista de bloqueio citada acima e, em março, o tribunal de DC concedeu à firma uma liminar preliminar contra a designação CMCC, o que voltou a permitir que americanos pudessem comprar ou possuir títulos da mesma.

No processo, a empresa alegou que a decisão do governo Trump era abstrata e caprichosa e que poderia causar danos irreparáveis.

Huawei, por outro lado, ainda lida com todos os boicotes e sanções aplicadas, tendo optado por focar mais em software com o HarmonyOS para tentar salvar o que ainda resta da empresa no presente momento, vendo que suas vendas em smartphones despencaram a nível global.

Atualização (12/05/21) - JB

EUA concordam em retirar a Xiaomi da "lista negra" do comércio

O governo dos Estados Unidos concordou em remover a Xiaomi da sua temida "lista negra" do comércio. De acordo com informações levantadas pela Bloomberg, a administração de Joe Biden reconheceu em um processo movido pela chinesa que a remoção será a opção "mais apropriada".

O processo ainda diz que as partes — governo e empresa — concordam em resolver o litígio de forma amigável, sendo que os EUA deixam de lado o seu poder de bloqueio comercial.

Os envolvidos no processo concordam em adotar um caminho para resolver esse litígio sem a necessidade do instrumento contestado [o banimento].

Por enquanto, o texto do processo ainda é um tanto vago quanto ao acordo entre Xiaomi e governo. Mesmo assim, ele estabelece que as partes devem firmar um tratado até o dia 20 de maio. Assim, tudo indica que na próxima semana teremos novidades sobre o assunto.


Com a nova decisão dos EUA, a Xiaomi já pode respirar aliviada e isso praticamente a livra do trágico destino da Huawei. Atualmente, a gigante chinesa tem lançado uma série de smartphones e se qualificado como uma potencial substituta da compatriota em diversos mercados na Europa.

Além disso, o lançamento de um celular dobrável, a expansão pela América Latina e a liderança reforçada na Índia torna a Xiaomi uma forte candidata a assumir a vice-liderança global no mercado de smartphones. Isso pode acontecer já no próximo trimestre.

Atualização (16/03/21) - JB

Após um juiz federal dos Estados Unidos conceder uma liminar, a Xiaomi finalmente se livrou do bloqueio comercial dos Estados Unidos. As principais medidas contra a fabricante chinesa entrariam em vigor ao longo desta semana e tinham potencial para transformar a empresa em uma nova Huawei.

Com a decisão judicial, as ações da Xiaomi voltaram a ser listadas na Bolsa de Valores de Nova York. Além disso, acionistas estadunidenses agora podem voltar a negociar seus títulos livremente.

Uma das principais sanções aplicadas pelo ex-presidente Trump impedia que a chinesa contasse com investimentos oriundos dos EUA. Além disso, o departamento de comércio também tinha poderes para vetar a venda de diversos componentes para a fabricante.

Por enquanto, a Xiaomi pode respirar aliviada, no entanto, tudo indica que o governo dos EUA deve recorrer e prolongar ainda mais a disputa jurídica.


Texto original (15/03/21)

Como um dos seus últimos atos no comando dos Estados Unidos, o ex-presidente Donald Trump colocou a Xiaomi na temida "lista negra" do comércio do país, isso porque o Departamento de Defesa acredita que a fabricante chinesa também tem laços estreitos com o exército chinês.

As restrições aplicadas pelos EUA tinham potencial de transformar a Xiaomi em uma nova Huawei, contudo, um juiz de Washington suspendeu o bloqueio comercial em uma liminar expedida neste fim de semana.

Na ação, a Xiaomi alega que a decisão da Casa Branca é arbitrária e não respeita o devido processo legal e tampouco a ampla defesa.

A Xiaomi conseguiu uma importante vitória judicial neste fim de semana. As sanções anunciadas por Trump e mantidas por Biden deveriam entrar em vigor nesta semana.

Em sua decisão, o juiz federal, Rudolph Contreras, também disse:

O tribunal conclui que os réus não representam um risco à segurança nacional dos EUA, uma vez que os argumentos aqui [ação do governo] não são convincentes.

Por enquanto, o Departamento de Defesa não se manifestou sobre o assunto, já a Xiaomi diz que a vitória no tribunal é um reconhecimento de que a empresa está sendo tratada de maneira "arbitrária".

Além disso, a fabricante mais uma vez negou que tenha qualquer laço com as forças armadas da China. Por outro lado, como estamos falando de uma decisão liminar, o governo dos EUA ainda pode recorrer e manter a disputa judicial.

Essa guerra entre EUA e Xiaomi pode prejudicar a chinesa no mercado de smartphones? Conte para nós a sua opinião aqui nos comentários.


17

Comentários

Pode comemorar: EUA não consideram mais a Xiaomi uma "empresa militar comunista chinesa"
  • Toma na cara dos fãboyolas da Apple, chupa maçã! Haha

      • Imagina como seria o mundo se só existissem iphones

          • Ta

              • Escapou porque não desenvolve/vende infra para o 5G.

                • Se eu comprar um Xiaomi ou um Huawei, eu estarei representando um risco a segurança nacional dos EUA KKK

                  • Se os E.U.A não abrir os olhos via perder o legado,países que antes não eram nada estão crescendo, só o Brasil que cada ano que passa caminha para trás,a única coisa aqui que caminha é a corrupção.

                      • Xiaomi é a melhor marca de celular depois da Huawei...
                        Os EUA se dizem "liberais", mas são bem protecionistas quando se trata das empresas
                        norte-americanas... Aqui se o PT defende as empresas nacionais, são chamados de "comunistas" ou "extrema-esquerda"... Vamos xingar os EUA de comunistas todas as vezes que fizerem isso? Cadê a coerência?

                          • Já tive das 4 marcas e apesar de vender menos, a Sony tá em primeiro depois a oneplus, praticamente no mesmo patamar sony, dps Huawei e dps xiaomi... quero experimentar Oppo que no grupo bbk ainda é acima da oneplus, mas creio que deve ficar no mesmo patamar oneplus em questão de construção e acabamento... tô falando em questão de qualidade em si, não specs e custo beneficio... Huawei e xiaomi envelhecem muito mal... único xiaomi que vc pega na mão é vê que realmente foi algo premium foi a linha mi mix, e na Huawei a linha mate até o Mate 20, aquele mate 10 pro porsche era de outro mundo em design acabamento e construção, visto que atualmente temos galaxy de linha high end de plástico, o Mate 20 porsche deu uma piorada no design, mas construção é acabamento era top também como no mate 10... E oneplus com a linha Mclaren também não ficava atrás, porém no caso da oneplus o 7 pro almoald na minha opinião é um dos aparelhos mais bonitos desde 2010... design muito bem acertado, e junto com acabamento excelente ficou top, sem encaixe de plástico entre a tela e corpo do aparelho, esse encaixe muito bem acabado, tanto da traseira quanto da frontal, o módulo de câmeras com um arco de metal em volta, são detalhes que poucas marcas se atentam...

                              • A coerência está no fato de que, para o PT, TODOS os setores do Estado devem ser subservientes ao Estado

                                • Vc só pode comprar iphone, se não vc é uma ameaça a segurança nacional, de acordo com o tio sam kkkk

                                  Android

                                  Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

                                  Android

                                  Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

                                  Especiais

                                  Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas