LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Mark Zuckerberg apaga conta no Signal após informação vazar na internet

06 de abril de 2021 20

Atualização (06/04/2021 às 16h49) - BB

No último domingo (04), o pesquisador de segurança Dave Walker divulgou em seu perfil no Twitter que o número de telefone de Mark Zuckerberg – CEO do Facebook – é vinculado a uma conta no Signal, mensageiro concorrente do WhatsApp.

A descoberta de Walker foi feita após a confirmação de que o telefone pessoal do executivo estava entre os 533 milhões de dados vazados no Facebook. Com isso, ele decidiu testar se esse número é utilizado em uma conta no aplicativo e o resultado não deu outra: um perfil com o número de Zuckerberg já estava registrado na plataforma.

Depois da informação surgir na internet, o diretor executivo do Facebook – que controla o aplicativo do WhatsApp – se apressou em deletar o perfil no concorrente, conforme adiantou Walker em uma nova publicação. Agora, o número do empresário não está mais vinculado a uma conta no mensageiro rival.

Fui eu quem verificou que o Signal tem uma conta para aquele número. Ontem, a conta foi fechada. Não tenho certeza do que isso quer dizer, mas certamente é algo.

Vale lembrar que, no começo deste ano, o número de usuários do Signal foi impulsionado após o anúncio das mudanças nas políticas de privacidade do WhatsApp. Com isso Signal e Telegram comemoraram um aumento no número de downloads na App Store e na Play Store. Elon Musk, CEO da Tesla e SpaceX também foi responsável pelo crescimento do Signal, após fazer “propaganda” para o mensageiro em seu perfil no Twitter.

Até o momento, o Facebook não se pronunciou sobre o assunto.

Texto original (06/04/2021 às 06h37)

De acordo com informações reveladas neste fim de semana, o Facebook deixou vazar mais de 500 milhões de telefones e dados dos seus usuários. O incidente também acabou expondo informações do próprio CEO e fundador da rede social, Mark Zuckerberg.

Isso porque alguns pesquisadores de segurança conseguiram localizar seu nome, número de telefone, localização, detalhes do casamento e ID de usuário no Facebook. Além disso, Dave Walker revelou que Zuckerberg também tem uma conta no aplicativo Signal.

Por mais que possa parecer algo normal, tudo indica que o executivo tem usado o mensageiro concorrente do WhatsApp no seu dia a dia. Alfinetando Zuckerberg, Walker disse:

Em outra virada de eventos, Mark Zuckerberg também respeita sua própria privacidade, usando um aplicativo de bate-papo que tem criptografia de ponta-a-ponta e não é de propriedade do Facebook. Este é o número associado à sua conta do recente vazamento do Facebook.

Veja abaixo um print:

Suposta conta de Zuckerberg no Signal.

Por enquanto, Zuckerberg não se manifestou sobre o assunto. Mesmo assim, essa recente descoberta pode ser mais uma pedra no sapato do WhatsApp. Isso porque o mensageiro começou a perder usuários após efetuar uma mudança na sua política de privacidade.

Atualmente, o WhatsApp tem exigido que seus usuários concordem com os novos termos. Isso fez muita gente correr para o Telegram ou Signal.

Vale lembrar que o Signal também oferece como diferencial a criptografia de ponta-a-ponta para seus usuários. Recentemente, até mesmo Elon Musk recomentou o mensageiro por meio do Twitter, enquanto que um dos fundadores do WhatsApp começou a investir no app.

Signal

Desenvolvedor: Signal Foundation

Grátis

Tamanho: Depende da Plataforma


20

Comentários

Mark Zuckerberg apaga conta no Signal após informação vazar na internet
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020