LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Cientistas vão usar o supercomputador mais rápido do mundo para encontrar a cura da Covid-19

22 de junho de 2021 3

É de conhecimento geral que, até o momento, não há uma medicação eficaz contra a infecção causada pelo coronavírus, mas o avanço tecnológico da medicina impulsionado pela pandemia está colaborando para mudar essa realidade.

A Fujitsu, empresa de computação avançada com sede no Japão, anunciou hoje (22) que uma equipe de pesquisadores utilizará o supercomputador mais potente do mundo para simular a interação de moléculas do corpo humano e identificar agentes que podem combater a infecção causada pelo SARS-CoV-2.

Fugaku, o supercomputador mais potente do mundo localizado em Kobe, no Japão.

Os experimentos serão conduzidos pelo Centro de Pesquisa em Ciência e Tecnologia Avançada (RCAST, na sigla em inglês) na Universidade de Tóquio, e utilizarão o supercomputador Fugaku para descobrir os medicamentos com potencial de cura da Covid-19 através de cálculos massivos e simulações de fórmulas químicas.

A empresa detalha que os cientistas aproveitarão a máquina para identificar substâncias inibidoras de pequenas moléculas para criar uma droga eficaz para o tratamento da doença. Essas substâncias podem, além de favorecer a saúde dos pacientes, fornecer uma visão mais ampla sobre a forma em que o patógeno atua no corpo.

"A tecnologia de simulação molecular do Fugaku será amplamente utilizada para a criação de modelos tridimensionais, esclarecendo os mecanismos moleculares de inibição de infecções e prevendo as propriedades das cepas mutantes", explica o comunicado da Fujitsu, sugerindo um possível medicamento eficaz contra as variantes do coronavírus.

O Fugaku foi finalmente apresentado em 2020 e se tornou funcional somente no último mês de abril, após mais de sete anos de desenvolvimento. Essa máquina consiste em um total de 432 gabinetes que entregam o desempenho inigualável de 415,5 petaflops, o equivalente ao nível de quatrilhões de operações em apenas um segundo.

Projetado para soluções de "sociedade 5.0", um conceito de organização social que visa o bem-estar e segurança das pessoas, o supercomputador passou a ser aplicado em ensaios com medicamentos no Japão. As pesquisas para descobrir a cura da síndrome causada pelo coronavírus começam hoje e devem seguir até março de 2022.


3

Comentários

Cientistas vão usar o supercomputador mais rápido do mundo para encontrar a cura da Covid-19
Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Agosto 2021

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas