LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Especificações e preços do Cybertruck são retirados do site da Tesla após lançamento ser adiado

15 de outubro de 2021 19

Atualização (15/10/2021) por LL

Após uma pré-venda surpreendente, a picape elétrica da Tesla teve seu lançamento adiado. Agora, uma atualização ocorrida no site da montadora sugere que a chegada do Cybertruck levanta novas suspeitas sobre o veículo, que foi julgado como primeiro fracasso da empresa por um guru do mercado financeiro. As especificações e os preços da caminhonete foram retirados do ar.

Desde que foi anunciado em 2019, o veículo elétrico contava com as três variações sendo apresentadas no site da Tesla. Além de informação sobre motores de cada opção, os valores respectivos apareciam começando em R$ 217 mil. A página online também exibia o preço de US$ 10 mil (R$ 54 mil) do pacote Full-Self Driving (FSD).


Agora, a Tesla menciona apenas algumas das especificações principais, como uma capacidade de reboque de mais de 6,3 toneladas e performance de 2,9 segundos no sprint de 0 a 96 km/h. Ou seja, especificações associadas ao Cybertruck tri motor topo de linha. O botão de compra leva a uma página "vazia", em construção.

Tal movimento de exclusão de especificações e preços do Cybertruck pode significar que a Tesla não planeja necessariamente lançar a caminhonete com as configurações e preços previamente divulgados, como o Olhar Digital pontuou em relatório.

A Tesla confirmou que o Cybertruck, sua picape tecnológica revelada em 2019, teve seu lançamento adiado para 2022 após meses de indícios que a produção sofreria atrasos. A previsão original era de que chegaria no final deste ano.

A empresa concluiu apenas recentemente o projeto de engenharia da picape elétrica e o CEO Elon Musk alertou que a Tesla enfrentará dificuldades para colocar o veículo em produção devido a recursos, como o corpo de exoesqueleto de aço, que requerem processos de fabricação completamente novos. Concorrentes como a Rivian também fizeram alterações em seus calendários devido a problemas com componentes específicos.


A informação, porém, não foi divulgada com alarde. A equipe do site Electrek encontrou a mudança no rodapé da página de customização do modelo no site da fabricante. As notas não especificam um mês, mas confirmam que o adiamento vale para todos as versões do veículo, que pode ter de um a três motores.

Já na época do anúncio do Cybertruck, foram feita mais de 200 mil reservas, e hoje a cifra chega à casa do milhão. A picape custa US$ 40 mil — cerca de R$ 210 mil. No Brasil, porém, o Osten Group vende o veículo oficialmente por quase R$ 1 milhão. Ao anunciar o rendimento recorde no trimestre, a Tesla também confirmou que o caminhão elétrico Semi também foi adiado para 2022.

Matéria original (25/11/2019)

Todo mundo sabe que Elon Musk é um rico excêntrico e um tanto exibido. No ano passado não foram poucas as vezes em que protagonizou no seu Twitter episódios polêmicos que prejudicaram negócios de uma das suas empresas, a Tesla.

Sem sombra de dúvidas, porém, a história mais engraçada proporcionada por ele recentemente envolveu o lançamento do tecnológico Cybertruck: na última semana ele revelou o visual da sua caminhonete-conceito em um evento ao vivo, e quis que atestassem ao vivo a perfeição da blindagem dos vidros. O que vimos que um pedregulho conseguiu fazer fácil um estrago no vidro do banco da frente; não satisfeito Elon pediu um convidado arremessasse novamente, mas em outra janela, e a gafe se repetiu.

O evento em si foi um show de memes até porque o visual do Cybertruck dividiu muito as opiniões ao oferecer aquele visual... rústico. Em todo caso, parece que esses não são problemas para a Tesla, já que Musk anunciou em seu Twitter que a pré-venda teria atingido a marca de 200 mil reservas.

Pois é: o número é impressionante até porque falamos de um produto que custa US$ 40 mil. Nesse primeiro momento da pré-venda, porém, qualquer um com US$ 100 de limite no cartão de crédito pode fazer a reserva, pois é o valor simbólico cobrado pela companhia para que você entre na fila de espera.

O Cybertruck começa a ser produzido no final de 2021, ou seja, os interessados ainda terão que esperar bastante, e uns mais que outros já que só nos primeiros dias após o anúncio o interesse já atingiu esse patamar de interessados.

Vale lembrar, em setembro Elon Musk revelou a aeronave Startship Mk1, que nas próximas décadas poderá ser a responsável pelo turismo no espaço.


19

Comentários

Especificações e preços do Cybertruck são retirados do site da Tesla após lançamento ser adiado
  • Pelotão de Operações Especiais, ( PELOPES - AL ) do BOPE terá uma picape dessa junto com governo de Alagoas irado!!! Kkkkkkk

    • Brasil é piada. Custa mais que o dobro da conversão kkkkkkkkjj

        • Parabéns a Elon Musk que que fez e pelo que faz. E faz bem tecnologicamente e socialmente (nada a ver com a religião política socialista) com milhares de empregos que cria.

            • Além disso, estamos falando de Elon Musk. Ele não investiu nenhum centavo na divulgação, e hj o feed de todo mundo está bombardeado por essa notícia. Com certeza, era isso que ele queria, esse cara é simplesmente um gênio. Ele jamais faria essa apresentação sem testar umas 1000 vezes, se o intuito dele fosse mesmo mostrar pelo menos nessa apresentação o %u201Cquão resistente%u201D era pra ser esse vidro. Puro marketing! E excepcionalmente bem feito.

                • Foi engraçado o momento mas o Elon Musk agiu corretamente, ele não se exaltou e até mesmo brincou com a situação, quando apresentou o slide que se referia à proteção à prova de balas do vidro ele olhou par a plateia e riu: "isn't bullet proof".

                  Ele agiu bem e não descontou em ninguém. Posteriormente explicou no tweeter o motivo do vidro ter quebrado: A pancada com a marreta fez a integridade do vidro cair devido a agitação no suporte do vidro com a porta, foi o que fez que o vidro quebrasse (com crtz fizeram testes antes em que isso não ocorreu).

                  A explicação faz sentido e isso é algo que deve ser corrigido...

                    • Faz sentido poha nenhuma, primeiro, É VIDRO, os mais avançados "vidros" ou compostos de policarbonato a prova de bala se estilhaçam, não existe material que não irá sofrer danos, não existe, IMPOSSÍVEL.

                      E o outra, as marretadas foram na porta dianteira e o vidro traseiro também se estilhaçou.

                      Que ele resistiu melhor que um vidro comum, isso foi óbvio, mas dizer que não sofrerá danos? IMPOSSÍVEL, um tiro ainda por cima? Nem titânio maciço resiste ao impacto de uma bala sem sofrer ao menos um pequeno amassado.

                      Era melhor não ter passado essa vergonha toda. Ficasse quieto.

                    • O vidro do carro todo trocando no teste de resistência ao vivo foi muito engraçado, o ceo ficou com kra de bunda e alguém com certeza foi demitido

                        • Claro que vai ser um fiasco com design de Chernobyl....

                            • Interessante....

                              Picape só irá parar de funcionar se tiver uma bomba eletromagnética...

                                • Acho que "fiasco" é uma palavra muito pesada.

                                    • toda vez que vejo esse carro lembro de um ou outro filme futurista dos anos 80....

                                      • Previsão de 400 mil reservas até 2020

                                          • Basicamente levantou 20 milhões de dólares com algo que na realidade será bem diferente porque as leis exigem retrovisores, carroceria que se deforma em batidas, air bags, volante tradicional, Lanternas e faróis também precisam se adequar. a um padrão da lei.O Elon Musk tem os seus minions igual Xiaomi... Os jornalistas especializados estão levantando altas dúvidas se essa coisa vai mesmo virar realidade. Ações da Tesla caíram uns 6% após o anúncio, um valor aproximado de 780 milhões de dólares.

                                              • Não há lei que diga que a carroceria tem que deformar em batidas, o que existe são leis de airbags, controles de estabilidade, proteções de impacto traseiro, mas deformar não é a questão, os carros deformam para dissipar as forças da batida, mas essa foi a solução encontrada para proteger os passageiros e manter o peso dentro do aceitável por causa do consumo de combustível.

                                                Se as forças de colisão forem dissipadas pelas fortes placas externas da carroceria sem deformação e proteger os ocupantes, tá valendo. Ou mesmo sistemas internos de alivio das forças, também vale. E como não há preocupação com consumo e sim autonomia, o peso não é tão preocupante.

                                                Se a pickup pesar 4 ton. e conseguir autonomia de 500 km ótimo.

                                                  • Ações já recuperaram logo depois da divulgação da quantidade de reservas, e já passaram de 200 mil reservas

                                                    • Bom, pelo menos ele tá se arriscando e tentando fazer algo diferente. O visual é esquisito, mas não deixa de despertar a curiosidade pela proposta, talvez esse seja o motivo da pré-venda assim.

                                                        Android

                                                        Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

                                                        Android

                                                        Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

                                                        Especiais

                                                        Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas