LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: Pfizer e Janssen podem agora pedir uso emergencial após certificação da Anvisa

19 de janeiro de 2021 4

Essa semana foi marcada pelo início da vacinação contra a COVID-19, após uma longa batalha das autoridades para que algumas das principais vacinas do mercado fossem aprovadas em caráter emergencial pela Anvisa. No momento, estão sendo aplicados em São Paulo, Goiás, Maranhão e mais uma dezena de estados brasileiros a CoronaVac, imunizante desenvolvido através da parceira entre o Instituto Butantan, parte integrante do governo do estado de São Paulo, e o laboratório chinês Sinovac.

A espera agora fica por conta da vacina desenvolvida pela AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que também recebeu aprovação do uso emergencial da Anvisa, mas aguarda liberação do governo indiano para a importação das primeiras doses depois de um desencontro de informações entre o país e o governo brasileiro.

Felizmente, o Brasil deve ganhar mais opções em breve. A Anvisa emitiu hoje a certificação de boas práticas de fabricação de medicamentos para os laboratórios Janssen, divisão farmacêutica do grupo Johnson & Johnson, e Pfizer, permitindo assim que suas respectivas vacinas possam ser aplicadas para o processo de análise de uso emergencial no país.

Ambas as vacinas já possuem testes de fase 3 realizados no Brasil, e enquanto a Pfizer já conta com documentação sob análise na Anvisa, enviada antecipadamente com intuito de acelerar o registro do imunizante, a Janssen deve concluir a etapa em fevereiro, com o pedido podendo ser formalizado ainda em março.

Com a nova certificação, a Pfizer pode enfim solicitar à Anvisa o uso emergencial de sua vacina no Brasil.

Aplicada em diversos países do mundo, a vacina da Pfizer utiliza o RNA mensageiro do vírus para permitir que o corpo humano replique a proteína Spike do Sars-CoV-2 e possa então aprender a combatê-lo. Ainda que também utilize código genético para produção da proteína Spike, o medicamento da Janssen conta com o adenovírus desativado, o vírus do resfriado comum, para gerar resposta imune do organismo.


4

Comentários

Coronavírus: Pfizer e Janssen podem agora pedir uso emergencial após certificação da Anvisa
  • A vacina Janssen me parece bem interessante porque ela é aplicada em dose única. Se ela atender bem as normas de segurança e eficácia. Qual é a logística de temperatura da Janssen? E qual é o tipo de vacina da Janssen?
    RNA MENSAGEIRO (COMO A PFIZER OU A MODERNA) ADENOVÍRUS, VÍRUS INATIVADO OU VETOR VIRAL?

      • Mecanismos de ação:

        A candidata à vacina da Janssen é baseada em vetores de adenovírus sorotipo 26 (Ad26). Os adenovírus são um tipo de vírus que causam o resfriado comum ? portanto, são bons transportadores em seres humanos. Ao serem modificados para desenvolver a vacina, eles não se replicam e não causam resfriado.

        Outra parte do processo envolve o código genético do próprio SARS-COV-2. Ele possui em sua superfície externa uma espécie de coroa, formada pelos chamados ?spikes?, ou espigões, que são os responsáveis pela ligação do vírus às células do corpo humano. Para produzir a vacina candidata da Janssen, um pedaço da proteína ?S?, presente nesses espigões, é colocado dentro do adenovírus (que é o vetor, ou transportador).

        Quando a pessoa recebe a vacina composta do adenovírus não replicante que carrega a informação genética do novo coronavírus, o corpo inicia um processo de defesa e produz anticorpos contra aquele invasor. A resposta imunológica produzida por esse processo cria então uma memória no corpo contra o coronavírus e ensina o próprio corpo a reconhecer e atacar o vírus quando a pessoa entrar em contato com ele.

          • Verdade... Tomara que dentro das regras da anvisa, elas sejam disponibilizadas logo. Uma dose com eficácia de 70% igual a de oxford, é uma ótima opção.

            • Quanto mais melhor!

                Android

                Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

                Android

                Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

                Android

                Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

                Android

                Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020