LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: vacina Medicago/GSK recebe autorização da Anvisa para testes clínicos no Brasil

08 de abril de 2021 0

Mais uma vacina obteve autorização para testes clínicos no Brasil. Dessa vez, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, aprovou a condução dos ensaios clínicos do imunizante contra o novo coronavírus desenvolvido em parceria entre o laboratório canadense Medicago R&D Inc e o britânico GlaxoSmithKline (GSK).

A autorização foi concedida oficialmente nesta quinta-feira (08) e a decisão foi publicada no Diário Oficial da União. Com isso, os pesquisadores já podem conduzir os testes da vacina Medicago/GSK em voluntários brasileiros.

Imagem: reprodução

Os ensaios que serão realizados no Brasil são referentes à terceira fase da pesquisa de desenvolvimento da vacina Medicago/GSK. Antes, as fases 1 e 2 — também realizadas com voluntários humanos — foram conduzidas, simultaneamente, nos Estados Unidos e Canadá.

O imunizante da Medicago R&D e da GlaxoSmithKline utiliza como base a proteína S e uma tecnologia de partícula semelhante ao novo coronavírus, chamada de CoVLP. A aplicação da vacina deverá ser feita em duas doses, administradas com um intervalo de 21 dias entre elas.

A terceira fase de ensaio clínicos contará com participantes não só do Brasil, como de outros países da América Latina e Europa, como o Reino Unido, além de continuar nos Estados Unidos e Canadá. Ao todo, cerca de 30 mil voluntários serão inclusos nesta etapa de testes da vacina Medicago/GSK.

Essa nova etapa contará com análises randômicas e cegas para o observador, com aplicação controlada por placebo para constatar sua segurança, eficácia e imunogenicidade. As aplicações serão realizadas em adultos a partir de 18 anos.

A Anvisa explicou que a autorização para a realização dos testes clínicos de fase três do imunizante foi concedida após ser comprovado, nas duas primeiras etapas, que a vacina apresentou um bom resultado em relação à sua segurança nos primeiros voluntários.

Vale lembrar que a Coronavac – imunizante testado e distribuído pelo Instituto Butantan de São Paulo – teve novos resultados de estudos revelados e apresentou eficácia de 50% contra a nova variante de Manaus após a aplicação da primeira dose.


0

Comentários

Coronavírus: vacina Medicago/GSK recebe autorização da Anvisa para testes clínicos no Brasil
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020