LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

COVID 19: governo indiano ordena que redes sociais restrinjam a expressão “variante indiana”

22 de maio de 2021 18

O governo da Índia, em nota emitida pelo Ministério da Tecnologia da Informação, ordenou que as redes sociais removessem conteúdo de postagens que incluíssem a expressão “variante indiana” do coronavírus.

A ação é recorrente e relembra apelos anteriores, quando o governo do país ordenou que Twitter e Facebook removessem dezenas de postagens que criticavam a gestão do primeiro-ministro Narendra Modi em relação à crise sanitária.


A cepa B.1.617 foi detectada pela primeira vez em solo indiano no ano passado e é amplamente atribuída à onda devastadora de Covid-19 que atingiu os países do sul da Ásia ao longo das últimas semanas, além de ter se espalhado ao Reino Unido e pelo menos mais 43 outros países. No Brasil já foram detectados seis casos da nova cepa.

Para justificar o pedido, o ministério citou apelos anteriores para conter “notícias falsas e desinformação” sobre a pandemia nas redes sociais, e argumentou que a própria Organização Mundial da Saúde (OMS) não vinculou a variante B.1.617 a nenhum país específico.

A Organização, em comunicado emitido na semana passada, afirmou que a variante era uma “preocupação global”, pois se espalhou pelo mundo. Especialistas em saúde e governos, no entanto, costumam usar o nome de países para designar novas variantes do coronavírus – a exemplo disso temos as recorrentes chamadas das variantes do Reino Unido, Brasil e África do Sul.

Os próprios funcionários do governo indiano, inclusive, utilizam o termo “variante do Reino Unido” desde que começou a pandemia para referenciar a variante surgida no país.

A índia enfrenta uma grave escassez de oxigênio, vacinas, leitos e medicamentos, e seu governo tem sido duramente criticado pelos esforços tomados. O país relatou mais de 257 mil novos casos e 4.194 mortes em 24 horas no sábado, atingindo a marca total de 26,2 milhões de infecções e 295.525 mortes.

Dessas mortes, quase 50% foram registradas apenas a partir de março. Na capital, Nova Delhi, a vacinação para pessoas com menos de 45 anos foi suspensa graças ao esgotamento dos estoques de vacina.


18

Comentários

COVID 19: governo indiano ordena que redes sociais restrinjam a expressão “variante indiana”
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020