LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Coronavírus: 99% das mortes atuais ocorreram em pessoas não vacinadas, afirmam especialistas

29 de julho de 2021 13

Os Estados Unidos estão enfrentando uma nova pandemia entre as pessoas não vacinadas, sendo que mais de 25% da população estadunidense apresenta algum tipo de resistência contra a imunização, atitude que vem contribuindo para que o país apresente novamente uma alta no número de infectados.

Segundo especialistas, os índices de mortalidade e hospitalizações no país possuem prevalência dos cidadãos que optaram por não serem vacinados, evidenciando a eficácia das vacinas — independente da farmacêutica — em protegerem contra o Coronavírus, reduzindo significativamente as taxas de internações e mortes, que entre os vacinados se limita a menos de 1%.

Os órgãos sanitários do país incluindo o CDC informaram recentemente que a taxa de mortalidade e internações nessas pessoas é de 97%, valor alarmante e que vem crescendo com o alto nível de contágio da nova cepa.

No início de julho o Dr. Anthony Fauci, principal conselheiro médico do presidente Joe Biden, afirmou em entrevista que 99,2% das mortes causadas pelo Coronavírus são de pessoas não vacinadas, número que pode ser visto no estado do Texas, que entre o período de fevereiro a 14 de julho apresentou 99,5% dos óbitos em cidadãos antivacinas.

Há uma mensagem clara que está chegando: isso está se tornando uma pandemia de pessoas não vacinadas", afirmou a Dra. Rochelle Walensky, diretora dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.

O comentário da Dra. Rochelle Walensky traz à tona a dificuldade que os Estados Unidos vêm enfrentando para vacinar o restante da população. Atualmente o país possui mais de 75% dos cidadãos vacinados, no entanto, o restante ainda reluta em receber ao menos a primeira dose.

Esse cenário é bastante preocupante, visto que pode ocorrer novos surtos locais entre os não vacinados — que somam cerca de 25% — podendo levar ao colapso do sistema de saúde após o crescente número de infecções decorrentes da variante Delta (B.1.617.2), que aumentou em 121% o número de casos nos EUA.

Vacinação no Brasil

Por aqui a imunização dos brasileiros segue em marcha lenta, sendo que até o momento cerca de 46,38% da população recebeu ao menos a primeira dose, número que equivale a aproximadamente 98,2 milhões de pessoas.

Quanto aos que foram totalmente imunizados os valores caem ainda mais, despencando para apenas 18,65% dos cidadãos totalmente imunizados — com as duas doses ou dose única — número que representa cerca de 39,4 milhões de brasileiros, segundo dados disponibilizados pelo G1.

Como está a vacinação na sua cidade? Você já recebeu ao menos uma dose dos imunizantes? Conta pra gente, comente!


13

Comentários

Coronavírus: 99% das mortes atuais ocorreram em pessoas não vacinadas, afirmam especialistas
Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Agosto 2021

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas