LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Vacinação contra Covid-19: SP começa a aplicar dose de reforço em idosos acima dos 90 anos

06 de setembro de 2021 18

Atualização (06/09/21) - HA

A partir desta segunda-feira, 6, a cidade de São Paulo vai começar a aplicar para os idosos acima de 90 anos a dose de reforço contra a Covid-19 — ou também conhecida popularmente como 3ª dose, mas a medida também vale para quem foi imunizado com vacina de dose único. Segundo a prefeitura, o público estimado deste grupo é de 52 mil pessoas.

Serão chamados aqueles que foram vacinados há, pelo menos, seis meses com as duas doses ou a dose única da Janssen. Para quem está acamado em domicílio ou em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs), a vacina será administrada pela equipe da UBS de referência do usuário.

Veja o calendário:

  • 90 anos ou mais - 6 a 12 de setembro
  • 85 a 89 anos - 13 a 19 de setembro
  • 80 a 84 anos todos os imunossuprimidos acima de 18 anos - 20 a 26 de setembro
  • 70 a 79 anos - 27 de setembro a 3 de outubro
  • 60 a 69 anos - 4 a 10 de outubro

Apesar de o governo do estado informar que as pessoas poderão receber qualquer imunizante disponível no posto, a administração municipal informou que dará prioridade à vacina da Pfizer para aplicação da terceira dose em idosos.

Também começa nesta segunda, a vacinação de adolescentes de 12 a 14 anos , sem comorbidades. No caso deste grupo, o único imunizante aprovado para aplicação é da Pfizer. O público estimado é de 360 mil adolescentes. É necessário estar acompanhado pelos pais ou responsável no ato da vacinação.


A partir de hoje também idosos com mais de 60 anos podem se inscrever nas UBSs para adiantar a aplicação da dose de reforço. Para participar da xepa é necessário apresentar o comprovante de vacinação com ciclo vacinal completo, documento com foto e comprovante de residência.

A xepa também vale para pessoas imunossuprimidas com mais de 18 anos que tomaram a segunda dose ou única há pelo menos 28 dias.

Matéria original (24/08/21)

O ministro da Saúde Marcelo Queiroga afirmou, na segunda-feira (23), que o Brasil só deve começar aplicações de uma possível terceira dose das vacinas contra o Covid-19 depois que houver avanço considerável nos números na segunda.

A afirmação foi feita durante uma entrevista coletiva em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. No momento, 26,01% da população brasileira está com a vacinação completa, segundo dados da Our World in Data.

"Terceira dose só depois que avançarmos na segunda. A OMS [Organização Mundial da Saúde], ditou uma posição no sentido de que não se avançasse na terceira dose enquanto a segunda dose não fosse aplicada na maior parte na população global", disse o ministro.

Nenhum plano concreto sobre uma aplicação em massa de uma terceira dose foi apresentado pelo ministério até o momento. A possibilidade começou a ser levantada depois que estudos científicos começaram a apontar uma maior eficácia dos imunizantes com a adoção de mais uma dose.


Assim como no início da vacinação, o processo deve começar primeiramente pelos idosos, que são considerados grupo de risco, até chegar para os mais novos.

Queiroga também argumentou que, na avaliação dele, ainda faltam dados científicos concretos sobre a eficácia de uma dose extra e se todas as vacinas vão precisar de tal medida. No mundo, alguns países já aplicam a terceira dose das vacinas em populações específicas, como Estados Unidos, Israel, Chile e Uruguai.

Resistência a 2ª dose

De acordo com dados do Ministério da Saúde, mais de 8,5 milhões de brasileiros deixaram de voltar ao posto para receber a segunda dose da vacina contra o novo coronavírus.

Isso impede que a porcentagem de brasileiros que completaram o esquema vacinal suba e ainda permite que a taxa de transmissão do coronavírus continue elevada, já que apenas uma dose não é suficiente para a proteção contra a doença.

Você já se imunizou com as duas doses contra a Covid-19? Conta pra gente nos comentários logo abaixo!


18

Comentários

Vacinação contra Covid-19: SP começa a aplicar dose de reforço em idosos acima dos 90 anos
Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas