LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Histórico: Joe Biden e NASA revelarão primeira imagem capturada pelo telescópio James Webb

11 de julho de 2022 4

Atualização (11/07/2022) por LL

Na última quinta-feira (7), a agência espacial dos Estados Unidos divulgou a prévia de uma imagem do espaço profundo, capturado pelo telescópio James Webb. A NASA havia confirmado que liberaria o conteúdo registrado pelo observatório na terça-feira (12), mas os planos foram antecipados.

Nesta segunda-feira (11), às 18h (horário de Brasília), o presidente dos EUA, Joe Biden, fará as honras de apresentar um dos primeiros projetos do Webb. A transmissão ocorrerá na NASA TV e a imagem ficará disponível no site da agência espacial.

Apenas um seleto grupo de cientistas e administradores visualizaram as imagens já registradas pelo observatório até o momento. Aparentemente, somente uma imagem será revelada hoje, e a NASA não disse qual delas.

A antecipação pelas imagens capturadas pelo James Webb vem crescendo desde que a NASA confirmou que entre os alvos do projeto estão a Nebulosa do Anel Sul, o exoplaneta de gás WASP-96b e uma vista de campo profunda dos aglomerados de galáxias SMACS 0723.

Segundo informações do Engadget, o restante dos projetos já concluídos pelo telescópio James Webb ainda está previsto para ser apresentado amanhã, a partir das 10h45 (horário de Brasília), com comentários da NASA e da liderança responsável pelo observatório.

Haverá uma cobertura ao vivo do lançamento das imagens prevista para ocorrer a partir das 11h30 na NASA TV, " rel="nofollow noopener" target="_blank">YouTube, Facebook, Twitter, Twitch e Daily Motion.

Quais são as suas expectativas em relação às imagens capturadas pelo James Webb? Você vai acompanhar o evento de revelação? Conte nos comentários!

Ontem noticiamos que a NASA vai liberar as primeiras imagens feitas com o telescópio James Webb na próxima semana, mas hoje a agência espacial já publicou uma imagem feita com um sensor FGS (Fine Guidance Sensor) que é impressionante mesmo sendo apenas uma prévia do que teremos em breve.

A imagem que você pode ver abaixo mostra centenas de galáxias e estrelas distantes e foi feita com a combinação de 72 registros capturados durante 32 horas durante o chamado "teste de rolagem" enquanto a estrela HD147980 era fotografada pelo instrumento NIRCam.

O nome teste de rolagem vem do fato que o sensor permanece focado na estrela enquanto o telescópio literalmente rola para os lados para ampliar a área de captura.

Imagem: NASA

Na imagem, temos os pontos mais brilhantes como emissores de luz infravermelha, enquanto as áreas vermelhas são objetos escuros. Os pontos escuros são áreas saturadas de luz que foram criados a partir de ajustes na posição do telescópio entre as 72 exposições diferentes.

Além disso, as estrelas com seis pontas são criadas a partir de um efeito causado pelos segmentos de espelhos de seis lados do telescópio, então as imagens que veremos nas próximas semanas devem ser um pouco diferentes.

Segundo a NASA, o FGS tem outro objetivo principal:

Os dados foram levados para testar o quão bem o telescópio poderia ficar preso a um alvo, mas isso sugere o poder do telescópio.

Dessa forma, a imagem mostrada hoje será descartada mesmo sendo a que tem a visão mais profunda da luz infravermelha emitida pelo universo, pois imagens superiores serão divulgadas pela NASA na próxima terça-feira (12), onde veremos "a foto mais profunda do nosso universo já capturada", segundo o administrador da agência, Bill Nelson.

Matéria original (06/07/2022)

NASA vai liberar as primeiras imagens do telescópio James Webb na próxima semana

A NASA vai liberar as primeiras imagens completas tiradas pelo Telescópio Espacial James Webb (JWST) em um evento marcado para a próxima terça-feira, 12 de julho, às 11h30 no horário de Brasília.

A transmissão online vai ver realizada diretamente no site da NASA e também vai poder ser assistida pelo canal oficial da agência espacial norte-americana no YouTube. Após o evento, as imagens também vão ser divulgadas nas redes sociais da NASA.

A expectativa para a exibição das imagens do Telescópio Espacial James Webb se dá, pois, diferente de outros equipamentos, ele opera no espectro infravermelho, ou seja, consegue atingir regiões do universo que não podemos ver a olho nu.

Isso quer dizer que o James Webb pode oferecer um bom retrato infravermelho, com detalhes inéditos de estrelas, galáxias, quasares, buracos negros e até possíveis exoplanetas prontos para serem habitados por seres humanos, por exemplo.


"O JWST foi projetado não para ver os primórdios do universo, mas para ver um período da história do universo que nós ainda não vimos", afirmou o cientista sênior do projeto, John Mather, à CNET.

O JWST foi muitas vezes intitulado como "pioneiro" e "inovador", pois foi construído para encontrar coisas no universo que talvez nunca pensássemos que existissem e responder a perguntas sobre a evolução do tempo que ainda estão em aberto.


4

Comentários

Histórico: Joe Biden e NASA revelarão primeira imagem capturada pelo telescópio James Webb
Economia e mercado

Huawei Kirin 9010L: chipset inédito é encontrado em smartphone intermediário da chinesa

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Windows

Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos