LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Exoesqueletos robóticos são usados para tratar pacientes com paraplegia em São Paulo

03 de julho de 2023 0

Pesquisas estão sendo realizadas com um exoesqueleto em São Paulo e isso pode ser positivo para que se possa ampliar o uso deste equipamento por pessoas com paraplegia. Após a comprovação dos benefícios por meio dos estudos, o foco passou a ser transformar esse item em algo mais portátil e barato para os pacientes.

Mesmo que ainda não seja acessível no nível de uma bicicleta ergométrica, ainda pode ser uma grande oportunidade para que pessoas com lesão medular possam caminhar. Os benefícios se relacionam com o ortostatismo, que é a capacidade de ficar em pé na posição ereta. Linamara Rizzo Battistella é idealizadora da Rede Lucy Montoro da Rede de Reabilitação Lucy Montoro e fisiatria da Faculdade de Medicina da USP e comentou:

Queremos que as pessoas tenham alta nos hospitais e voltem para a vida com toda plenitude que a vida pode oferecer e que, como contrapartida, elas possam oferecer para a sociedade


Em geral, o movimento de sentar e levantar melhora tanto o funcionamento do aparelho locomotor, quanto o dos órgãos internos. Além disso, a professora acrescenta que o exercício de caminhar é ainda mais benéfico para a saúde, bem como pode impactar diretamente no prognóstico de pacientes que passaram por algum tipo de cirurgia.

Ainda nesse sentido, o objetivo é que o deslocamento real possa ser promovido, indo além do exercício que é feito em cima de uma esteira. Do mesmo modo, o equipamento dá a chance do paciente fazer um treino de marcha com estímulo de realidade virtual para simular uma caminhada na raia ou na cidade.

Sobre o uso de RA, o estímulo pode ser importante para que o cérebro reaprenda sobre o valor do ortostatismo e também sobre a percepção de um mundo visto de pé e não sentado. Atualmente, há cinco centros de reabilitação gerenciados em conjunto pelo Hospital das Clínicas e a Faculdade de Medicina da USP que usam esse mecanismo para atender aos pacientes.

Após a chegada dos aparelhos no último mês, as operações entraram em vigor em SP. Por fim, confira uma ação feita pela China que equipou bombeiros com exoesqueletos para melhorar a proteção e o desempenho.


0

Comentários

Exoesqueletos robóticos são usados para tratar pacientes com paraplegia em São Paulo
Economia e mercado

Huawei Kirin 9010L: chipset inédito é encontrado em smartphone intermediário da chinesa

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Windows

Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos