1.174

Motorola Razr HD

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral
Introdução e unboxing

As fabricantes de smartphones já comentam o lançamento de modelos prontos para a rede 4G do Brasil. O problema é que a frequência escolhida para este tipo de conexão não é a mesma do exterior, obrigando as marcas a criarem modelos específicos para o Brasil. A Motorola percebeu esta necessidade e trouxe o Razr HD, o primeiro smartphone 4G, para uma rede 4G que ainda nem existe - e por este motivo, ela está fora dos nossos testes. O aparelho conta com processador dual-core de 1.5 GHz, 1 GB de memória RAM e tela de 4,7 polegadas, com resolução de 1280 x 720 pixels - aproximadamente 312 pixels por polegada.

Motorola Razr HD
Caixas do Motorola Razr HD

A caixa é bem simples e segue o mesmo padrão que foi adotado em modelos anteriores da nova linha Razr. Há uma fina camada de papelão, em cor que lembra o vinho, com o nome do modelo em prata. Bem brilhante. Ao retirar esta capa, há outra abaixo que é mais resistente e conta com a foto do Razr HD e algumas informações técnicas.

Motorola Razr HD
Acessórios já inclusos

Abrindo esta segunda caixa, encontramos um carregador de tomada com porta USB, cabo microUSB, cabo microHDMI, um fone de ouvido daqueles de espuma - qualidade bem baixa - e uma ferramenta que é utilizada para abrir a gaveta que guarda o slot para cartão de memória e micro SIM. O chip da operadora.

Motorola Razr HD
Chave para remoção do micro SIM e microSD

Fica a dica: Não perca esta ferramenta, já que um clipes de papel não entra no buraco da gaveta. Uma lapiseira com grafite 0.5 entra, mas o grafite é frágil demais para empurrar o mecanismo que destrava a entrada. Vai por mim, guarde muito bem esta pequenina chave.

Parte externa

Este modelo segue o padrão de design e materiais que está em outros aparelhos Razr. Há uma mescla de plástico, com metal e a fina camada de Kevlar, que dá um ar robusto, firme e de aparelho resistente. A tela é de 4,7 polegadas, conta com tecnologia Super AMOLED e ocupa quase que toda a parte frontal, dividindo espaço com o microfone principal, alto-falante, LED de notificações e câmera frontal com resolução de 1,3 megapixel.

Motorola Razr HD
Frente do aparelho

Já em uma das laterais, encontramos botões de volume e um que liga e desliga a tela, assim como todo o smartphone. Estes botões receberam uma textura, que facilita a identificação quando operados de dentro do bolso.

Motorola Razr HD
Botões de volume e ligar/desligar aparelho e tela

Do outro lado a Motorola instalou uma porta microUSB, outra microHDMI e o slot para cartões microSD e micro SIM fica escondido em uma bandeja, à lá iPhone 4, 4S e 5. Porém, esta bandeja não recebe um clipes de papel para sua abertura, o que dá ainda mais valor para a ferramenta que acompanha o produto, na caixa. Não perca!

Motorola Razr HD
Gaveta para micro SIM e microSD

Em cima de tudo, encontramos apenas uma entrada para fones de ouvido no padrão de 3,5 milímetros.

Motorola Razr HD
Entrada para fones de ouvido

Na parte traseira há a textura de Kevlar, abrindo espaço para o alto-falante mais potente, microfone secundário, câmera de 8 megapixels - que filme em Full HD - e um flash LED. Assim como todos os smartphones Razr, este gadget também não permite o acesso à bateria.

Motorola Razr HD
Traseira em Kevlar, com câmera de 8 megapixels
Dimensões, pegada e peso

Com o tempo os Razr ganharam algumas gramas. Eram 127 gramas no primeiro Razr, sendo que agora o Razr HD já conta com 146 gramas. Não é algo que você vai reclamar, já que este peso ainda está abaixo da média de smartphones do mercado. O revestimento de Kevlar vem até a beirada, onde há uma armação de alumínio. Estes detalhes conferem um acabamento robusto e resistente.

Motorola Razr HD
Motorola Razr HD

Suas medidas são: 131,9 milímetros de altura, por 67,9 de largura e, 8.4 milímetros de espessura. O Kevlar traseiro dá uma sensação de material aderente, como uma borracha. Desta forma, ao segurar o smartphone na mão, você não fica com receio de que ele poderá deslizar em pouco tempo.

Motorola Razr HD
Motorola Razr HD

Um ponto negativo foi a gaveta para os cartões micro SIM e microSD, que necessitam de uma chave especial. Nenhum clipes de papel vai entrar lá. Claro que este aparelho não é voltado para quem fica trocando de chip o tempo todo (principalmente por contar com micro SIM, um padrão ainda não tão comum nos celulares), ou seja, este ponto negativo pode passar um pouco desapercebido.

Desempenho do Android

Assim como já aconteceu no Razr i, a Motorola colocou o mínimo de modificações no Android, o que mostra que a compra do Google é proveitosa para quem não aguenta mais modificações do sistema operacional, que as vezes, interfere no desempenho do gadget. A versão do sistema operacional móvel do Google que roda por aqui é a 4.0.4 e tudo roda rápido, mesmo sem um processador quad-core.

Motorola Razr HD
Tela inicial do Motorola Razr HD

Uma modificação da Motorola, que eu aprovei, é o acesso à configurações rápidas quando você arrasta a tela até a última home da esquerda. De lá é possível ligar e desligar vários recursos. Do outro lado, é possível adicionar ou remover telas. Além disso, é possível alterar o tamanho de alguns widgets, função especialmente bacana para o widget de calendário e de e-mail, já que mais conteúdo é exibido.

Motorola Razr HD
Apps já instalados

De fábrica, a Motorola já traz instalado o Smart Actions (app que permite realizar funções de acordo com a localização, existente em outros modelos da linha Razr), editor de vídeos, Facebook, Google Drive, leitor de livros da Saraiva, QuickOffice completo uma demonstração do game Shrek Kart.

Motorola Razr HD
Tela de configuração rápida

Mesmo com uma resolução tão alta, os apps rodam sem apresentar nenhuma qualidade inferior no conteúdo. O mesmo ocorre com o desempenho de todo o sistema operacional. Não encontrei nenhum travamento, um trabalho bem feito pelo processador e a memória RAM.

Motorola Razr HD
Chrome

O navegador é o Chrome, o que significa que você poderá sincronizar abas e histórico com a versão do browser que roda no computador. Como o Android 4.0 não oferece suporte ao Flash, você não terá acesso ao conteúdo de alguns sites. A navegação pode ser feita por abas e há um gerenciador bacana de downloads.

Motorola Razr HD
Nenamark 2

Nos benchmakrs, utilizamos o AnTuTu, Quadrant e NenaMark 2. O número de quadros por segundo não baixou de 59 em nenhum dos testes, e os resultados apresentaram desempenho superior ao HTC One X, que tem processador quad-core.

Motorola Razr HD
Quadrant
Motorola Razr HD
AnTuTu
Jogos e multimídia

Este Motorola não é o aparelho mais parrudo do mercado, mas mesmo assim ele consegue reproduzir jogos pesados sem problemas. Testamos o Shadowgun, em um modo multiplayer e a taxa de quadros por segundo se manteve acima de 30 o tempo todo. Já no Angry Birds Star Wars, versão mais recente do game da franquia, o título rodou perfeitamente, sem qualquer travada.

Motorola Razr HD
Angry Birds Star Wars
Motorola Razr HD
Shadowgun

Com um processador dual-core de 1.5 GHz, acompanhado de 1 GB de memória RAM e 16 GB (12 GB livres para o usuário), pode ter certeza que ele vai continuar aceitando jogos por muito tempo, sem reclamar da idade.

Motorola Razr HD
Reprodutor de música

O player de músicas aceitou qualquer qualidade de MP3 - de 64 até 320 kbps. Ele é o padrão do Google, o que significa que não há nada especial por aqui, como letras das músicas, mas que acessa as canções salvas no Google Music. De fábrica, ele já conta com equalizador para o som reproduzido, o que é bacana para fones de ouvido de alta fidelidade. Há cinco equalizações, além de uma personalizada.

Motorola Razr HD
Player de vídeo

Não há player específico para vídeos. Você vai reproduzir tudo a partir da galeria de imagens do Android. Testamos vídeos em 1080p, 720p e 480p. Todos rodaram perfeitamente. O player de vídeo também não oferece uma gama de recursos extras, mas a partir dele é possível compartilhar o que você assiste no Facebook, por exemplo.

Câmera

O sensor fotográfico instalado neste smartphone é capaz de registrar fotos de até 8 megapixels, com resolução de 3264x2448. Ok, imagem final é grande, mas a qualidade poderia acompanhar a quantidade de pixels. Isso não acontece. Este é um histórico da Motorola, que não cria boas câmeras, e mais um exemplo de baixa qualidade está por aqui.

Motorola Razr HD
Câmera de 8 megapixels

Quando a foto está na tela do aparelho, que é pequena, você nem nota. Porém, quando está em seu tamanho completo, numa tela grande, o ruído é visível - até em fotos diurnas. Este modelo é superior aos outros Razr, principalmente quando pensamos no primeiro representante Android desta linha. Ela consegue registrar várias fotos em um segundo, e este é um recurso bom para fotos em movimento - espere qualidade ainda inferior destas imagens em sequência.

Motorola Razr HD
Sem HDR
Motorola Razr HD
Com HDR

Da câmera é possível registrar fotos em panorama e até com o HDR, que melhora alguns locais com pouca - ou muita - luz. A qualidade baixa é visível em impressões e quando a imagem está em 100% de sua resolução, mas é boa o suficiente para fotos de boa qualidade para redes sociais, ou para ficar na tela do aparelho mesmo.

Os vídeos seguem o mesmo comentário, com granulações visíveis em filmagens ao meio dia. O filme tem resolução Full HD, mas é possível alterar esta configuração, para arquivos com tamanho menor.

Pontos fortes e pontos fracos

Pontos fortes

  • Pegada robusta
  • Android quase puro
  • Primeiro smartphone pronto para o nosso 4G
  • Ótima qualidade da tela

Pontos fracos

  • 4G ainda não existe no Brasil
  • Sem app para vídeo

Conclusão

Se você já quer ficar preparado para o nosso 4G, é uma boa pedida. A qualidade da tela é superior aos concorrentes, tão boa quanto as dos Samsung mais caros. Falta um app de vídeo nativo e a integração do player de música com o Google Music seria melhor, se este serviço na nuvem estivesse disponível no Brasil.

O problema é que este aparelho custa R$ 2 mil. Problema piora quando temos um Razr i, tão bom quanto o HD, só que muito mais barato.

Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Caro, para um 4G que ainda nem existe no Brasil

Embalagem e características

Tudo organizado, mas faltou o carregador veicular

Comodidade

Confortável na mão. Textura de Kevlar ajuda na sensação de um dispositivo robusto

Facilidade de uso

A falta de personalização do Android pode dificultar os menos entendidos no assunto

Multimídia

Rodou tudo, menos arquivos em mkv. Porém, este problema é resolvido com um player terceiro

Votação Geral

Complicado dizer que vale a pena, com o Razr i com um desempenho bem próximo, e muito mais barato

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Motorola Razr HD