» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
688

Motorola Moto G24

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral

O Moto G24 chegou em duas versões no mercado nacional. Temos a tradicional em mãos e também temos análise da variante Power que traz mais bateria como seu principal diferencial. Será que o Moto G24 é um bom celular básico para comprar? Vamos conferir seus pontos fortes e fracos nesta análise do TudoCelular.

Acessórios

O Moto G24 vem em embalagem escura com nome na cor laranja e além do celular, você recebe os seguintes acessórios:

  • Carregador de 20W de potência
  • Cabo USB no padrão C
  • Chavinha da gaveta do SIM card
  • Guia do usuário
Design e conectividade

O Moto G24 traz design atual com seu corpo feito em peça única de plástico evitando ter um bloco separado para as câmeras. A área onde ficam os sensores tem um leve destaque do restante da traseira e abriga duas câmeras e um flash de LED.

O corpo é feito de plástico fosco na traseira e laterais e pode ser encontrado em três opções de cores: testamos o modelo verde que possui tom metálico com visual agradável, mesmo caso da versão rosa, enquanto há um mais discreto em tom de grafite.

É bom ver que a Motorola usou cores diferentes para a versão Power do Moto G24, assim ajuda a identificar qual é o aparelho que você está comprando. O modelo com maior bateria é um pouco mais gordinho e vem em duas opções de azul.

A Motorola vem abandonando o antigo entalhe em formato de gota mesmo nos seus modelos de entrada e o G24 também é um que adota furo na tela para a câmera de selfies. As bordas podem não ser as mais finas da categoria, mas ainda estão dentro do aceitável. Só a inferior que é muito mais larga que as demais e destoa do design.

O básico da Motorola traz leitor de digitais integrado ao botão de energia. Ele funciona bem ao reconhecer a digital, mas há um pequeno atraso no desbloqueio na tela. Ainda assim está dentro do esperado para um aparelho deste porte.

Para quem ainda usa fones de ouvido com fio, há entrada no topo do aparelho. A gaveta vem na lateral esquerda e permite usar dois chips e um cartão microSD ao mesmo tempo. A Motorola alega que o G24 suporta cartões de até 1 TB para expandir seus 128 GB de armazenamento.

Em conectividade temos Wi-Fi padrão AC com suporte a redes mais rápidas de 5 GHz, Bluetooth 5.0 e rádio FM com banda estendida. O G24 fica devendo 5G e NFC.

Tela e som

A Motorola adotou uma tela de 6,6 polegadas com resolução HD+ e taxa de atualização de 90 Hz. O painel IPS LCD escolhido não impressiona em brilho e fica no mesmo patamar dos modelos mais básicos da marca. Para uso em locais fechados não haverá problema, mas em dias ensolarados pode complicar a legibilidade.

A tela tende a saturar as cores por padrão, mas isso pode ser corrigido nas configurações ao mudar para o perfil de calibração natural. Também é possível regular a temperatura das cores para deixar o branco mais frio ou quente.

A taxa de atualização vem em modo automático por padrão e alterna entre 60 e 90 Hz para entregar boa fluidez sem comprometer a bateria. Caso prefira maior autonomia, você pode travar na velocidade inferior.

O G24 é capaz de reproduzir som estéreo graças ao seu alto-falante de chamadas que atua como canal secundário. Ambos os lados alcançam bom nível de volume para uma experiência bem equilibrada.

A qualidade sonora agrada para a categoria, apesar de pecar nos médios. Pelo menos os agudos e graves são reproduzidos com pouca distorção e há equalizador completo com suporte a Dolby Atmos.

Desempenho

O G24 vem equipado com o chipset Helio G85 da MediaTek, que já tem alguns anos de mercado. Ele traz processador octa-core com dois núcleos de desempenho A75 e seis de baixo consumo A55. A GPU é a Mali-G52 com dois núcleos gráficos.


Há 4 GB para o multitarefas e a Motorola adota o RAM Boost que usa 4 GB do armazenamento por padrão para dobrar a quantidade de RAM. Isso não chega a impactar no uso com vários apps e o celular ainda recarrega os aplicativos em segundo plano com frequência.

Em benchmarks temos números nada empolgantes com menos de 300 mil pontos no AnTuTu. E nos jogos? Testamos Call of Duty na qualidade Média com taxa de quadros no Alto, mas não foi possível ativar nenhum dos recursos extras. No PUBG podemos ter boa experiência na opção HD no Alto com tudo ativado.

Bateria

A única diferença entre o Moto G24 e o G24 Power é o tamanho da bateria. No modelo tradicional temos 5.000 mAh, sendo 1.000 mAh a menos que o outro. Será que há grande diferença na autonomia?


Em nosso teste tradicional que simula uso moderado com apps populares e alguns jogos inclusos tivemos uma média de 25 horas de autonomia. O G24 Power rendeu 7 horas a mais nas mesmas condições, o que significa uma diferença de quase 30%.


A Motorola manda o carregador TurboPower de 20W na caixa que leva quase 2 horas para encher totalmente a bateria. Ao fazer uma carga rápida de 15 minutos terá 19% para usar e 36% com meia hora na tomada.

Câmeras

O conjunto fotográfico é formado por câmera de 50 MP e macro de 2 MP. A frontal traz sensor com resolução de 8 MP.

Apesar do bom sensor presente no G24, não espere muito da qualidade fotográfica. Temos fotos decentes em dias ensolarados e o básico da Motorola não sofre tanto para fazer fotos no fim de tarde com o sol de fundo.

Desfoque



Ao usar o desfoque de cenário feito via software, vemos que o HDR fica limitado e deixa o excesso de luz de fundo ainda mais estourado. O efeito nem sempre é certeiro e pode acabar desfocando toda a foto em cenários complexos.

A macro não possui uma distância focal muito curta, mas ainda captura fotos com boas cores. O zoom é puramente digital e seu alcance é curto. Se tentar capturar algo o mais longe possível, haverá grande perda de qualidade.

Macro


O Moto G24 agrada nas fotos à noite. Ele traz modo noturno eficiente que prolonga a exposição para deixar mais luz chegar ao sensor sem deixar os ruídos mais evidentes. Ainda temos boas cores e contraste, enquanto o desfoque de cenário deixa as imagens um pouco mais escuras.

Zoom


Apesar do sensor simples na câmera, ela ainda é capaz de fazer boas selfies, mesmo em locais com luz mais precária. Há boas cores e poucos ruídos. Usar o flash de tela pode não trazer uma grande diferença de brilho, então sempre prefira fazer fotos próximo a uma fonte de luz. O efeito retrato traz poucos erros e não interfere na qualidade.

Selfies



O Moto G24 filma em Full HD com a câmera traseira e frontal. A qualidade dos vídeos é decente e há boa estabilização para lidar com os tremidos. Seu foco é ágil para o segmento e a captura de som é apenas mono com qualidade razoável. Ele sofre com filmagens bastante escuras à noite, especialmente com a frontal.

Software

O G24 sai da caixa com Android 14 e vem com interface mais limpa que não traz todos os recursos dos modelos mais avançados. Até mesmo aquele app Moto está ausente, mas boa parte dos extras podem ser encontrados no menu Gestos nas configurações do sistema.

Entre os mais populares temos o de ligar a lanterna ao sacudir o celular e o de abrir a câmera ao girar o aparelho. Também há o atalho para acessar a câmera pelo botão de energia e de fazer capturas de tela ao tocar com três dedos.

O Painel Lateral está presente e permite incluir até seis atalhos para os apps que você usa com mais frequência.

Rivais

O Moto G24 seria uma melhor compra que o Galaxy A15? O rival coreano traz tela com resolução superior e painel Super AMOLED com brilho mais forte e melhores cores. O som é apenas mono e também não empolga em potência e qualidade. O A15 é mais rápido e a bateria dura muito mais, apesar do tamanho similar. O Galaxy faz melhores fotos em locais bem iluminados.

A Xiaomi briga no segmento com o Redmi 13C que também tem bateria de 5.000 mAh e rendeu quase o mesmo em nossos testes. Já em desempenho, temos vantagem para o da Xiaomi. Ele também não empolga no nível de brilho da tela e o som é apenas mono. O 13C captura fotos com cores mais vibrantes em dias ensolarados e perde em nitidez nas fotos noturnas.

Pontos fortes e fracos

Pontos fortes:

  • Design moderno
  • Tela de 90 Hz
  • Som estéreo
  • Autonomia de bateria

Pontos fracos:

  • Desempenho abaixo da média
  • Tela com brilho baixo
  • Câmera macro irrelevante
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Seu custo-benefício não é dos melhores e até encontrará outras opções da Motorola no mesmo preço

Embalagem e características

Embalagem traz apenas carregador de 20W de acessório

Comodidade

O Moto G24 é um celular confortável de usar com uma mão, apesar de ser um pouco escorregadio

Facilidade de uso

O G24 sai da caixa com Android 14 e vem com interface mais limpa que não traz todos os recursos dos modelos mais avançados

Multimídia

Tela apresenta cores bacanas, mas poderia ter melhor brilho; som estéreo agrada em potência

Votação Geral

O Moto G24 é um bom celular básico, mas tem como rival o G24 Power que custa o mesmo e tem bateria maior

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Motorola Moto G24