» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
1.251

realme 11x 5G

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral

Temos em mãos o realme 11x, a versão mais básica do realme 11 que vem com muitas características em comum, mas perde a câmera de 108 MP para tentar entregar um melhor custo-benefício. Será que esta versão é uma compra mais interessante? Vamos conferir.

Acessórios

O realme 11x 5G vem em embalagem amarela com o nome do modelo na tampa, mas sem ilustração do aparelho. Além do celular, você recebe os seguintes acessórios:

  • Carregador de 33W
  • Cabo USB no padrão C
  • Chavinha para a gaveta do cartão SIM
  • Capinha de silicone
  • Guia do usuário
Design e conectividade

O design do 11x lembra o modelo mais avançado da linha, apesar de ter uma elegância mais sutil. Ainda temos um celular fino com corpo reto e corte suave nas bordas para uma pegada confortável.

Ele pode ser encontrado no mercado nacional em duas opções de cores: Purple Dawn e Midnight Black. A cor mais clara é a que recebemos para testes e possui um efeito degradê que vai do azul claro na parte superior para um lilás na parte inferior. Além disso, há o mesmo efeito luminoso em forma de S e o acabamento em glitter para um resultado bastante brilhante.

A outra opção traz um tom de grafite mais discreto com acabamento fosco. A lateral de cada um segue o tom da traseira e temos design plano para uma boa pegada. O aro que abriga as câmeras é grande e bastante saltado da traseira. Há dois sensores com aros largos acompanhados de flash em LED logo abaixo.

O realme 11x faz um bom aproveitamento da parte frontal, apesar da borda inferior ainda ser maior que as demais. No topo temos um furo para a câmera de selfies em posição centralizada. O leitor biométrico vem integrado ao botão de energia na lateral direita e funciona desde que posicione o dedo corretamente.

Há entrada padrão para fones de ouvido na parte inferior. Temos gaveta tripla na lateral esquerda que permite abrigar dois chips e um cartão microSD para expandir o armazenamento de 128 GB. A realme alega que o 11x suporta cartões de até 2 TB.

Em conectividade temos 5G, Wi-Fi de quinta geração para suporte a redes mais velozes de 5 GHz, Bluetooth 5.2 e NFC.

Tela e som

A tela é a mesma do realme 11 e aqui temos um painel IPS LCD de 6,72 polegadas com resolução Full HD+ e taxa de atualização de 120 Hz com sensor de toque que responde a no máximo 240 Hz, o que garante menor latência em jogos.

O nível máximo de brilho é decente e está acima de outros com painel LCD, porém abaixo de intermediários acessíveis com tela AMOLED. Você pode até não ter a melhor visibilidade em dias ensolarados, mas não vai sofrer tanto para usar o celular em locais abertos.

A taxa de atualização vem em modo dinâmico que regula a velocidade a depender da necessidade. Em modo estático chega a 45 Hz quando ficamos mais de 3 segundos sem tocar na tela. Durante a navegação é normal a tela ficar em 60 Hz e subir para 90 Hz na rolagem de página, enquanto as animações e o sistema em si fluem a até 120 Hz.

Ele vem no perfil Vívido por padrão que traz cores mais saturadas puxadas para o tom frio. Você pode regular a temperatura ou mudar para o perfil Natural que traz uma calibração com cores mais realistas.

Há apenas um alto-falante no realme 11x que fica na parte inferior do aparelho. O som é apenas mono e não chega a empolgar nem em potência e muito menos em qualidade. Os agudos se destacam mais que as demais frequências, sobrepondo especialmente os médios. Os graves até estão presentes, porém de forma sutil.

Desempenho

O realme 11x também vem com o chip Dimensity 6100 Plus da MediaTek que traz processador octa-core formado por dois núcleos da série A76 e mais seis da série A55. A GPU é a Mali-G57 com dois núcleos gráficos. O modelo nacional traz 8 GB de RAM que pode ser expandida para até 16 GB usando parte do armazenamento.


O software não está tão bem otimizado neste modelo e apesar do hardware ser o mesmo do mais caro, acabou ficando abaixo em nosso teste de velocidade focado no multitarefas. Ele recarregou alguns apps abertos em segundo plano, especialmente jogos, o que é decepcionante para um aparelho com 8 GB de RAM. Já em benchmarks temos números similares com média de 300 mil pontos no AnTuTu.

O 11x é capaz de rodar Call of Duty na qualidade gráfica Média com taxa de quadros no Alto com anti-aliasing ativado. No PUBG temos bom desempenho na opção HD com taxa de quadros no Alto e todos os recursos ativados.

Bateria

A bateria de 5.000 mAh é um tamanho padrão para o segmento, mas será que é capaz de entregar autonomia para o dia todo? Em nosso teste padronizado que simula uso moderado tivemos uma duração média de 27 horas, o que o coloca acima de muitos do segmento.


O carregador que vem com este modelo é menos potente comparado ao que vem na caixa do mais avançado da linha, mas ainda temos uma boa opção com tecnologia SuperVooc com potência máxima de 33W.


O realme 11x enche totalmente sua bateria em pouco mais de 1 hora e em 15 minutos na tomada já recupera quase um terço da capacidade, chegando à metade em 30 minutos.

Câmeras

O conjunto fotográfico é simples e vem com câmera de 64 MP e uma de 2 MP para modo retrato. Esse é um dos pontos em que temos uma diferença considerável para o realme 11, mas será que o sensor de 108 MP faz realmente falta?

Esse modelo mais básico faz boas fotos e entrega cores e contraste com o mesmo nível do modelo mais caro. Isso já era esperado considerando que o hardware é parecido, assim como o software, mudando apenas o sensor em si.

Desfoque



A diferença principal fica na nitidez. Como aqui temos um sensor com resolução inferior, menos detalhes são registrados. Isso só fica evidente quando você amplia uma foto e não vai incomodar quem busca um celular apenas para compartilhar seus melhores momentos nas redes sociais.

A faixa dinâmica é pouco limitada por padrão, mas quando o HDR entra em ação temos um bom equilíbrio entre as zonas claras e escuras, sem deixar a pessoa ofuscada por uma forte luz de fundo.

Zoom


O zoom é apenas digital e até faz fotos decentes se não tentar fotografar algo muito distante. Como não há uma câmera macro, terá que usar a principal para fazer capturas próximas e o resultado é decente. A dedicada para profundidade poderia ser melhor e sofre para fazer o contorno em cenas mais complexas. O efeito em si tem boa qualidade.

O realme 11x não chega a decepcionar à noite e ainda captura boas imagens com cores e contraste na média do segmento. Há modo noturno para prolongar a exposição e deixar mais luz entrar no sensor e assim temos fotos mais claras sem muitos ruídos aparentes.

Noturno



A frontal traz um sensor simples de 8 MP que possui metade da resolução do mais avançado da linha, mas não necessariamente implica em selfies com metade da qualidade. No geral, o realme 11x faz boas fotos, especialmente em locais com pouca luz com seu modo noturno eficiente. O modo retrato apresenta melhores resultados que os da câmera dedicada na traseira.

Selfies



A filmadora grava em Full HD com a traseira e frontal. É possível filmar com ambas ao mesmo tempo sem ter queda na fluidez. A qualidade dos vídeos fica abaixo do que temos nas fotos e não há estabilização para lidar com os tremidos. O foco é até ágil na maior parte do tempo, enquanto a captura de som, apesar de estéreo, sai um pouco abafada.

Software

O software vem com o Android 13 modificado pela Realme UI 4.0. No momento em que testamos, o realme 11x estava com pacote de segurança relativamente recente e deve ser atualizado nos próximos meses para a próxima versão do robozinho.

Há vários recursos extras como o Barra Lateral Inteligente para você deixar os apps favoritos de forma mais acessível de qualquer tela. Há suporte há alguns gestos como deslizar três dedos na tela para fazer uma captura ou mesmo segurar com três dedos para selecionar apenas uma parte da tela para fazer a captura.

O gerenciador de arquivos traz alguns recursos interessantes como a possibilidade de bloquear apps com uso de senha. É possível ocultar aplicativos importantes que você acessa apenas ao digitar o código escolhido pelo discador. Também temos o modo cofre que seria a Pasta Segura visto no sistema de outras fabricantes. Neste modo poderá separar seus arquivos para pedir senha ao acessá-los.

Rivais

Vale a pena investir no realme 11x ou o Moto G54 com Dimensity 7020 é mais negócio? Apesar do hardware mais potente, o modelo da Motorola acabou perdendo em nosso teste de velocidade, talvez por contar com metade da RAM no modelo básico. Em tela temos um painel menor com mesmo nível de brilho, mas em som temos áudio estéreo de melhor qualidade. O realme ganha em bateria, tempo de recarga e compete bem em câmeras.

Se você prioriza tela então pode preferir o Galaxy M34 que vem com painel Super AMOLED com brilho superior e cores mais vibrantes. Ele traz hardware Exynos da Samsung que se mostrou mais ágil em nosso teste de velocidade, além de vir com grande bateria que dura muito mais. Ambos fazem boas fotos, enquanto o modelo coreano leva vantagem na filmadora.

Pontos forte e fracos

Pontos fortes

  • Bateria dura bem
  • Rápido tempo de recarga
  • Câmera faz boas fotos
  • Melhor custo-benefício da linha

Pontos fracos

  • Poderia ter melhor som
  • Desempenho abaixo da média
  • Faltou câmera ultra-wide
Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

Seu custo-benefício é mais interessante que o do realme 11 5G

Embalagem e características

Embalagem traz capinha de silicone e carregador potente

Comodidade

É um celular escorregadio, mas vem com capinha na caixa para ajudar a proteger

Facilidade de uso

Interface é fácil de usar e vem com vários extras bacanas que aprimoram a usabilidade

Multimídia

Poderia ter tela AMOLED com brilho forte, mas painel LCD agrada; parte sonora não chega a empolgar

Votação Geral

O realme 11x 5G perde poucos recursos comparado ao mais caro e ainda mantém o que realmente importa para muitos

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o realme 11x 5G