» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!
1.499

Motorola Moto Z3 Play

Review
Custo - benefício
Embalagem e características
Comodidade
Facilidade de uso
Multimídia
Votação Geral
Unboxing e acessórios

A versão que analisamos veio com Moto Snap de áudio incluso no pacote. Há também outros pacotes lançados pela Motorola com as demais opções de Snaps, assim como também é possível adquirir apenas o aparelho avulso.

Na caixa você encontra, além do Moto Z3 Play, um carregador turbo de 15W de potência, cabo USB no padrão C, adaptador de P2 para USB-C, fone de ouvido, manuais e chavinha para abrir a gaveta híbrida. No nosso caso, tivemos ainda o Snap de caixa de som próprio da Motorola.

Design e construção

Ele chegou ao mercado no meio do ano, trazendo o conhecido design visto na linha Moto Z. Isso já era esperado, diante da necessidade de manter a compatibilidade com os Moto Snaps lançados desde a primeira geração.

O que muda do Moto Z2 Play para o modelo de 2018 é que a traseira voltou a ter acabamento em vidro, o que passa maior elegância, mas aumenta a fragilidade do aparelho. Ele herdou a câmera dupla do Moto Z2 Force, ao mesmo tempo que perdeu o flash frontal e a entrada P2 para fones de ouvido (também ausente no flagship de 2017).

Outra mudança no Z3 Play está no leitor biométrico, que agora fica na lateral como é visto em alguns smartphones da Sony. Ele ficou menos preciso do que a geração passada e deixa a desejar para as soluções encontradas no Zenfone 5 e Galaxy A8 Plus, por exemplo.

Tela e som

O Moto Z3 Play traz tela de 6 polegadas, entregando meia polegada a mais que seu antecessor sem aumentar as medidas do aparelho. O painel Super AMOLED escolhido pela Motorola exibe ótimas cores e alto brilho, o que não apenas entrega uma imagem bonita como também garante boa visibilidade em ambiente externo.

Na parte sonora o Moto Z3 Play até entrega uma qualidade de áudio decente, mas seus alto-falantes deixam a desejar para a concorrência, especialmente contra o Zenfone 5 tanto em potência quanto na qualidade do áudio.

A falta de entrada P2 obriga o usuário a sempre carregar consigo o adaptador que vem junto com o aparelho. O fone da Motorola é confortável e entrega bom som, sendo exatamente o mesmo visto no Moto Z2 Play.

Também experimentamos o Moto Snap de áudio da Motorola, mas este chega a decepcionar. O som é obviamente melhor do que o entregue por padrão no aparelho, mas a qualidade sonora é inferior ao Snap produzido em parceria com a JBL, apresentando som abafado.

Desempenho e jogos

Os últimos smartphones da Motorola testados pelo TudoCelular deixaram a desejar em desempenho, principalmente devido ao mau gerenciamento de RAM.

Em nosso teste de velocidade ele foi um pouco mais rápido do que o Galaxy A8 Plus e Zenfone 5 na abertura de apps e jogos, mas assim como aconteceu com o Moto G6 e X4 ele não conseguiu manter os apps abertos na memória - diferente dos rivais da Samsung e Asus.

Em benchmarks ele fica no mesmo patamar dos concorrentes, sendo capaz também de entregar bom desempenho em jogos. O único ponto que ele realmente deixa a desejar é no seu gerenciamento de RAM.

Câmeras

O Z3 Play traz na traseira câmera dupla, sendo o sensor secundário responsável por desfocar o fundo dos cenários. O conjunto funciona bem e entrega um salto considerável comparado à geração anterior.

A qualidade geral das fotos fica acima do que é entregue pelo rival da Samsung, com cores mais equilibradas e melhor controle do HDR. No entanto, o Galaxy A8 Plus obtém melhores selfies, especialmente em lugares mal iluminados.

Em vídeos, o Z3 Play também manda bem, apresentando tanto resolução Ultra HD a 30fps quanto Full HD a 60fps. Ele registra boa qualidade de imagem e som e reduz os tremidos de forma eficiente. A filmadora também entrega melhores resultados em ambientes mal iluminados comparado aos rivais.

Para quem busca a melhor câmera neste segmento, o Zenfone 5 seria a opção mais indicada, mas o Moto Z3 Play deve atender bem as necessidades da maioria dos usuários.

Bateria

O modelo da Motorola ganhou tela maior, mas manteve a mesma bateria da geração passada. E como esperado, a autonomia acabou caindo. Ainda assim, ele entrega a mesma duração de bateria que o Zenfone 5, mas fica abaixo do Galaxy A8 Plus que passa mais tempo longe da tomada.

A boa notícia é que o carregador Turbo da Motorola faz jus ao seu nome e recarrega rapidamente a bateria do Z3 Play, precisando de apenas 1 hora e 22 minutos para isso. Enquanto o rival da Asus chega a passar mais de 2 horas preso à tomada.

Software

O Moto Z3 Play conta com Android 8.1 Oreo sob a interface simples da Motorola que lembra bastante o Android "Puro", mas aqui temos algumas modificações para aprimorar a experiência que acabam pesando mais que o desejado, além de alguns aplicativos da própria empresa.

Os grandes destaques, como sempre, ficam dentro do app Moto, onde temos vários gestos para facilitar a vida do usuário, configurações do Moto Tela e também acesso ao Moto Voz, que continua em beta.

A Motorola confirmou que o Moto Z3 Play será atualizado para o Pie em breve. A empresa começou a liberar o update para o Moto X4 e não deve demorar para o que Z3 Play também receba.

Vale a pena?

O Moto Z3 Play é uma boa opção de intermediário. Ele entrega alta qualidade de construção, tela grande com ótima reprodução de cores, e câmera capaz de registrar boas fotos e vídeos. A sua bateria poderia ser melhor, mas o usuário pode adquirir o Moto Snap de bateria para prolongar a autonomia.

O seu maior ponto negativo vai para o gerenciamento de memória, que ao contrário do Zenfone 5 e Galaxy A8 Plus, não consegue manter os apps abertos em segundo plano.

Comparado aos rivais, o Z3 Play perde em qualidade sonora e câmera para o Zenfone 5, enquanto oferece menos bateria que o Galaxy A8 Plus. Mas para quem prefere uma experiência mais próxima do Android puro, o modelo da Motorola sem dúvidas é o mais indicado.

Avaliação final do Tudocelular
Custo - benefício

O Moto Z3 Play entrega câmeras muito melhores que a geração passada, corrigindo assim o principal ponto fraco do Moto Z2 Play. Temos, porém, alguns pontos onde o aparelho desandou, como a ausência de flash frontal e de uma porta P2 para fones de ouvido, a interface pesada e a autonomia de bateria. Considerando o preço cobrado, pode ser melhor ficar de olho no Galaxy A8 Plus.

Embalagem e características

Temos um bom carregador de tomada, fones de ouvido de boa qualidade, adaptador de USB-C para P2 e cabo USB, garantindo o conjunto básico completo. Todas as principais rivais, porém, já entregam capinha protetora em adição a isso.

Comodidade

O Moto Z3 Play é confortável de ser usado, porém sua traseira em vidro pode ser um tanto quanto escorregadia, além do tamanho tornar difícil usar o aparelho com apenas uma mão em alguns casos.

Facilidade de uso

Interface da Motorola tem bons diferenciais que facilitam a vida do usuário, porém boa parte deles fica

Multimídia

Temos uma ótima tela, mas que infelizmente não é acompanhada por um sistema de áudio equivalente. Isso é especialmente ruim quando lembramos da ausência da porta P2 para fones de ouvido.

Votação Geral

O Moto Z3 Play chegou como uma evolução natural de seu antecessor para se adequar às tendências de mercado, mas esbarrou em limitações impostas pela própria Motorola que podem acabar afastando alguns usuários.

Video

Onde Comprar

As melhoras ofertas para o Motorola Moto Z3 Play