LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Roxo quase vermelho? Nubank amplia prejuízos em 2018, mas há uma explicação

13 de setembro de 2018 20

Ao passo em que os Correios instituem uma taxa que deve tornar impeditiva a importação de bugigangas chinesas baratas para o Brasil, a Nubank foi no caminho inverso e decidiu acabar com a incerteza que compras internacionais significam na fatura no final do mês. A fintech há um bom tempo tem pensado em medidas inéditas de mercado para o consumidor, e outro exemplo disso foi o lançamento do pagamento antecipado de parcelas, que dá descontos ao consumidor.

Porém, isso tudo cobra dela um preço: as vantagens lançadas para os clientes são arcadas pela empresa, que acumulou no primeiro semestre de 2018 um prejuízo de R$ 51 milhões, 30% mais dívidas que no mesmo período de 2017.


Ao mesmo tempo, curiosamente, a fidelização da sua base de usuários com essas e outras medidas que criam uma imagem positiva da empresa também têm surtido efeito: o último relatório financeiro indica uma receita de R$ 503 milhões.

Segundo a fintech, o saldo negativo maior que o do primeiro semestre do ano passado era até esperado: houveram investimentos massivos na captação de novos clientes neste ano. Esses clientes possuem um custo inicial, que são para geração de cartões e frete. Só significação algum retorno em médio ou longo prazo.

Inclusive, para lidar com a nova demanda, a companhia aumentou sua base de funcionários de 350 para 900 recentemente, incluindo a alocação de alguns deles em um novo escritório em Berlim.

Ou seja, os fãs do roxinho não tem muito para se preocuparem: em síntese, tudo faz parte da estratégia da empresa, que deverá se mostrar correta (ou não) no balanço da segunda metade desse ano.


De acordo com informações da Exame, a fintech abriu esse ano uma rodada de captação de investimentos que arrecadou US$ 150 milhões para o seu caixa. Esse valor, segundo a empresa, ajuda ela a emitir mais cartões, além de gerenciar perdas com clientes inadimplentes.

Vale lembrar, a Nubank tem um programa de pontos para aqueles que não abrem mão de benefícios adicionais. Ele, inclusive, foi reformulado para cobrar menos em corridas da Uber e compras no iFood.

E você, já possui o seu roxinho? O que acha da companhia? Conte para a gente nos comentários!

Nubank

Desenvolvedor: Nu Pagamentos

Preço: grátis

Tamanho: Varia de acordo com a plataforma


20

Comentários

Roxo quase vermelho? Nubank amplia prejuízos em 2018, mas há uma explicação
Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones intermediários com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones intermediários com melhor autonomia | Guia do TudoCelular