LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Google Stadia chega oficialmente a 14 países e pode mudar a forma de consumir games

19 de novembro de 2019 9

Oficializada em março, a entrada do Google no mercado de games ganhou contornos oficiais hoje, com seu lançamento em 14 países. Desde seu primeiro anúncio, muitos detalhes sobre o funcionamento foram divulgados, mas com o lançamento, é hora de saber mais.

Como você já deve saber, o Stadia é um serviço de streaming de jogos que aproveita a infraestrutura em nuvem do Google para fornecer títulos para jogar sem a necessidade de um hardware específico para isso. O ambicioso projeto se junta a outros paradigmas já criados pela gigante de Mountain View, como Pesquisa, Chrome e o Android.

Para popularizar o Stadia, a companhia promete um grande esforço para que seja possível jogar os títulos disponíveis utilizando apenas o navegador Chrome e o Stadioa Controller, único hardware necessário. Assim, será possível jogar também em televisores com conectados a um Chromecast ou dispositivo móvel. O aplicativo do Stadia chegou à Play Store na última semana.

A televisão é, na visão de muitas pessoas, a melhor forma de consumir jogos, já que uma tela maior é a forma associada há muito tempo com video-games. Para isso, basta utilizar a conexão com o Chromecast Ultra, que garante conteúdo em resolução 4K.


O controle se conecta aos servidores do Google via Wi-Fi. Os comandos são enviados para o Stadia e refletidos na tela conectada ao Chormecast. Para funcionar corretamente, o Stadia demanda uma conexão mínima de 10Mbps. Nessa configuração, os jogos rodam em 720p a 60fps com som estéreo.

Com 20Mbps, já é possível jogar em 1080p com vídeo HDR e som sorround 5.a. A partir de 35Mbps, os jogos funcionam em 4K. O hardware do Stadia é formato por CPUs Intel e GPUs AMD com 10,7 teraflops de desempenho, ou seja, mais potentes que as do Xbox One X ou PlayStation 4 Pro.


Hoje, no lançamento, o Stadia Wireless Controller funciona apenas nas televisões, precisando de conexão via USB para ser usado em outros dispositivos. Além da TV, é possível jogar de forma móvel nos celulares da linha Pixel, a partir da segunda geraç~ão. Ainda faltam recursos nesse primeiro momento, mas a promessa da companhia é de atualizações semanais que trarão novas funcionalidades.

O Stadia não está oficialmente no Brasil. Em junho, foram abertas pré-encomendas do Founder's Edition nos seguintes países: Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, França, Itália, Alemanha, Espanha, Suécia e Dinamarca. Noruega, Finlândia, Bélgica, Irlanda, Holanda. O pacote inclui um joystick exclusivo, Chromecast Ultra, três meses de Stadia Pro e outros mimos por preço de US$ 129, ou R$ 541,12, em conversão direta.


9

Comentários

Google Stadia chega oficialmente a 14 países e pode mudar a forma de consumir games
  • Streaming de games é o futuro dos jogos. Em algum momento no futuro, vai ser mais fácil abrir uma tela e começar a jogar do que ter um hardware dedicado para isso. Entretanto, eu acredito que esse será um mercado inicialmente de nicho e, futuramente, talvez seja alguma ameaça à maneira tradicional que jogamos hoje.

    Por hora parece algo que não vai dar certo porque tem problemas. Mas é só lembrar que não muito tempo atrás, ninguém acreditava no YouTube, por exemplo. E quem acreditava, não imaginava na mudança que isso poderia trazer para a própria cultura como um todo. É lógico que streaming de games jamais vai trazer mudanças tão profundas na sociedade como streaming de filmes, séries ou músicas, mas ainda assim, o que talvez o Google esteja fazendo é se adiantando para, quando chegar o momento do streaming de jogos como uma possível substituição dos consoles, eles já estarem à frente em termos de know how.A única coisa hoje que pode trazer problemas é a questão tecnológica. Em quase nenhum país no mundo se tem uma rede de internet potente o suficiente para o Stadia poder mostrar todo o seu potencial. Mas acho muito bem vinda a tentativa. Talvez hoje ainda seja cedo para isso, mas é aquela coisa.... ninguém acreditava que o homem iria à lua um dia... até que ele foi.

      • eu gosto muito mais games antigos e console de mesa isso dai vai ser terror dos games po ainda nao engoli isso de steming po streming de musica ate vai mais streming de jogos vai ser uma merda porque voce vai jogar e nao vale a pena ainda mais jogo de tiro vai ficar dando bug toda hora e outra se tiver outra pessoa mexendo no wifi ai ferrou tudo nao a streming de jogos prefiro o meu console de mesa

          • acabou velho namoral eles conseguiram estragar o modo de jogar do games antigos namoral esse negocio de streming esse negocio e uma merda porque você depende tudo da internet

              • Conseguiram estragar "o quê" (?!?) jovem...???
                Os outros consoles tradicionais estão aí...
                Ninguém é obrigado a migrar, ou adotar, esse Stadia...

                • Hj tá disponível só a Founders edition, mas ano q vem vai tá disponível uma versão free que vc só compra I jogo é joga. Sem precisar do controle deles nem nd

                    • Espera aí... Você precisa comprar o controle, pagar uma mensalidade e ainda comprar o jogo??

                        • Agora eu tenho 60Mbps.
                          Quero um de %uD83C%uDF81 do TC, pelos serviços prestados.

                          Tech

                          Coronavírus: Brasil chega a 150.689 mortes em 5.103.408 casos confirmados | Relatório diário

                          Android

                          Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Setembro 2020

                          LG

                          Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

                          Android

                          Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review