LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Tudo sobre o Stadia, plataforma de jogos em nuvem da Google

19 de março de 2019 38

E o Project Stream da Google está saindo da sua fase de testes e prestes a se tornar um produto comercial. Com isso, ele é renomeado para Stadia, oficializado hoje (19) em evento da gigante de buscas nos Estados Unidos.

A companhia chegou chutando a porta para quebrar o tabu de que não seria capaz de entregar uma performance de console aos jogadores, entregando que individualmente é capaz de fornecer mais de 10 teraflops de processamento por segundo nas suas GPUS para os jogadores. Como comparativo, mostrou que mesmo o Xbox One X da Microsoft só chega a 6 Tflops/s.

Além disso, ainda com Assasins Creed: Odissey, mostrou a multi-conectividade que será possível com o serviço. Você vai poder começar o seu jogo no computador, pausar e continuar de onde estava em um tablet, e então concluir no seu celular, tudo de forma muito rápida.

Haverá uma forte integração com o YouTube por duas vias: será possível conferir um gameplay na plataforma de vídeos e através de um botão você acessar instantaneamente o jogo no seu navegador ou outro dispositivo aonde estiver. A Google informa que esse processo, pasme, não deve levar mais do que cinco segundos.


Já quem estiver jogando no Stadia poderá compartilhar um trecho do gameplay ou a jogatina ao vivo no YouTube através de um botão de um controle proprietário que a companhia irá lançar. Além desse acesso personalizado, ele também virá com um botão para a Assistente, que ativará o microfone do produto, e poderá ser consultada - sem que você saia do game - para ajudar com dicas dos títulos disponíveis.

Sobre o controle ele precisará estar conectado à mesma rede wi-fi que a do aparelho utilizado para o Stadia. A empresa promete ainda um reconhecimento inteligente que poupará o usuário de configurações adicionais.

Quando o assunto são os títulos que estarão disponíveis no serviço, já sabemos que o jogo da Ubisoft e também Doom Eternal são alguns dos confirmados. Esse último, inclusive, estará disponível em ultraHD, HDR e a 60 FPS.

No geral é essa a configuração máxima que a gigante de buscas pretende entregar com o serviço inicialmente. Ela acredita que no futuro o Stadia dará suporte também ao 8K.


Com uma conferência muito voltada a abrir as portas para os desenvolvedores, ela também anunciou que sua plataforma de desenvolvimento já é compatível com duas das maiores engines do mercado: Unreal Engine 4 e Unity. Além disso, criou um site para que quem ainda não se envolveu com a iniciativa possa obter informações sobre como integrar seus jogos ao serviço, mesmo que estejamos falando de indies.

O Stadia também abre suas portas para os outros consoles: a Google trabalhará com uma política de permissão de cross-play bastante ampla, mas para a iniciativa dar certo precisará ganhar adesão de suas novas concorrentes, como Microsoft, Sony, Nintendo e mesmo a Steam que pode se sentir ameaçada com essa novidade.

Como todo o processamento ocorre em nuvem, é sempre válido reforçar que o Stadia tende a democratizar o acesso a jogos modernos, principalmente se grandes parcerias forem fechadas com grandes estúdios. Afinal, dispositivos simples, mesmo que não sejam computadores, teriam acesso a títulos robustos e bem acabados, com um investimento que esbarraria unicamente na assinatura do serviço.


Também por ser um serviço de nuvem, a gigante de buscas reafirma que o Stadia é seguro e blindado contra trapaceiros e hackers.

Controles parentais estarão disponíveis permitindo que os pais configurem que jogos, quando e onde podem ser jogados.

Encerrando, para além do serviço em si e do controle proprietário, a Google anunciou o Stadia Games and Entertainment, seu estúdio first-party para o desenvolvimento de títulos possivelmente exclusivos. Porém, não antecipou nenhum deles para o público.

O Estadia estará disponível ainda em 2019, mas em regiões selecionadas como os Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Europa. Preços do serviço também não foram divulgados, mas sabemos que o Chrome corre para estar completamente lapidado em seu lançamento comercial, com a compatibilidade de controles de terceiros, por exemplo.

Sendo assim, não apenas o mercado de consoles ganha um concorrente de peso, mas também serviços que já apostavam em um modelo similar. É o caso do Samsung Gamefly, e também do GeForce Now.

Nos próximos meses deveremos conhecer com mais profundidade essa grande empreitada da companhia, mas uma coisa é certa desde já: com toda a responsabilidade de um bom gameplay ficando à cargo da banda larga do usuário, é bom já ir preparando ou melhorando a sua rede para uma experiência positiva quando, e se, o serviço chegar por aqui.

E você, o que achou do Google Stadia? Conte para a gente nos comentários!


38

Comentários

Tudo sobre o Stadia, plataforma de jogos em nuvem da Google
  • Nem em países desenvolvidos e nem no Brasil será um serviço seleto para pessoas de alto poder aquisitivo, quem vai pagar uma internet de alta conexão e isso de jogar dependendo da internet não rola, a mídia tem que ser física imagina no meio do jogo a conexão baixa ou perde! Não é todo mundo que mora nos Estados Unidos e tem iPhone ou carro do ano e nem condições de bancar isso, isso apenas vai tirar o alcance da maioria e limitar o acesso! Porque será que a Google ficou com medo de lançar um console para bater de frente com a Microsoft e a Sony? Porque não dão conta, agora inventar que um servidor online é mais potente que um console não acredito!

      • Isso pode funcionar em outros países , mas em se tratando de Brasil acho que não vai funfar não, internet aqui ainda está no tempo das cavernas kkkk

        • Os games entram em uma nova fase baseado na nuvem. Microsoft e Google possuem know-how nesse segmento, agora a Sony nunca comercializou ou disponibilizou um datacenter baseado em nuvem para milhares de pessoas/empresas e acho que terá mais dificuldades. Um exemplo é a PSN que amigos relatam instabilidade rotineiramente, imagine hospedar e executar jogos em nuvem como será dificil para ela.

            • Talvez eu esteja escrevendo besteira, mas seria interessante adicionar o Google Chrome Cast a essa lista. Jogar na tv usando o dispositivo mais o controle da Google seria bem legal. Ainda espero q o serviço tenha compatibilidade com outros controles, como o do Xbox one, jogar no pc usando o serviço e outro controle seria bacana, mesmo no smartphone, que o controle do Xbox se conecta ao bluetooth do smartphone.

                • O maior problema nem é ter uma super banda.
                  Com 25 mbps e 30ms já rodaria muito bem 1080p 60fps.
                  O problema é que a internet por melhor que seja pode passar por instabilidade, perda de pacotes. Isso em um stream pode complicar muito se for recorrente.
                  Se acontecer uma lag de forma rara, já estaria muito bom, pois até jogando local, às vezes acontece algo estranho.

                  O teste da Google foi muito bom, pois a troca de dispositivos e continuando o jogo onde parou em um, ( apesar de ter ocorrido pequenas falhas) foi muito interessante.

                  Enfim, não é pra todos e mesmo para os que poderão jogar, ainda falta um bom caminho para ser aplaudido.

                    • Falou tudo %uD83D%uDC4F%uD83D%uDC4F%uD83D%uDC4F se o jogo instalado na memória já tem erros imagina conectado online, e o mais vc não em o game no seu poder ele está num servidor do Google! Não gosto dessas nova onda games tem que ficar no físico no real nada de virtual!

                      • Saudades de games que era só soprar o cartucho e boas. RIP Super Nintendo.

                          • Essa bancarrota, não ira funcionar com 100% de eficiência será difícil conciliar stream de jogos vs conexão banda larga. Pra entregar um produto de alta performance e escalabilidade no minimo precisa de ter uma conexão de 2 Gigabits por segundo e sem gargalo

                            • Muito show, mas eu ouvi dizer que o Xcloud rodará a 10mbps. Será? Se for, vai ser uma briga boa. Posso estar falando besteira aqui, mas achei que seria bem mais teraflops devido o espaço físico da nuvem ser maior que um console, ou seja, a qualidade ser maior nesse sentido. Fazendo uma relação espaço/qualidade. Se é que isso tudo tem a ver.%uD83E%uDD37%uD83C%uDFFB

                                • Achei o controle parecido com o do xbox

                                    • Parabéns pela iniciativa. Vai elevar o nível de qualidade de concorrência. Foi apenas um anúncio de um serviço, não um lançamento, mas foram muito mais agressivos que a própria MS no anúncio. Google está mesmo de parabéns.

                                        • Com 30mb de upload/download meu desempenho com o recém lançado Steam Link Anywhere ainda é bem complicado. Torço que o futuro serviço do Google seja melhor otimizado. (levando em consideração, óbvio, que o serviço da Valve está em early beta).

                                            • chupa microsoft

                                              • Engraçado a galera rypando isso, coisa que a Microsoft anunciou na E3

                                                • interessante, mas para mim a google deveria ter pensado em paises que não possuem uma internet boa e lançado junto um "console" tambem para poder jogar alguns titulos offline.

                                                    • Concordo com o seu comentário. Acredito que a estratégia da microsoft seja mais coerente, migrando gradativamente para o streaming mantendo os consoles ate que o streaming possa substitui-los adequadamente proporcionar uma experiência de gameplay equivalente a dos console e computadores.
                                                      Podemos ver na matéria que a google ja selecionou os paises que o serviço estará disponível inicialmente, são paises de primeiro mundo que fornecem serviço de internetde de quaidade para suportar as especificações necessárias para que o serviço funcione de forma plena.

                                                        • Calma filhote a Microsoft vem com o xcloud e você precisará somente de 2mg de Internet

                                                        • Rapaz..... Sinistro!!!!!

                                                            • Meu maior sonho é que com notícias assim saindo a todo ano as empresas de banda larga no Brasil procurem melhorar o seu serviço. Moro em zona urbana - bem próximo a capital - e a maior velocidade de banda larga da minha cidade é de 15MB/s. E quando vc liga para solicitar uma velocidade maior eles simplesmente falam que a central n alcança onde moro. Eu n entendo nada sobre isso mas eu queria mesmo usufruir serviços tranquilamente sem ter que me preocupar em desligar o Wi-Fi dos celulares para conseguir assistir Netflix na TV em resolução alta. E pensar que ainda querem - pq nada me tira da cabeça que eles desistiram - colocar pacotes para por limite de dados como nos serviços oferecidos no celular.

                                                                • Vi a live inteira e fiquei realmente impressionado com as possibilidades

                                                                    • Esse controle vai machucar com quando sair o valor... Eu tenho certeza!

                                                                        • Dessa vez a Google acertou em cheio.

                                                                            • Legal este tal de Stadia da Google, uma revolução quando se trata de jogar jogos de consoles no celular. Mas jogar somente com internet, ainda mais com a internet lenta do Brasil ? Quero não obrigado haha.

                                                                              Android

                                                                              Melhores smartphones: TOP 10 do TudoCelular para você | Abril 2019

                                                                              Especiais

                                                                              Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas

                                                                              Android

                                                                              TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

                                                                              Android

                                                                              TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular