LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

E agora, Apple?! Usuários que migram do Android preferem iPhones antigos

01 de março de 2024 45

Apesar de ter diminuído nos últimos anos, a migração de usuários do Android para o iPhone continua acontecendo, principalmente em mercados desenvolvidos. Contudo, uma pesquisa divulgada pela "Consumer Intelligence Research Partners" revelou que esses consumidores não estão comprando os aparelhos da linha iPhone 15.

Os números divulgados deixam evidente que o iPhone 14 ou a variante 14 Plus são os mais populares entre quem sai do Android, respondendo por 26%. Já as variantes iPhone 14 Pro ou 14 Pro Max ficam com 25% das vendas da Apple.

Na visão dos analistas de mercado, isso mostra que a linha iPhone 15 não tem destaques relevantes o suficiente para convencer o ex-usuário do Android a comprar uma unidade. Por isso, ele prefere "pagar mais barato" em um aparelho da geração anterior.

Imagem/reprodução: CIRP.

Outro fator que pode estar influenciando esses números é que muitos usuários que deixam o Android tinham um smartphone intermediário. Logo, um iPhone 14, por mais que ele não seja o mais atual, já é o suficiente para atender as suas necessidades dentro da nova plataforma.

Os integrantes da linha iPhone 15 respondem por apenas 12% das vendas para ex-usuários do Android.

Já o iPhone 13 continua muito popular em mercados como o Brasil, sendo que os iPhone 12 e até mesmo o SE também surpreendem pela alta demanda em países de baixa renda.

Nos 12 meses encerrados em dezembro de 2023, 29% dos ex-usuários do Android compraram os modelos legados SE, 12 ou 13.

Por fim, a pesquisa conclui que, mesmo comprando iPhones mais antigos, muitos usuários que migram do Android se sentem satisfeitos com essa escolha.

Para eles, entrar no "jardim murado" da Apple, usar o iMessage e o Facetime e, talvez, combinar o telefone com os Airpods seja o suficiente para uma atualização.

Essa nova pesquisa acaba complementando um levantamento global que mostra a Apple dominando o pódio com 7 iPhones entre os smartphones mais vendidos, sendo que muitos deles são antigos.

Veja mais

(atualizado em 28 de maio de 2024, às 13:38)

45

Comentários

E agora, Apple?! Usuários que migram do Android preferem iPhones antigos
  • Acho uma boa saída. A pessoa tá testando um sistema novo, não sabe se vai se adaptar, então é comum economizar e pegar uma versão mais barata. Alguém que nunca usou não vai sair comprando um 15 pro max, em princípio.

      • Blá, blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá.

          • iPhone 6: muito blacklight
            iPhone 7: muito problema com baseband e problema crônico de CI de áudio
            iPhone 8: vida da bateria é uma piada
            iPhone X: qual problema você quer ter? Sim
            iPhones Xr, XS e XS MAX: problemas de face ID comum
            iPhone 11: sem problema aewww
            iPhone 12: placa extremamente frágil. Qualquer queda e você vai precisar acionar a garantia para eles te negarem.
            iPhone 13: problemas de tela ficando branca ou perdendo touch.

              • Olha só, os moderadores resolveram reexibir meu comentário

                  • cita os problema do bugdroid vc não quer né ? ia dar um livro maior que a biblia.

                      • A12: não tem conserto se for troca de componente de placa.
                        A14: problema de sinal
                        Galaxy S20 e Note 20: muito curto no CPU, o que deixa o aparelho inutilizável.
                        Moto G10, G20 e G30: bomba que não tem reparo, pois qualquer componente queimado queima diretamente os pontos do CPU. Esses são os mais famosos, mas Motorola morre dessa forma com muita frequência.
                        Poco X3 Pro: famoso por morrer do nada, pois a solda do CPU é um lixo.
                        Todos celulares com Snapdragon 888 e 8 gen 1: aquecem com extrema facilidade e tem uma bateria miserável, sem excessão.
                        Posso passar o dia inteiro listando, mas a Apple adora passar a imagem que não tem falhas e eu listei. O post é sobre iPhone, então eu vou listar iPhones.

                          • Lançando 4 aparelhos ao ano é difícil tbm, né?

                          • iPhones é sonho de todo enrustido, menos eu; jamais darei meu dinheiro pra uma corporação gananciosa e elitista .

                              • Qual a semelhança entre um cego, surdo, mudo e um João sem braço? nenhuma! Porque todos são deficientes; o mesmo se aplica aqui nos comentários são todos, cegos, surdos, mudos, estúpidos, babacas, bestiais, idiotas, inúteis, fúteis, escrotos e vulgares; e sempre tem um João sem braço, querendo ser o bobo da corte que se acha o sábio e sabichão mas na verdade, é um Zé Ninguém e ninguém liga, porra e poha nenhuma e qualquer semelhança é mera coincidência.

                                • Pela pátria, voto no Mito Bozónaro e LuLadrão volta a prisão.

                                    • Preferem antigos pois é o que cabem no orçamento, oras.

                                        • Não gosto de iOS, acho muito limitado em comparação a outros OSs.

                                          • Eu conheço crianças que querem ter iPhone!
                                            Isso é reflexo de como nossa sociedade está nessa onda de status!
                                            No Brasil parece que você tem que ser famoso na realidade e no virtual.
                                            Se você vai é famoso em nenhum desses lugares já era.
                                            E se vinculou isso a o iPhone.
                                            É um saco ver gente na rua achando que é blogueiro.. Que vive disso kkkk

                                            • Apple é sinal de status. Obvio que é um aparelho sem "defeitos", mas o foco dos clientes, pelo menos aqui no BR é tirar foto no espelho.

                                                • Eles só querem a maçã no espelho, não importa o modelo.

                                                    • Preferem não.. é oque dá pra pagar. Quem usa top de linha Android já mais bem resolvido.. essa turma aí, é aquela que reclama que o galaxy A1x tá travando e compra iphone 8 em 24x no carnê gostosinho ou passado de terceira mão%uD83E%uDD21 kkkkkkkkkkk a parcela que sai de top Android pra iphone é bem pequena.. basta ver que o mercado de top de linha Android não para de crescer.

                                                        • e quem é doido de preferir top android pra um iPhone com o mesmo preço ? só se for louco, isso ai que vc falou não tem logica.

                                                          • Disse tudo. Quando comprei meu S23 ultra e disse o preço minhas amigas do hospital de assombram, dizendo que era pra eu ter comprado iphone, pelo valor do S23 ultra, mas também elas não conhecem o S23 ultra, achando que deve ser bem um A71 da Samsung.

                                                            • Resumindo não importa o ano do aparelho e a bateria.. tem que ser Apple rs

                                                              • O grande problema foi a quantidade de problemas relatados no lançamento do iPhone 15, a falta real de design e o sistema sem alterações. Pra que eu vou investir mais caro no 15, sendo que o 14 Pro tem o mesmo processador além de uma câmera a mais? Não faz sentido nenhum. O grande problema da Apple foi querer lançar versões diferentes do mesmo aparelho, sendo que o que deu fama a marca era justamente qualidade e exclusividade. O iphone era um e custava tanto, comprava quem queria/podia e fim de papo.

                                                                • Realidade: Comprar o iPhone que o cartão de crédito autorizar kkkkkk

                                                                    • Nos EUA a maioria das pessoas tem bons limites de cartão de crédito e lá não há parcelamento, ou seja em 30 dias a pessoa tem que ter o dinheiro pra pagar.

                                                                      A realidade é que a maioria das pessoas não precisam do 15, 14 é mais que suficiente e quando você bota o desconto de 300$ por o aparelho que ano passado era o top de linha está ótimo.

                                                                        • Fato !!! Nos EUA o 15 base deve custar a partir de 400/500 dólares e chega aqui custando 10x mais caro, conversão da moeda + 60% de imposto = Já vai uns 5 mil. Oi seja, nos EUA qualquer assalariado compra um desse. Carros ??? Uma parcela de um Mustang 0km é a partir de 650 dólares !! Não tem nem comparação com o Brasil.

                                                                          • E ainda assim é caro... Se a gente for pensar que um 11 tá quase 3 mil

                                                                            Economia e mercado

                                                                            Huawei Kirin 9010L: chipset inédito é encontrado em smartphone intermediário da chinesa

                                                                            Android

                                                                            Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

                                                                            Android

                                                                            Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

                                                                            Windows

                                                                            Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos