LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Samsung oficializa Galaxy Z Flip como celular dobrável compacto para rivalizar com o Razr

11 de fevereiro de 2020 6

Assim como no ano passado, a Samsung promoveu seu primeiro Galaxy Unpacked do ano não apenas para renovar a linha Galaxy S, mas também para apresentar um celular dobrável.

O Galaxy Z Flip finalmente é oficial e apresenta uma série de novidades em relação ao primeiro dispositivo do tipo da Samsung. Primeiro, ao invés de oferecer uma tela externa que quando desdobrada vira um tablet, o modelo visa ser mais compacto, com uma tela externa de uma polegada para informações básicas, e ao se abrir oferecendo um celular completo.

Comparações com o Razr da Motorola serão inevitáveis, mas agora que a indústria de dispositivos móveis conseguiu implementar uma tela de toque flexível o céu será o limite e veremos os mais diversos tipos de implementação nos próximos meses. Um grande diferencial do Z Flip frente a esse seu rival é a capacidade do seu mecanismo de dobra manter o smartphone "meio aberto", segurando o aparelho em um ângulo de 90º.


Com um display Infinity Flex AMOLED de 6,7 polegadas, o Z Flip pode parecer maior do que de fato é pela sua proporção 22:9, e também por oferecer poucas "interferências" quando aberto, já que as suas bordas são discretas e a câmera frontal é oferecida por um notch de furo, como nos Galaxy S20.

Um ponto interessante dessa tela é que ela conta com a nova tecnologia proprietária da Samsung Ultra Thin Glass. Pela primeira vez a fabricante trocou o plástico - mais propício a arranhões - por uma camada ultrafina de vidro, que oferece mais proteções nesse sentido.

Dentro do seu corpo sobra poder de fogo: ele é equipado com o Snapdragon 855 Plus e 8 GB de RAM, além de 256 GB de memória interna, expansíveis via cartão microSD. Se levarmos em consideração que tanto ele quanto o Razr estão na mesma faixa de preço, aqui é possível levar bem mais hardware sem gastar mais.


Enquanto os novos Galaxy S20 oferecem um número a perder de vista de câmeras, o Z Flip traz três sensores: um frontal e dois traseiros. A câmera principal tem resolução de 12 MP com abertura de f/1.8, mostrando que a Samsung pulou fora mesmo das lentes com abertura variável como vimos nos S9 e S10, enquanto o sensor secundário de 12 MP oferece uma lente ultra-wide com 123º de visão.

A frontal é de 10 MP com abertura de f/2.4.

Enquanto o Galaxy S20 Ultra chega a velocidades de carregamento de até 45W, a Samsung apostou - por limitações técnicas ou por opção - inserir um carregamento máximo de 15W no Z Flip. Por indução ele chega a apenas 9W. A capacidade da bateria é de 3.300mAh.

O Z Flip sai de fábrica com Android 10, e pelo histórico da sul-coreana de levar duas atualizações a todos os seus aparelhos, podemos esperar que ele sobreviva a no mínimo até o Android 12, de 2021-2022.

Quanto ao seu preço, o sonho de muitos de nós era que aqueles rumores iniciais de que ele seria lançado a menos de US$ 1.000 fossem realidade. Porém, seu preço no mercado internacional será de US$ 1.380, o que pelo menos ainda é bem menos que o cobrado no Galaxy Fold. Ele entra em pré-venda já no dia 14 de fevereiro, ao menos nos Estados Unidos.

Enfim, o Galaxy Z Flip oferece uma segunda abordagem em termos de dobráveis pela Samsung. Enquanto o primeiro smartphone do tipo por ela visou oferecer mais produtividade com uma tela expansível, o Z Flip quer ser um produto compacto de ser levado no bolso, bolsas, enquanto é projetado com um design que faz dele também quase um acessório de moda.

A expectativa da Samsung é a de vender 2,5 milhões de unidades dele, enquanto o Fold não chegou a 1 milhão, mostrando que os planos da sul-coreana serão mais ambiciosos com esse lançamento.

O Z Flip, assim como os Galaxy S20, deverão chegar ao Brasil nos próximos meses. Todos eles já estão passando pela Anatel e foram beneficiados com a Lei da Informática. Comumente o lançamento nacional da nova geração S acontece nacionalmente em abril, mas quanto ao dobrável esse poderá ser postergado, como aconteceu com o Fold.

73.6 x 167.3 x 7.2 mm
6.7 polegadas - 2636x1080 px
Ir para página de comparação
Especificações técnicas
  • Tela principal Dynamic AMOLED de 6,7" com resolução Full HD+ (2636x1080 pixels)
    • Display dobrável com entalhe circular para câmera frontal e proporção 21:9
  • Tela secundária externa Super AMOLED de 1,1 polegada e resolução de 300x112 pixels
  • Plataforma Qualcomm Snapdragon 855 Plus
  • 8 GB de RAM
  • 256 GB de armazenamento interno UFS 3.0
  • Câmera frontal de 10 MP, f/2,4 e ângulo de 80º
  • Câmera dupla traseira
    • Sensor principal de 12 MP com abertura f/1.8 e ângulo de 78º
    • Sensor secundário de 12 MP com lente grande-angular de 123º
  • Bateria de 3.300 mAh com carregamento de 15W e carregamento sem fio de 9W
  • Dimensões de 167.3 x 73.6 x 7.2 mm (aberto) e 87.4 x 73.6 x 17.3 mm (fechado)
  • Peso de 183 gramas
  • Android 10 com Samsung One UI 2.0
  • Disponível em preto, lilás e dourado

E você, o que achou do Galaxy Z Flip? Teria um, ou a proposta do Galaxy Fold é mais atraente para você? Por quanto acha que ele será vendido no Brasil? Conte para a gente nos comentários!

O Samsung Galaxy Z Flip ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

6

Comentários

Samsung oficializa Galaxy Z Flip como celular dobrável compacto para rivalizar com o Razr
Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Fevereiro 2020

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular