LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Black Friday: Premiere está com 66% de desconto na assinatura mensal

26 de novembro de 2021 4

Diversas promoções estão ocorrendo durante a Black Friday e a Globo resolveu criar uma oferta especial para os planos mensais do Premiere, que está com até 66% de desconto nos 3 primeiros meses que custavam R$ 59,90. Confira agora como assinar e até quando você pode aproveitar esta promoção.

A promoção que derruba o preço da assinatura do Premiere de R$ 59,90 para R$ 19,90 nos 3 primeiros meses está disponível no site oficial do Premiere na Globo.com e vale de 23 até 28 de novembro de 2021 apenas para novos assinantes do serviço.

Também é possível assinar o Premiere por meio de planos com operadoras de TV paga, mas é necessário conferir se o Premiere está incluso na promoção da sua operadora.


Segundo o Minha Operadora, está é uma tentativa da Globo de reaver assinantes do Premiere, visto que o serviço perdeu 500 mil clientes no mês de setembro, recuperando aproximadamente 250 mil com campanhas publicitárias em redes sociais e anúncios de TV.

Vale lembrar ainda que o Campeonato Brasileiro se encerra em breve, com o último jogo em 9 de dezembro. Os campeonatos estaduais começam em janeiro de 2022.

O aplicativo do Premiere está disponível para Android, iOS, Smart TVs de diversas marcas como LG, Samsung, Panasonic, Philips, TCL e sistemas como Roku, tvOS da Apple e o Android TV.


4

Comentários

Black Friday: Premiere está com 66% de desconto na assinatura mensal

Xiaomi 12S Ultra supera iPhone 13 Pro Max em teste de desempenho em jogos

Motorola Moto G Go aparece no Geekbench após ter design oficial e especificações vazadas

Galaxy Z Fold 2: dobrando melhor do que você esperava | Hands-on em vídeo

Moto G9 Plus vs Moto G8 Plus: uma nova geração realmente evolui? | Comparativo