LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Uber dos ônibus: MPF diz que Buser não deve ser suspenso

16 de janeiro de 2020 4

Assim como qualquer novo serviço, o mercado parcialmente renega e não aceita a evolução, enquanto o outro lado segue a favor. Assim está acontecendo com a Buser, a conhecida "uber dos ônibus", onde existem pessoas que querem tirar o serviço do ar.

Quem está sendo totalmente contra a plataforma é o sindicato de empresas de ônibus do Rio de Janeiro, que deseja o fim das operações, entretanto a Buser acaba de conseguir um gigantesco aliado, no caso o Ministério Público Federal está a favor da empresa e não quer que ocorra a suspensão.

Lembrando que casos como esse ocorreram muito na época que a Uber estava chegando no Brasil, onde diversas pessoas e até mesmo órgãos governamentais, estavam contra e querendo proibir esse tipo de serviço, mas hoje temos diversos aplicativos que fazem o mesmo tipo de serviço, sem estar infringindo a lei.

Claro que em algumas localidades, existe sim a proibição de Uber e outros aplicativos prestarem serviço, e isso não é algo exclusivo do Brasil, existindo outros países praticando esse impedimento.

Como a Buser funciona?

Atualmente a plataforma de serviços de transportes oferece um serviço chamado de "fretamento colaborativo", no qual diversos usuários que desejam viajar para determinada localidade, deixam isso exposto no site ou aplicativo e quando chega em uma quantidade mínima de viajantes, a Buser envia um fretado, que fará a trajetória desejada.

Um dos pontos que fazem a Buser cair em gosto popular e trazer, ao mesmo tempo, inimigos do setor, é o fato de oferecer viagens 75% mais baratas que outras empresa. Essas empresas alegam que fica uma concorrência desleal, onde a plataforma não precisa pagar diversos impostos, entre outras questões.


Com isso surgiram diversas denuncias para o ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), das mais diversas possíveis. Enquanto uns alegam que a concorrência é desleal, outros dizem que a Buser não possui concessão necessária para efetuar esses serviços. As alegações chegam a ser até mesmo o fato da Buser não precisar oferecer viagens gratuitas para idosos.

A verdade é que precisa ocorrer a aprovação desse novo formato de serviço, de forma licita, entretanto as alegações feitas pela concorrência são desapropriadas. A empresa oferece um serviço mais barato, com veículos mais novos e mais seguros, enquanto diversas empresas de viagens, mesmo cobrando altos valores, não entregam nem a segurança necessária.

Sabemos que essa questão vai demorar para ser resolvida e esperamos que o resultado seja positivo.


4

Comentários

Uber dos ônibus: MPF diz que Buser não deve ser suspenso
Android

Cyber Monday 2020 TudoCelular: as melhores promoções em celular

Android

Encontre ofertas e compare preços com o TudoCelular | Guia Black Friday 2020

Android

O melhor celular para comprar de presente no Natal 2020

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas