LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Moto G6 vs Galaxy J8, Redmi 5 e MS80X: qual tem bateria de melhor duração?

22 de dezembro de 2018 43

O TudoCelular busca testar o máximo de dispositivos à venda no Brasil possível para ajudar quem está em dúvida na hora de comprar um novo smartphone. E um dos testes mais populares é a nossa simulação de uso real da bateria, que nos permite comparar o tempo de duração da bateria desses aparelhos uns com os outros.

Este ano, quem acompanha nosso canal no YouTube deve ter notado que passamos a mostrar um ranking com os tempos obtidos por cada dispositivo neste teste, com os tempos de concorrentes para ajudar o espectador a comparar e ter noção de quanto é possível extrair em autonomia de cada smartphone.

E agora vamos simplificar ainda mais essa comparação. Começando com quatro aparelhos intermediários/de entrada com a plataforma Snapdragon 450, da Qualcomm, que são muito populares segundo a busca aqui mesmo em nosso site: Moto G6, Galaxy J8, Redmi 5 e o MS80X.

Abaixo, temos os tempos de cada um em todos os testes de bateria que realizamos, com gráficos para te ajudar a ter ideia da diferença entre cada um. Lembrando que esses tempos são apenas uma base para a gente comparar cada dispositivo, sendo possível conseguir uso mais longo ou mais curto dependendo de fatores como rede e brilho da tela, por exemplo.,

72.3 x 153.7 x 8.3 mm
5.7 polegadas - 2160x1080 px
75.7 x 159.2 x 8.2 mm
6 polegadas - 1480x720 px
72.8 x 151.8 x 7.7 mm
5.7 polegadas - 1440x720 px
76 x 156 x 7.7 mm
6.2 polegadas - 2246x1080 px
Ir para página de comparação

Claro que vale destacar alguns detalhes que influenciam. O tamanho, tipo e resolução da tela (compare abaixo) e a capacidade de carga de cada dispositivo são alguns dos principais fatores. Mas muito também vai da otimização do software, e a MIUI, da Xiaomi, se mostrou até hoje uma das melhores interfaces em consumo que testamos por aqui.

Em tamanho da bateria, o Moto G6 tem a menor capacidade, com 3.000mAh. O Redmi 5 tem 3.300mAh, enquanto J8 e MS80X têm 3.500mAh cada. Os tamanhos da tela variam de 5,7 até 6,2 polegadas, e os modelos de Samsung e Xiaomi possuem resolução HD+. Por fim, apenas o Galaxy usa display Super AMOLED, enquanto os outros três são IPS LCD.

Simulação de uso real

Vamos começar pelo teste mais importante: a nossa simulação de uso real. Quem segue nossos testes já sabe como funciona. Ficamos um dia inteiro usando o aparelho, seguindo uma lista de aplicativos com tempo de uso predeterminado. O brilho da tela, assim como em todos os outros testes, é calibrado para 200 lux em imagem branca.

Configurações de rede e outros ajustes são sempre mantidos no padrão de fábrica. Só o que mexemos é no brilho. Reforçando que é possível obter tempo maior ou menor com cada aparelho, mas aqui estamos comparando o mesmo tipo de uso nas mesmas condições para os quatro.


O Galaxy J8 foi o campeão sem sombra de dúvidas neste teste. O Redmi 5 pegou a segunda colocação com cerca de uma hora a mais que o MS80X, terceiro. E o Moto G6 é o que oferece menos tempo de uso entre os quatro.

Tempo de recarga

Mas não adianta muito um aparelho ficar bastante tempo longe da tomada se depois precisa ficar mais um tempão ligado a ela. Neste caso, ao menos, nenhum possui tempo de recarga excessivamente alto. Mas apenas o Moto G6 traz suporte ao carregamento rápido e adaptador com este recurso na caixa.

Os dois aparelhos com mais carga são os que ficam mais tempo na tomada. E o tempo total não é muito maior do que o do Redmi 5, que também demora bastante para ir de 0% até 100%. Porém, com menos de 2h30min, todos possuem tempo razoável, mesmo sem o Quick Charge.

Reprodução de vídeo

O tempo de reprodução de vídeo tem uma troca nas posições intermediárias do ranking de uso. O MS80X conseguiu um tempo superior ao Redmi 5, suportando quase duas horas a mais passando um vídeo sem parar, até o desligamento. Mas o dispositivo da Multilaser faz o contrário de alguns concorrentes e reduz o brilho ao reproduzir vídeos em tela cheia.

O nosso teste é feito offline, com a reprodução sempre do mesmo arquivo de vídeo com resolução Full HD em loop, no aplicativo MX Player. Reforçando que esses tempos são uma base comparativa, é possível obter tempo maior ou menor com ajustes diferentes.

Gravação de vídeo

Em gravação de vídeo, também realizada sempre em Full HD e sem parar (até onde possível, retomando assim que a captação é parada pelo dispositivo), a ordem da lista de reprodução se repete. Mas os tempos já ficam mais próximos entre os três primeiros, deixando o Moto G6 afastado dos concorrentes.

Entre o J8 e o Redmi 5, a diferença não chega a uma hora. Do modelo da Xiaomi para o da Motorola, já foi mais de uma hora o tempo obtido em nosso teste. De novo, reforçamos que esses tempos são apenas uma base comparativa, de testes realizados nas mesmas condições, e você pode conseguir gravar por mais tempo - não que seja algo necessário.

Videochamadas

Passando para as videochamas, que fazemos sempre no Skype, temos uma nova mudança no ranking. Desta vez o Redmi 5 conseguiu o maior tempo, deixando o J8 na segunda posição, mas com tempo bem próximo, e quase podemos considerar um empate técnico.

Na terceira colocação e consideravelmente abaixo dos dois primeiros, temos o MS80X, com o Moto G6, de novo, na última posição. O tempo do dispositivo da Motorola mal chegou às quatro horas e meia, menos de dois terços do tempo obtido pelo campeão Redmi 5.

Média em jogos

E com a ajuda do app Gamebench, que você pode aprender a baixar e configurar em seu Android neste link, tiramos também uma média de autonomia em jogos. São considerados sempre os mesmos seis títulos, de modo a manter a comparação justa: Asphalt 8, Clash Royale, Injuste 2, Modern Combat 5, Subway Surfers e Vainglory.

Pela primeira vez, o Moto G6 não ficou com a última posição, reservada agora ao MS80X. O Redmi 5 foi o terceiro, e o J8 o melhor - o que deixa o dispositivo da Motorola com a segunda posição. Os tempos variam entre sete horas e oito horas e meia de uso nesses quatro aparelhos. Claro que tudo depende do título que você vai jogar, além de outros fatores.

Resultado final

O Galaxy J8 tem a melhor autonomia, como vimos tanto em nossa simulação de uso real como na reprodução e gravação de vídeo. Assim, independente do seu tipo de uso, é o modelo que vai durar mais tempo longe da tomada entre os quatro aqui comparados.

Na segunda posição, o Redmi 5 parece ter um desempenho melhor que o MS80X no geral. Assim como o J8, o fato de utilizar resolução HD+ influencia positivamente na autonomia. Curiosamente, o ponto fraco é a reprodução de vídeos, com um consumo maior que o modelo brasileiro.

E na última posição, temos o Moto G6. De pontos positivos, citamos a autonomia em jogos e a recarga, a mais rápida entre os quatro - também por ser o único a trazer carregador Turbo Power na caixa.

Assim, considerando apenas a autonomia, recomendamos o Galaxy J8, depois o Redmi 5, o MS80X e o Moto G6 é o menos indicado nesse quesito. No entanto, todos apresentam bons tempos de uso, e tudo depende do seu tipo de exigência, não podemos esquecer.

Você concorda? Conta suas impressões aqui embaixo nos comentários. E se quiser ver mais comparativos como este, estamos atentos às dicas de nossos leitores.

(atualizado em 26 de maio de 2019, às 06:04)

43

Comentários

Moto G6 vs Galaxy J8, Redmi 5 e MS80X: qual tem bateria de melhor duração?
Android

Melhores smartphones: TOP 5 do TudoCelular para você | Maio 2019

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor desempenho | Guia do TudoCelular

Android

TOP 10 smartphones de elite com melhor autonomia | Guia do TudoCelular