LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Neuralink: Musk diz que paciente com chip consegue mover mouse com pensamentos

20 de fevereiro de 2024 13

Atualização (20/02/24) - JB

O primeiro paciente humano a receber um chip cerebral da Neuralink se recuperou totalmente e já é capaz de mover um mouse virtual na tela de um computador. Tudo está sendo feito usando apenas os pensamentos.

Em Spaces transmitido por meio da rede social X, o fundador da empresa, Elon Musk, comemorou o bom resultado do implante.

A evolução é boa, e o paciente parece ter se recuperado totalmente, sem efeitos nocivos. O paciente é capaz de mover um mouse pela tela apenas pensando.

Musk também explicou que a Neuralink está estimulando o paciente para obter o maior número possível de cliques no botão do mouse, sendo que o próximo passo será pedir para que ele digite em um teclado virtual.

Contudo, a Neuralink não deu mais detalhes sobre o estado de saúde do paciente e sobre a sua evolução. Com isso, ainda é preciso aguardar um posicionamento oficial da empresa, que mudou de sede recentemente e também enfrenta algumas polêmicas relevantes.

Imagem/reprodução: Neuralink.

Texto original (30/01/24)

Neuralink: primeiro implante no cérebro de um ser humano foi instalado, diz Elon Musk

Elon Musk anunciou ontem (29) que o primeiro implante no cérebro de um ser humano foi feito nesta semana, em 28 de janeiro de 2024. O implante foi instalado após a Neuralink receber aprovação da FDA (equivalente a Anvisa nos EUA) e iniciar o recrutamento de voluntários para os testes em setembro de 2023.

Segundo Elon Musk, o paciente está se recuperando bem e o implante está demonstrando detecção promissora de picos neuronais para controlar dispositivos como um celular ou computador apenas com o pensamento.

O implante se chama "Telepaty" e tem o tamanho de cinco moedas empilhadas. Ele e é instalado no cérebro por meio de uma cirurgia invasiva no crânio do paciente do programa Precise Robotically Implanted Brain-Computer Interface (PRIME) para avaliar a segurança do implante (N1) e do robô cirúrgico (R1).

Algumas das preocupações iniciais da FDA envolveram a bateria de lítio, pois uma falha no processo de recarga transdérmica poderia pôr em risco todo o tecido ao seu redor, ou seja, o cérebro do paciente. A agência também demonstrou preocupação com a quedra dos fios do Telepaty em caso de remoção ou substituição.

Apesar de tudo, a Neuralink parece ter conseguido garantir a segurança do experimento, pois da FDA concedeu autorização para início do programa PRIME em maio de 2023.

A ideia da Neuralink é permitir que pessoas com tetraplegia devido à lesão medular cervical ou esclerose lateral amiotrófica (ELA) possam usar seus pensamentos para controlar dispositivos e terem maior qualidade de vida.

A expectativa é que mais testes sejam feitos nos próximos meses, pois a Neuralink recebeu um investimento de US$ 43 milhões para continuar o desenvolvimento de chips cerebrais para humanos.

Saiba mais


13

Comentários

Neuralink: Musk diz que paciente com chip consegue mover mouse com pensamentos
Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Windows

Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos

Economia e mercado

Vídeo gravado por passageiro mostra interior de aeronave após acidente no Japão; assista