LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Saiba higienizar o celular para reduzir chances de contaminação por coronavírus

20 de março de 2020 36

Lavar as mão com mais frequência é geralmente a principal orientação que muitos profissionais de saúde dão para se prevenir da contaminação pelo coronavírus que já tem vários casos confirmados no Brasil –, porém, muitos acabam esquecendo de mencionar também a importância de higienizar o smartphone.

Assim como teclados, mouses, joysticks e controles remoto, os celulares acabam acumulando bactérias e vírus, que chegando às mãos (inclusive as recém-lavadas) aumentam potencialmente as chances de contaminação.

Mas sabemos que os nossos eletrônicos são delicados e podem estragar em contato com a água, então é preciso escolher o produto certo para limpá-los evitando possíveis prejuízos.

Nada de álcool gel

O álcool etílico vendido no mercado tem 70% de concentração, (os outros 30% são de água), por isso, ele pode danificar o seu aparelho caso o mesmo não traga certificação IP68 ou similar.

Importante ressaltar que o álcool gel também não é muito indicado, pois além da água pode conter emolientes, aromatizantes e produtos para hidratar a pele.

Enquanto ao álcool isopropílico, esse até pode ser considerado, porém, ele evapora muito rápido e pode deixar resíduos de vírus e bactérias nos dispositivos.

O produto mais indicado

O biomédico Roberto Figueiredo (conhecido como Dr. Bactéria) recomenda a limpeza de celulares e eletrônicos como nada menos do que lencinhos umedecidos para bebês, que podem higienizar os portáteis sem comprometer seu funcionamento.

Outra opção é usar um pano macio umedecido. A limpeza deve ser feita pelo menos uma vez por semana. Caso existam pessoas gripadas por perto, a frequência da limpeza deve aumentar para pelo menos uma vez por dia caso o eletrônico seja compartilhado.

Não esqueça das capinhas

Segundo informações dadas por especialistas as capinhas de borracha – que são bastante populares para proteger o celular contra quedas – acumulam mais bactérias do que as partes de metal, vidro ou plástico.

Por isso é essencial também realizar a limpeza desse tipo de acessório, que pode ser higienizado com desinfetante e um pano limpo ou toalha de papel.


36

Comentários

Saiba higienizar o celular para reduzir chances de contaminação por coronavírus
Tech

Coronavírus: Brasil chega a 113.358 mortes em 3.532.330 casos confirmados | Relatório diário

LG

Moto G8 Plus vs LG K51S: mais câmeras fazem fotos melhores? | Comparativo

Android

Melhor celular ou smartphone: TOP 10 para você comprar | Agosto 2020

Android

Novo Tracker 2021: app e WiFi a bordo fazem diferença? | Análise / Review