LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Funcionários da Samsung entram em greve pela primeira vez na história

21 de junho de 2021 0

Os funcionários do departamento de displays da Samsung entraram em greve pela primeira vez na história da empresa. A paralisação iniciou nesta segunda-feira (21) e se deu após as negociações sobre um aumento salarial fracassarem.

Segundo informações do site SamMobile, cerca de 40 representantes do sindicato cruzaram os braços na fábrica de telas da Samsung em Asan, província de Chungcheong do Sul, na Coreia do Sul.

O sindicato está exigindo um aumento de 6,8% no salário base, mas a empresa rebateu com uma proposta de reajuste de 4,5%. Ambos os lados não estão mudando de posição por enquanto.

Ainda nesta segunda, a Samsung confirmou que trocou a China pela Índia. Após meses em construção, a fábrica da empresa em Noida vai iniciar a produção de displays OLED de última geração.

Não foi definido se uma greve geral vai ser iniciada, mas essa opção não está fora da mesa, já que mais de 90% dos membros do sindicato votaram em ações sindicais no mês passado.

Com cerca de 2.400 filiados, o sindicato possui aproximadamente 10% de toda a força de trabalho desse departamento da Samsung. Se uma paralisação geral for deflagrada, a produção de monitores e telas vai ser ainda mais afetada, já que há também uma crise no mercado de semicondutores.

Sindicalização

A Samsung tem mudado a sua postura em relação à criação de sindicatos por parte dos seus funcionários. Antes eles eram veementemente proibidos. No entanto, a atitude foi revista pelo chefe da empresa, Lee Jae-yong, que prometeu se livrar da política de "proibição de sindicato" do conglomerado.

Em maio do ano passado, a gigante sul-coreana anunciou que abandonaria sua política de não sindicalização e Jae-yong prometeu que a empresa iria cumprir rigorosamente as leis e garantir os direitos trabalhistas fundamentais dos trabalhadores.

O sindicato da Samsung Display foi posteriormente formado pela Federação dos Sindicatos Coreanos no ano passado. Analistas de mercado apontam que o processo de sindicalização pode se expandir para outras afiliadas da Samsung no futuro.

No ano passado, a empresa reajustou os salários dos funcionários apenas para corrigir a inflação. A justificativa apresentada foi a crise econômica global provocada pela Covid-19.

Você acha que a Samsung acertou em mudar a sua posição quanto a sindicalização dos seus funcionários? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.


0

Comentários

Funcionários da Samsung entram em greve pela primeira vez na história
Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Windows

Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos

Economia e mercado

Vídeo gravado por passageiro mostra interior de aeronave após acidente no Japão; assista