LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

AliExpress se manifesta sobre a aprovação da taxação de 20% em compras abaixo de US$ 50

29 de maio de 2024 90

Durante a noite de ontem (28/05), a Câmara dos Deputados conseguiu, em uma duração curtíssima, aprovar a taxação de 20% em compras internacionais abaixo de US$ 50 em lojas como a Shein, Shopee e a própria AliExpress. Atualmente, o Brasil conta com uma alíquota de 92% para as compras que são feitas acima de US$ 50 internacionalmente.

Agora, durante essa manhã (29/05), o AliExpress, uma das gigantes lojas internacionais chinesas, expressou sua indignação em relação à aprovação da nova medida que trará mais impostos para as compras dos brasileiros, mesmo que elas não ultrapassem o limite estabelecido anteriormente quando começou o Remessa Conforme.

Segundo o próprio AliExpress, a empresa reforça como essa medida pode ser mal vista em relação aos investimentos internacionais para o nosso país, que por sua vez já possui a maior alíquota para compras de itens internacionais. Inclusive, mesmo em comparação aos EUA, que atualmente aumentou os impostos para produtos chineses no governo Biden.

O serviço de varejo online também reforça o compromisso dele com o povo brasileiro na oferta de itens do mundo inteiro por um preço acessível ao povo, então agora conta com a ajuda do governo para impedir isso, visto que o presidente Lula já se manifestou sobre vetar essa nova lei. Abaixo, você pode ver parte do comunicado:

O AliExpress tem como missão democratizar o acesso de itens do mundo inteiro, conectando diretamente os consumidores a fabricantes do mundo todo, reduzindo intermediários da cadeia de suprimento e aumentando a eficiência e a produtividade para oferecer aos seus clientes produtos de qualidade a preços justos. Confiamos que o governo brasileiro irá levar em consideração a seriedade do assunto e ouvir a opinião da população antes de tomar qualquer decisão definitiva.

Ainda não houve pronunciamento oficial do presidente sobre a aprovação. Resta apenas esperar para saber se ele cumprirá ou não com a palavra de vetar essa nova lei que chega para trazer novos impostos aos brasileiros.

Veja também


90

Comentários

AliExpress se manifesta sobre a aprovação da taxação de 20% em compras abaixo de US$ 50
Economia e mercado

Huawei Kirin 9010L: chipset inédito é encontrado em smartphone intermediário da chinesa

Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Windows

Versão 122 beta do Microsoft Edge com melhorias e atualização de recursos