LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Xiaomi volta ao Brasil com 'melhor custo possível', garante DL | TudoCelular entrevista

18 de fevereiro de 2019 118

A penúltima semana de fevereiro, vésperas da maior feira de tecnologia móvel do mundo, começou com uma notícia bombástica para o consumidor brasileiro: a DL confirmou que está trazendo a Xiaomi de volta para o país. Depois de homologar o Pocophone F1, a empresa também recebeu autorização para comercializar o Remdi Note 6 Pro.

O TudoCelular conversou com Luciano Neto, gerente de produtos da DL e mi fã declarado, para saber mais sobre essa parceria que, surpreendentemente, está trazendo a Xiaomi de volta para o país. Entenda melhor como se deu a negociação e o que a empresa promete para os brasileiros nos próximos meses.

Falamos sobre adaptação dos produtos para o mercado brasileiro, compatibilidade com a banda 28 (4G na faixa dos 700MHz), preços dos produtos, onde o brasileiro poderá encontrá-los e muito mais. É só seguir descendo a página para ver a entrevista completa. Lembrando que a previsão é que os aparelhos cheguem às prateleiras já na próxima semana.

A DL fechou parceria com a Xiaomi para trazer produtos da empresa chinesa oficialmente ao Brasil. Como se deu esse contato entre as duas empresas, de que lado ele partiu?

Não tem um primeiro passo. É como se fosse um casal de namorados, um menino olhou para uma menina, e juntou no mesmo olhar, foi na mesma hora. Então tem desde o nosso interesse em oferecer os produtos da qualidade Xiaomi aqui no país, quanto da Xiaomi em aproveitar esse mercado em expansão. Eu diria quem foi no mesmo momento.

A DL vai se tornar representante oficial da Xiaomi em território nacional, ou é só um acordo de revenda dos aparelhos?

Nós somos o único representante oficial da Xiaomi. Nós não somos somente revenda, somos parceiros oficiais da Xiaomi no país.

Redmi Note 6 Pro também chega oficialmente ao Brasil

Os produtos virão já montados da China. A DL fará alguma alteração, seja em software ou nos acessórios, como por exemplo incluir um fone de ouvido?

Sim, sim. Nós faremos desde a adequação dos carregadores… Na verdade a adequação do produto para o padrão nosso, desde o carregador até o software, como por exemplo liberar algumas funções, tais como o reconhecimento facial, que alguns modelos não é liberado aqui para o Brasil, e a gente vai passar a liberá-lo.

O Pocophone, por exemplo, não tem suporte à banda 28 do 4G, com a frequência dos 700 MHz. Os usuários podem esperar uma adaptação de hardware para incluir a compatibilidade?

Neste primeiro momento, não.

E além do desbloqueio facial, tem alguma outra alteração de software que você poderia nos adiantar?

Ainda não tenho informação segura sobre isso para te passar agora. Por enquanto, só posso te falar do reconhecimento facial, mesmo.

Preço ainda é desconhecido, mas DL promete "melhor custo possível"

Algumas importadoras já vendem o Pocophone por menos de 2 mil reais por aqui. A DL pretende pegar esse público ou focar em competir com outras fabricantes nacionais?

Nós vamos trazer o produto com o melhor custo possível, mas, hoje, esse mercado que você diz ter no Brasil trabalha de uma maneira diferente. Nós vamos trabalhar da maneira mais correta possível, tendo esse custo Brasil, toda a parte de impostos, logística, operacional e tudo o mais que você conhece. O que vamos fazer, que está em nossas mãos, é aplicar a menor margem possível para operacionalizar essa distribuição. Os preços ainda estão sendo confirmados ou finalizados pelos varejistas, mas é notório que o produto que passa pelo correto processo de carga tributária tem uma diferenciação de preço de um produto que não passa por esse processo. Inclusive produtos estes não homologados. Nós temos produtos homologados, que passam por todo esse custo Brasil e é sabido que haverá uma alteração no preço. Porém, esse preço ainda está em validação com os varejistas.

A parceria também envolve varejistas aqui no Brasil. A DL pretende colocar os produtos da Xiaomi nas prateleiras de lojas físicas, ou vai tentar repetir a estratégia anterior da chinesa de focar somente no online?

Na verdade, é o seguinte: a parceria ocorreu diretamente entre a DL e a Xiaomi. E a DL, através de outra parceria, iniciou o fornecimento via Ricardo Eletro e Máquina de Vendas. Mas não estamos limitados a essa parceria. A DL tem o direito de distribuição aqui no Brasil, e podemos trabalhar também com outros varejistas, também.

As vendas vão começar já em lojas físicas da Ricardo Eletro. E também no online, mas o foco inicial é em lojas físicas.

Além de smartphones, a parceria prevê a venda de outros tipos de dispositivos, no futuro?

No momento, eu só posso te confirmar smartphones. O que nós temos hoje é um processo de trazer esses produtos para cá, com as devidas homologações, prestar todo o suporte e garantia nacional, e, basicamente, trazer um canal oficial aqui para os mi fãs brasileiros.

"O brasileiro merece produtos recém-lançados da Xiaomi"

Futuramente, vocês pretendem trazer dispositivos da Xiaomi recém-lançados, ou vão focar só em produtos já com alguns meses no mercado lá fora?

Há uma possibilidade, mas não tem nada ainda concluído a respeito. A gente acredita que o brasileiro mereça receber, sim, produtos recém-lançados da Xiaomi.

A DL é conhecida por vender eletrônicos de baixo custo, e já tem alguma desconfiança do público com a marca. Como vocês pretendem trabalhar para evitar que isso afete as vendas dos produtos Xiaomi?

Primeiramente, todos os produtos seguem rigorosamente a todos os processos da Xiaomi. Claro que, para fazer uma parceria dessas, é necessário atender a diversos pré-requisitos, principalmente de qualidade. Nós estamos, basicamente, entregando exatamente a mesma qualidade que um cliente, um mi fã, recebe em qualquer ponto do mundo. Adicionamos a isso o suporte de pós-venda, com peças genuínas. Nós estamos vendendo o produto com qualidade mundial da Xiaomi, produzido pela Xiaomi, e dando o suporte, devidamente treinado, com todas as peças genuínas aqui no país.

Como ficam as demais linhas de smartphones da DL? O foco será total na Xiaomi ou podemos esperar novos aparelhos da própria marca?

Toda a operação da DL continua. A gente não tira o pé do acelerador em nada. Toda a operação, tanto de smartphones quanto de tablets, como a parte de dispositivos inteligentes, todas as outras áreas da DL continuam, temos diversos lançamentos previstos para as próximas semanas, e ainda tem a parceria com a Xiaomi.

Tem uma mensagem para os leitores do TudoCelular, que acompanharam os capítulos do acordo desde o início, com o que eles podem esperar para a parceria entre DL e Xiaomi?

Eu, como um mi fã, estou bastante empolgado em ver os produtos chegando nas prateleiras, e a gente ter excelentes configurações. Vamos trabalhar com configuração acima de 4/64 GB, que são configurações mais de intermediário para superior. E estou bastante empolgado por trazer a Xiaomi por um canal oficial, e aparelhos com configurações boas, que você pode utilizar por anos. E estamos trabalhando com afinco para poder lançar esses produtos o quanto antes.

(atualizado em 22 de maio de 2019, às 17:38)

118

Comentários

Xiaomi volta ao Brasil com 'melhor custo possível', garante DL | TudoCelular entrevista
  • Boa noite alguém sabe me dizer uma assistência em São Paulo tenho um Mi2 onde adquiri a três meses e garantia.
    Grato pela ajuda
    Nilson

      • Acho que foi MAL!!!!

        DL vai trazer ma fama para XIAOMI que já e o 3ro celular mais vendido no MUNDO.


        Sera que vao vender os SMARTWATCH tambem?

          • "A DL é conhecida por vender eletrônicos de baixo custo, e já tem alguma desconfiança do público com a marca..."
            Kkkkkkkkk
            Isso é uma forma educada de dizer: sua marca é lixo, que vende porcaria, todo mundo sabe e não compra...
            Kkkkkkkk
            Boa!

              • Se achar que essa garantia meia boca (que a média das empresas no país pratica), vale aumentar o preço em mais de R$200,00 sugiro fazer uma EXTENSA PESQUISA aberta ao público, para saber o que os prováveis compradores querem e gostam nos Xiaomi's.Se vier com esse discurso "empacotado, bonitinho, cheio de palavrinha bonita e blá, blá, blá custo Brasil (já mais que provado ser mentiroso) ganancioso, "que cresce o olho" e querer cobrar valores excessivos, vai se queimar e queimar a marca no país.Já percebe o padrão de respostas evasivas, quando na entrevista é perguntado: "Como vocês pretendem trabalhar para evitar que isso afete as vendas dos produtos Xiaomi?" E a resposta? Um monte de palavra bonita, até subjetiva, mas que não responde, DE FATO, o que vai fazer para "REVERTER" essa imagem de produto barato e de baixa qualidade da DL.Que a Xiaomi ajude o pessoal da DL orientando o posicionamento mundial da marca, pq "sozinhos" acho que vão se atrapalhar e "queimar os filmes" da empresa.

                  • A DL é aquela marca de tablet que ngm dá ou dava valor aqui no Brasil? Pq faz tempo q n vejo um tablet da DL

                    • Amei, muito bom saber que uma marca nacional está trazendo oficialmente smartphones da Xiaomi para o Brasil. Certamente o preço será maior que o praticado por lojas informais como no Mercado Livre, porém, o que deve ser colocado na balança são pontos como: garantia nacional de 1 ano, suporte técnico avançado 0800, reposição de peças ORIGINAIS, carregador padrão nacional e acima de tudo, apoio a uma empresa (DL) que está apostando na representação oficial.Eu não tenho dúvidas que, se a DL conseguir um bom market share no Brasil, a Xiaomi verá nosso mercado com outros olhos e futuramente poderá trazer uma Mi Store ao país. Hoje ela só tem informações especulativas, que no Brasil cerca de 4% dos smartphones ativos são da Xiaomi, mas, com a representação oficial da DL, esses dados serão certos.Se o preço na DL não for estupidamente mais caro, como fazem algumas lojas por ai, sim, eu comprarei pela DL, agora, se a diferença for muito grande, complica, porque é uma questão não apenas de querer apoiar a DL e Xiaomi, mas, de ter condições de adquirir esses produtos.Parabéns à DL e estou ansioso para ver produtos Xiaomi nas prateleiras da Ricardo Eletro aqui em Natal.

                      • Será que conseguirão fazer adaptações "BR" a ponto de colocar TV digital nos Xiaomis?

                          • Já fiquei com um pé atrás com essa notícia,pois se a DL modificar o Pocophone F1 e adequar ao modo deles não valerá a pena,prefiro importar mesmo.

                              • Oferta: estou vendendo um iPhone XS Max Plus Edge Deluxe Alpha Giga Gold Edition com uma tela de 6,9 polegadas por R$17.899

                                  • Gente... Estou vendendo um iPhone Earth Plan Edition Plus

                                      • Também vendo um IPhone 8 plus 64gb kkkkkkkk.

                                          • Alguém quer comprar meu S8? Tô vendendo agora para comprar o Pocophone F1. =D

                                              • Se fizer isso poderá ser considerado um idiota...

                                                  • Idiota pq? O pocophone é supior em perfomance e com Gcam a camera fica até acima do Iphone xrmas em qualidade ele perderá(matria,ip68 etc). Eu prefio o Pocophone devido a miui e fluidez do sistema.

                                                      • Não digo idiota de ser babaca não me leve a mal..

                                                        Digo pois já se tem um ótimo aparelho em mãos (S8) que se trocar pelo Pocophone vai sentir falta de:

                                                        -Uma tela boa
                                                        -Qualidade boa de áudio
                                                        -Qualidade de construção
                                                        -Qualidade de câmeras
                                                        -IP68
                                                        -Carregamento sem fio
                                                        -E mais uma porrada de funcionalidades que o Pocophone não tem...

                                                        E só sentirá ganho em:

                                                        -Chipset
                                                        -Android Mais recente
                                                        -Miui (para quem gosta é muito boa)

                                                    • Essa desconfiança com a marca é bobagem. Eu já tive um tablet Windows dela e funcionava de boa. É lógico que não era top. Mas isso, eu já esperava já que o aparelho foi beeemm barato em comparação com outros tabela semelhantes. Nós temos que saber o que estamos comprando para não falar mal da marca depois.

                                                        • E o VoLTE vai funcionar no BR?

                                                            • Para recursos como Voz HD (VoLTE e WiFi Calling) funcionarem, bem como velocidades 4.5G (LTE-A, Carrier Aggregation), depense SIM da DL (e Engenheria de Rede da Xiaomi). Não basta homologar na ANATEL, só pra poder vender localmente, também é necessário fazer a homologação frente as operadoras brasileiras e respectivos ajustes na MIUI para os parametos de Rede 4G+ nacionais.Os ajustes são simples, o Redmi Note 6 Pro e o Poco F1 possuem suporte de hardware para redes avançadas, mas até o presente momento, por falta de interesse da Xiaomi, nenhum modelo fabricado por eles (Redmi, Poco ou Mi) consegue fazer uso destes serviços no Brasil. Espero que agora, com venda e suporte local, possamos finalmente tirar o máximo proveito de nossos smartphones.

                                                                • Isso não depende da DL, depende da Xiaomi mesmo.

                                                                  • A única coisa que irão trazer, se trazer, é a reposição de peças. Preço baixo já tem no ML, venda com garantia já tem na Amazon (BR) e reconhecimento facial basta mudar a região do cel para Índia. Eu importei um Mi8 6/128, fui taxado e paguei no total 2000,00. Acho extremamente difícil qualquer loja física ou online repetir esse preço aqui no Bananazil.

                                                                    • se o custo brasil passar de R$ 50 sobre o preço que pagamos comprando por meios alternativos, não acho que vai dar muito certo (pelo menos deve ganhar o consumidor mais leigo). não vai pegar bem se rolar um boicote do xiaomi brasileiro. eu preferia que nem viesse, se fosse pra rolar dessa forma

                                                                      • Nesse preço compro 3 note 5 %u2714%uFE0F

                                                                          • O que mata é a MiUI,. Alguém sabe se ela está poluída ou teve alguns polimentos na interface?.

                                                                            • Não irá adiantar em nada revender aqui com preços daqui, senão é (bem)melhor continuar importando aparelhos de 1500 que aqui explorariam por 3000

                                                                                • Se a DL prestar a garantia de acordo, eu pagaria o valor mais caro que destas importadoras, com muito prazer.
                                                                                  Única coisa que me falta é uma garantia digna, pois, pra mim. Xiaomi já é a melhor marca de celular.

                                                                                    • Exatamente, não me importaria em pagar 200 ou 300 reais mais caro, se tivesse garantia nos aparelhos

                                                                                        • Ele foi bem claro quando disse na entrevista que pagam os devidos impostos e por isso os aparelhos terão valor correspondente. Pode esperar que não vai ser 200/300 mais caro, pode esperar algo próximo do dobro do valor de importados.

                                                                                            • não cara, faça as contas, Pocolixo tá em média 300 euros (1300~1400 reais), coloca algo em torno de 50% a 70% em cima desse valor, fora os custos indiretos de ter uma PJ aqui no Brasil... Preço final dele aqui deve ser algo em torno de 500-550 euros.

                                                                                          • Peguei meu poco a pouco tempo, estou amando é uma verdadeira máquina, so falta ter garantia e seguro no Brasil pra ser perfeito

                                                                                              • O q quero saber e se vão dar garantia e assistência técnica nesses produtos...Sim pq tenho um Redmi Note 4 parado a uns 6 meses. Sei q os telefones da Xiaomi são bons mas tive o azar d o meu parar e não funcionar ele não está segurando carga acho q e bateria... então uma coisa q seria simples resolver, não tem solução pois e importado é não tem como arrumar aqui....por isso desisti d telefones lá d fora. Sei q e muito melhor trazer d lá tem coisas TOP muito melhores do q se vende aqui e sem lezar seu bolso. Dá pra vc andar com coisas atuais sem ter q vender a vida pra isso. O q não e o caso do Brasil, aqui tudo lhe custa o olho da cara. Mas ainda tenho q me sujeitar as coisas daqui pq esses safados q vendem aqui a mais tempo me dão suporte.

                                                                                                  • Hugo, aqui em Campinas tem uma assistência que troca essa bateria pra vc com certeza fala com o Mateus na Termacel cel19)999735229 já fez reparos em alguns Xiaomi, são poucos os que vão para o conserto por isso também prefiro essa marca %uD83D%uDC4D%uD83D%uDE0D%uD83E%uDD29

                                                                                                      • Pra vender no Brasil por meios legais eles são obrigados a oferecer garantia e assistência, se não me engano o mínimo é de 3 meses, mas vai da escolha deles oferecer mais tempo.

                                                                                                          • Pode comprar uma bateria nova no aliexpress. Já comprei várias e revendia sem problemas.

                                                                                                            • Tenho um xiaomi. E assim como muita gente, abri mão de garantia e peças de reposição pra ter um aparelho com bom custo e oferecendo muito. Por que se pegar uma queda feia...
                                                                                                              Agora se a DL trouxer esse suporte, como ela tá dizendo, já é uma melhoria.
                                                                                                              O que dá mimimi é a questão de preço. Não sei é só eu, mas acho que no ML é mais barato que nas lojas oficiais. Um Motorola é mais barato no ML do que na loja da Motorola...E por aí vai.
                                                                                                              E a DL não precisa trazer tooooda a linha da xiaomi.
                                                                                                              Quem sabe com o RN7...Algum modelo de entrada, por que vende mesmo...A Mi Band...E particularmente, os fones de ouvido baratinhos coloridos, por que já sabem, né?
                                                                                                              TA LENDO OS COMENTÁRIOS, DL??? TRAZ FONE DE OUVIDO BARATINHO COLORIDO DA XIAOMI!!!!!

                                                                                                                • O FODA É QUE ISSO VAI FAZER SUMIR OS QUE JÁ TEM COM PREÇO BOM QUER VER ? ESSE POCOPHONE POR 1600 AI VAI SUMIR KKK

                                                                                                                  • Traz o Mi 9 a preço decente que já tem um comprador aqui. <3

                                                                                                                      • DL não faça cagada nisso por favor, vocês tem uma ótima chance de crescer e tanto também fazer a Xiaomi ser maix conhecida aqui no nosso Brasil através de lojas físicas na quais passam muita gente para verem celulares, a Xiaomi está nas suas mãos!

                                                                                                                          • Só não pode vir com preços além do que já se compra esses celulares aqui no Brasil. Se vier muito caro, os vendedores de celulares importados tais como da olx, mercado livre e camelôs irão subir seus preços pra não ficarem pra trás. Sendo assim a única opção será importando mesmo, pois se for comprar aqui sairá muito "caro".

                                                                                                                            • Se a VI Station não faliu vendendo só produto antigo da Meizu, talvez a DL tenha realmente uma chance.

                                                                                                                              • Não irei comprar nada dessa DL porque quero pagar barato no produto e fodasse a tributação e o custo Brasil, irei continuar comprando como sempre, fica em conta comprar de alguém que sempre vai no Paraguai busca produtos para revenda a diferença é grande. Foda-se o Brasil só não vou embora daqui por falta de recursos.

                                                                                                                                  • Vou comprar ela já não gostou de importação caso do correio que eu tenho medo de ser roubado ou taxado

                                                                                                                                      • Mesmo que chegue custando 1800rs, ainda assim vai ser uma surra nos moto G7plus

                                                                                                                                        • Não precisa ser vidente para saber q isso não vai dar certo , se eles forem seguir o custo Brasil o poço não sai por menos de 2200 e vai perder a briga para o Galaxy s8 , a base de fãs da xiaomi no Brasil e gigante mas cada um da seu jeito de arrumar o seu , tenho o mi 8 lite nada a reclamar paguei o preço de uma moto g7 nele , acho q a melhor estratégia pra do e focar nos lançamentos tipo o note 7 e claro preços pelo menos compatíveis com as opções nacionais

                                                                                                                                            • Pelo menos vão trazer smartphones potentes nao aquele redmi 2 kkkkkkkk.
                                                                                                                                              Desejo toda sorte a DL e que venha os monstros!

                                                                                                                                                • Celular de quase 1 ano já.

                                                                                                                                                  Se passar de 1000,00 e 1700,00 vai encalhar.

                                                                                                                                                  • Quero ver como isso vai rolar... Só resta aguardar, mas prevejo prejuizo a curto prazo e desistência. Kkk Nem é pessimismo, é realismo. Duvido conseguirem bater o preço da MiStore ou da VT.

                                                                                                                                                    • Espero que a parceria de certo e possa vir muitos outros no futuro, e que MI 9 possa vim junto futuramente!!.


                                                                                                                                                      "Sou fã da Oneplus, mais usaria sem problema os da xiaomi!!!"

                                                                                                                                                      • qm sabe nao force o barateamento dos produtos nacionais,ou nao,vai que a DL pratique precos acima da media

                                                                                                                                                          • Pensei nisso. Espero q eles não metam o loko e coloquem preços absurdos, Aí essa vai ser a segunda e a última vez q a xiaomi tenta vender no Brasil

                                                                                                                                                            • Tenho um Xiaomi MI 8 LITE... Top.. mas vou trocar pelo MI 8 PRO...

                                                                                                                                                                • Mas é bom nenhum de vocês tomar como padrão o preço da China. A carga tribitária no Brasil é muito alta e ainda precisa colocar na conta a garantia, despesa operacional e é claro o lucro da empresa. Mas só em ter garantia nacional já é excelente.

                                                                                                                                                                    • A carga tributária no Brasil é alta sim, mas se você não sabe, a carga tributária nos países nórdicos que possuem o melhor custo de vida, com saúde, educação e segurança superior a qualquer país como Estados Unidos, os preços dos produtos lá são baratos também, carros são baratos, telefones são baratos, a carga tributária do Brasil é alta, mas, não chega como benefício ao brasileiro, o problema que as empresas aproveitam com esta desculpa de carga tributária alta só para faturar, exemplo, um modelo da Samsung ou qualquer outra fabricante chega custando tantos, depois passa alguns meses, o produto esta valendo muito, mas muito mais barato e garanto que mesmo assim, as fabricantes tem lucros.

                                                                                                                                                                        • Esses países realmente têm carga tributária alta, além de dar retorno para a população, no entanto, há um grande porém em relação ao Brasil e vários outros países que também têm carga tributária elevada que é facilidade pra fazer negócios. Dentre os países citados, principalmente os que estão localizados na península escandinava estão entre os primeiros lugares no mundo no ranking de facilidades de criar empresas e propiciam facilidade pra empreender. Assim, o livre mercado faz sua mágica, com sua grande mão invisível, incentivando a concorrência, gerando aumento de qualidade, redução de custos e consequentemente de preços, aumento de lucros, aumento da percepção de valor, etc. A redução da burocracia melhora muito o ambiente de negócios e com as altas cargas tributárias, ainda é possível ter preços competitivos. Foi essa característica liberal que levou estes países aos patamares que se encontram hoje e não esse wellfare state que a União Europeia e outros países europeus tentam alcançar através da social democracia, que nada mais é do que um roupinha mais bonita que a esquerda arrumou pro socialismo neste século.

                                                                                                                                                                          • porém ta vindo pra ganhar mercado, e tem que ter margem de lucro abaixo de qualquer outra marca por aqui. Muita gente por aqui tem preconceito com chineses, e pra ganhar a confiança, tem que vir com preço pra detonar a concorrencia

                                                                                                                                                                            • Para vender bem precisa da B2W (Americanas, Submarino, Shoptime) e da Via Varejo (Extra, Casas Bahia, Ponto Frio).

                                                                                                                                                                              • Tudo vai depender do preço...
                                                                                                                                                                                Usando o pocophone como exemplo...
                                                                                                                                                                                Dependendo de quanto ela cobrar... o preço vai ficar equivalente aos tops do ano passado
                                                                                                                                                                                (lg g7, S9)....sem falar no zenfone 5z..
                                                                                                                                                                                Todos tem o mesmo processador que ele e são superiores em todo resto...
                                                                                                                                                                                Oque nos resta é Aguardar as novidades...

                                                                                                                                                                                  • Pocophone e Redmi Note 6 Pro são aparelhos com preços um pouco mais altos...seria interessante ver a DL vender outros modelos como o Redmi 6 e o S2...

                                                                                                                                                                                      • Por favor DL nao facam cagada, vcs tem uma chance de ouro na mão

                                                                                                                                                                                          • Isso afeta de alguma forma aparelhos comprados por outras vias? Por exemplo, um RN6P importado, que não tem a dita "homologação", será afetado?

                                                                                                                                                                                            • Kkkkkk vai trazer a Mi Box? Outros produtos da Xiaomi? Precisamos mais disso no BR e por preços baixos obrigado

                                                                                                                                                                                                • Chuto, por baixo... R$1500 NO RN6P 4/64 E 2200 NO POCO 6/64

                                                                                                                                                                                                    • O medo de quanto que vai ser esses preços, muito aflita...

                                                                                                                                                                                                      • Passo. Vou uma vez por ano ao Paraguai e atualizo minhas tralhas.

                                                                                                                                                                                                          • Vamos esperar pra ver. Se vier com preço realmente competitivo, será ótimo. Mas tô com medo desse custo Brasil. Paguei 1200 (na época) no meu Redmi Note 5, no mercado livre .

                                                                                                                                                                                                              • Não sei porque falam tanto em assistência técnica. Uso celulares a mais de 20 anos e nunca precisei. Tenho até um PDA-N de 2006 que funciona até hoje e que mesmo com os seus 64k de RAM dá show em muito GPS por aí. Estou satisfeito com o meu Poco de U$300. Ele deixou meu X4 na reserva, sendo este usado atualmente apenas para viagens em que tenho que me preocupar com água ou areia.

                                                                                                                                                                                                                  • Ficam de mimimi com comentários honestos. Aqui em casa ninguém usou assistência até hoje. Apenas tivemos que trocar a bateria uma vez. Quis dizer que prefiro pagar 1000 em um smartphone decente importado que pagar 1700 num genérico brasileiro para ter uma assistência que talvez nunca use. Se meu smartphone der pau, compro outro que dá quase na mesma.
                                                                                                                                                                                                                    Brasileiro paga 1000 num smartphone, reclama do preço como se fosse 10.000 e cuida dele no dia a dia como se tivesse custado 100.
                                                                                                                                                                                                                    Cuido dos meus aparelhos e eles duram porque dou valor ao que compro.

                                                                                                                                                                                                                      • Nossa não sabia que só porque você usa celulares a mais de 20 anos que todos terão a total garantia que nunca dará problemas porque você nunca precisou!
                                                                                                                                                                                                                        Quando precisarmos podemos recorrer a você né?

                                                                                                                                                                                                                          • "não entendo a experiência dos outros porque só consigo olhar para a minha própria"

                                                                                                                                                                                                                            isso que eu li no seu comentário ;p

                                                                                                                                                                                                                            eu também nunca tive problema que precisasse de assistência técnica, mas nem por isso estou esnobando quem prefere pagar por esse conveniente

                                                                                                                                                                                                                              • é porq tem muito mão de merda que deixa o aparelho cair no chão ou dentro da privada

                                                                                                                                                                                                                                • Você teve sorte.

                                                                                                                                                                                                                                  OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

                                                                                                                                                                                                                                  Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

                                                                                                                                                                                                                                  Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

                                                                                                                                                                                                                                  Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho