LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Xiaomi Mi 10 Pro conquista primeira posição em análise de câmera do DxOMark com novo recorde

13 de fevereiro de 2020 37

A Xiaomi tem decidido investir cada vez mais no quesito câmera em seus smartphones de alto desempenho, e isso acaba tornando os seus aparelhos mais caros do que de costume, visto que a empresa foi conhecida por apresentar dispositivos com grande poder de processamento com preço baixo.

Com o lançamento da Redmi, o cargo de fabricar "flagships acessíveis" ficou para a subsidiária e, dessa forma, a Xiaomi conseguiu ter a liberdade que queria para elevar os preços e aumentar as características mais essenciais e mais requisitadas em seus dispositivos. Com o Xiaomi Mi 10 Pro, a empresa conseguiu unir tudo de melhor em um único aparelho.


Anunciado nesta quinta-feira na China, a variante mais poderosa da dupla Mi 10 ganha sua análise de câmera no DxOMark superando expectativas e deixando grandes concorrentes para trás. Com 124 pontos (o maior registro no site até agora) a Xiaomi leva a melhor contra o poderoso Mate 30 Pro 5G com 123 pontos, do Honor V30 Pro com 122 pontos, do iPhone 11 Pro Max com 117 pontos e do Galaxy Note 10 Plus também com 117 pontos.

Com quatro câmeras traseiras, a Xiaomi apresenta um sensor principal de 108 MP com abertura f/1.69, sensor de 12 MP para a lente telefoto de curto alcance (equivalente a uma lente 50mm), sensor de 8 MP com lente telefoto de longo alcance (equivalente a 94mm) e um sensor de 20 MP com lente grande-angular equivalente a 16mm.



O DxOMark afirma que "no geral, os resultados de imagem são bem similares ao CC9 Pro Premium Edition do último ano, mas graças ao mais poderoso chipset Snapdragon 865 e ao tuning redefinido (especialmente em termos de renderização de textura, performance noturna e precisão de cantos), a performance do Mi 10 Pro é excelente em foto e vídeo."

A análise afirma que o Mi 10 Pro oferece um alcance dinâmico melhorado em relação ao CC9 Pro Premium Edition com melhor processamento geral do HDR em cenários externos com muita luz e cenários internos em "condições típicas de fotografia". Abaixo é possível notar as comparações entre o Mi 10 Pro, o Mate 30 Pro 5G e o iPhone 11 Pro Max, mostrando como o smartphone da Xiaomi têm desempenhado um um excelente processamento com um cenário extremamente desafiador.

Com excelentes cores, o Mi 10 Pro tem balanço de branco preciso em quase todas as condições de iluminação, tanto em cenários externos com muita luminosidade ou em cenários internos. "Nossos testadores encontraram cores um pouco lavadas em algumas cenas, com saturação menor que os competidores", afirma o site, lembrando que apesar da excelente nota, é possível encontrar inconsistências de vez em quando.

Mais uma vez o Mi 10 Pro é comparado ao CC9 Pro Premium Edition em baixa luminosidade: "a diferença [...] não é enorme", mas o site afirma que há melhorias de nitidez no Mi 10 Pro em relação ao modelo lançado no ano passado, oferecendo também mais detalhes nos padrões e melhor contraste.

Já o novo Modo Noite do Mi 10 Pro melhora, em muito, o desempenho de fotografia da Xiaomi em cenários escuros e muito mais desafiadores, apresentando melhor alcance dinâmico e melhores detalhes, além de oferecer "excelentes detalhes em baixa luz", mas destacando também que em cenários de extrema escuridão o smartphone pode apresentar problemas de baixa-exposição.

Com um desempenho semelhante ao Mate 30 pro 5G, o Mi 10 Pro oferece cores mais quentes e ambos mostram conseguir lidar melhor com a captação de luz que o CC9 Pro Premium Edition.


Em conclusão, o DxOMark afirma que a Xiaomi consolida a boa reputação que veio ganhando após o Mi CC9 Pro Premium Edition e sua "performance estelar" no quesito câmera: "apesar de utilizar um hardware semelhante ao Premium Edition, a Xiaomi provou melhorar o Mi 10 Pro em áreas importantes graças a combinação de tuning refinado e melhoria no processamento do chipset Snapdragon 865."

O aparelho se destaca com bons detalhes e bom balanço de branco, boas texturas e ruído equilibrado especialmente em cenários de boa luminosidade. A exposição é estável e segura, bem como o equilíbrio de brancos na maioria das vezes. Os detalhes continuam sendo bem preservados até mesmo em zoom de médio ou longo alcance, algo que ambas as lentes de zoom óptico ajudam. A estimativa de profundidade de campo é precisa e os detalhes no modo retrato também são bons.

Já entre os poucos contras o site destaca que os rostos ocasionalmente ficam fora de foco, tons vermelhos em especial costumam destoar da realidade e há "fantasmas" frequentes quando utilizado o HDR com a câmera grande-angular e em Modo Noite.

O Xiaomi Mi 10 Pro ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.

37

Comentários

Xiaomi Mi 10 Pro conquista primeira posição em análise de câmera do DxOMark com novo recorde

Galaxy A20s vs A21s: vale trocar ou ir direto no mais novo? | Comparativo

Galaxy M31 vs LG K61: qual o melhor celular intermediário barato? | Comparativo

Galaxy M31 vs A51: você tem certeza que deve levar o celular mais novo? | Comparativo

Galaxy M31 vs Moto G8 Power: buscando o melhor intermediário de 2020 | Comparativo