LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Melhores smartphones em desempenho | Guia do TudoCelular

28 de maio de 2019 20

Quem acompanha o TudoCelular sabe que testamos todos os smartphones que passam por nossas bancadas para saber o nível de desempenho entregue. Não nos resumimos apenas a benchmarks, já que tem muito celular que conquista pontuações altas mas na prática decepciona.

Assim como fizemos em nosso guia de melhores em bateria, aqui reunidos os celulares mais rápidos que passaram por nossas mãos. Dividimos em três categoria: básicos (até R$ 1 mil), intermediários (até R$ 2 mil) e avançados (que vão além de R$ 2 mil). Devido à variação constante de preço é normal que um modelo ou outro fuja de sua categoria por algum tempo.

Nosso guia inclui tanto modelos nacionais quanto importados que podem ser encontrados no Brasil. Caso algum modelo não apareça em nossa plataforma de ofertas, incluiremos links para lojas de confiança, como GearBest e Banggood.

Lembrando também que serão listados apenas smartphones lançados nos últimos dois anos, já que modelos mais antigos tem pouco interesse do público e são difíceis de encontrar à venda.

MODELOS BÁSICOS

1. Moto G6 Play (1m32s)

Nem sempre o modelo mais recente é mais rápido que o antigo e o Moto G6 Play é um exemplo disso. Em nosso teste de velocidade ele abriu todos os aplicativos em 1 minuto e 15 segundos, mantendo tudo aberto na RAM. O Moto G7 Play entrega a mesma velocidade de abertura, mas por ter gerenciamento de memória falho faz com que recarregue tudo. Se você busca um smartphone barato da Motorola e quer o mais rápido vá de Moto G6 Play.


7 Hardware
8.3 Custo Benefício

Motorola Moto G6 Play

Comparar Aviso de preço
2. Multilaser MS80X (1m34s)

O MS80X foi uma baita surpresa para nós. Esse é um smartphone barato da Multilaser que entrega bom conjunto e seu desempenho é quase tão bom quanto o do Moto G6 Play, sendo apenas 2 segundos mais lento. Na abertura de aplicativos ele fica no mesmo nível do básico da Motorola, mas as animações mais lerdas atrasam um pouco a troca entre apps.


7.7 Hardware
7.7 Custo Benefício

Multilaser MS80X

Comparar Aviso de preço
3. Moto G7 Power (1m37s)

O Moto G7 Power foi lançado por mais de R$ 1 mil, mas como seu preço caiu nas últimas semanas decidimos colocar na categoria de básicos. Ele traz o mesmo processador do G7 Play, mas ter 1 GB a mais de RAM fez toda a diferença aqui. Ele não conseguiu manter tudo aberto em segundo plano, mas consegue ser mais rápido no carregamento de conteúdo que o G6 Play e MS80X.


7.3 Hardware
7.6 Custo Benefício

Motorola Moto G7 Power

Comparar Aviso de preço
4. Umidigi S2 Lite (1m41s)

Infelizmente é difícil encontrar o S2 Lite ainda à venda, mas este foi o chinês baratinho mais rápido que testamos nos últimos 2 anos. Ele vem com o chipset MT6750T da MediaTek, muito comum em celulares de entrada, mas o Android modificado da fabricante chinesa conseguiu explorar melhor o desempenho que ele tem a oferecer.


5. LG K12 Plus (1m45s)

O K12 Plus é a aposta mais recente da LG no segmento básico. O grande destaque do aparelho é oferecer certificação militar para maior resistência contra impactos. Outro ponto de destaque fica para o desempenho que supera os rivais da Samsung e até mesmo chineses recentes como o Redmi 7.


6.8 Hardware
7.5 Custo Benefício

LG K12 Plus

Comparar Aviso de preço
6. Quantum MUV Up (1m45s)

O MUV Up é outro que também nos surpreendeu. Ele foi lançado há quase 2 anos e apresentou um bom salto em desempenho na categoria básica na sua época e ainda está entre os mais rápidos que passaram pelo TudoCelular. Enquanto smartphones recentes da Motorola sofrem para manter apps abertos na RAM, o modelo da Quantum faz isso sem nenhuma dificuldade. Devido à sua disponibilidade mais limitada, o seu preço acabou subindo um pouco nas últimas semanas.


5.9 Hardware
5.2 Custo Benefício

Quantum MUV Up

Comparar Aviso de preço
7. Quantum GO2 (1m46s)

Outro da Quantum com desempenho similar ao MUV Up é o GO2. Ele traz hardware bastante parecido, então já era esperado ver o mesmo desempenho. Este foi apenas um segundo mais lento no carregamento do conteúdo, mas na reabertura temos um empate. Por ser mais barato, caso tenha que escolher entre os dois da Quantum, vá de GO2.


5.9 Hardware
5.2 Custo Benefício

Quantum GO2

Comparar Aviso de preço
8. LG Q6 Plus (1m46s)

Q6 Plus é mais um básico da LG que entrega bom desempenho sem cobrar muito. O seu preço fica oscilando por volta do R$ 1 mil e pode ser uma opção interessante se você busca tela ampla com bordas mais finas que a do K12 Plus. O desempenho é bastante parecido entre os dois modelos da sul-coreana, então vá no que estiver mais barato.


7.4 Hardware
6.6 Custo Benefício

LG Q6 Plus

Comparar Aviso de preço
9. Alcatel A7 (1m47s)

O Alcatel A7 é outro que foi lançado há quase 2 anos e é difícil de encontrar no mercado, mas ele conquistou uma posição no nosso ranking dos mais rápidos. Ele demorou apenas um segundo a mais para reabrir todos os aplicativos que o LG Q6 Plus, sendo também mais ágil que muito lançamento recente como o Galaxy M10.


10. Asus Zenfone 4 Max (1m50s)

E fechando o nosso ranking dos celulares mais básicos temos o Zenfone 4 Max que também ficou abaixo da marca dos 2 minutos, algo que muito lançamento recente sofre para alcançar. Esse modelo da Asus teve aumento de preço recente, mas normalmente é encontrado por menos de R$ 1 mil.


6.4 Hardware
6.4 Custo Benefício

Asus ZenFone 4 Max

Comparar Aviso de preço

MODELOS INTERMEDIÁRIOS

1. Vivo X21 (59s)

O Vivo X21 é o intermediário mais rápido que testamos. Ele vem com Snapdragon 660 também presente em outros do nosso ranking, mas aqui fica claro que o Android modificado pela fabricante chinesa está melhor otimizado. Apesar de ser um ótimo smartphone no geral, é difícil encontrá-lo à venda, até mesmo em sites de importação.


2. Samsung Galaxy A9 (1m1s)

O Galaxy A9 é o intermediário mais rápido da Samsung. Ele possui o mesmo chipset do Vivo X21 e ficou apenas 2 segundos abaixo em nosso teste de velocidade. O tempo de abertura foi bastante parecido entre os dois modelos. A diferença acabou ficando para as animações mais lerdas da interface One UI, que roda por cima do Android.


8.5 Hardware
7.6 Custo Benefício

Samsung Galaxy A9

Comparar Aviso de preço
3. Xiaomi Mi Note 3 (1m04s)

O Mi Note 3 é mais uma opção de intermediário com Snapdragon 600. Até a configuração de memória é a mesma do Galaxy A9 e o desempenho, como esperado, é bastante próximo. Este modelo da Xiaomi foi apenas 3 segundos mais lento. A maior diferença fica para o tempo de abertura, mas quando tudo está na RAM, o Mi Note 3 acaba sendo mais rápido que o A9.


4. Pocophone F1 (1m04s)

Pocophone F1 é um dos celulares mais queridinhos dos brasileiros por trazer hardware de flagship com preço de intermediário. Aqui temos o Snapdragon 845, uma plataforma consideravelmente mais potente que o Snapdragon 660, mas em nosso teste de velocidade ele ficou abaixo do Vivo X21, Galaxy A9 e Mi Note 3. Tudo bem que a diferença para o modelo da Xiaomi é mínima, mas esperávamos vê-lo no topo do nosso ranking.


8.8 Hardware
8.2 Custo Benefício

Xiaomi Pocophone F1

Comparar Aviso de preço
5. Asus Zenfone 4 (1m07s)

O Zenfone 4 chegou a mercado em duas versões: Snapdragon 630 e 660. O mais caro é o que entra no nosso ranking por entregar desempenho próximo de outros com mesmo hardware. Ele foi apenas 3 segundos mais lento que o Pocophone F1 que tem hardware mais forte. O gerenciamento de RAM está melhor que modelos mais recentes da Asus.


8 Hardware
8.4 Custo Benefício

Asus ZenFone 4

Comparar Aviso de preço
6. Blu V XI Plus (1m09s)

Blu também marca presença em nosso ranking com o ótimo V XI Plus. Esse modelo tem disponibilidade muito limitada, o que fez seu preço subir drasticamente. Normalmente ele era encontrado por pouco mais de R$ 1 mil, mas agora aparece em lojas pelo dobro do preço, o que torna seu custo-benefício ruim.


7. Motorola Moto Z2 Play (1m10s)

Aqui temos mais um exemplo de modelo antigo que supera seu sucessor. O Z2 Play é mais rápido que o Z3 Play por conseguir manter os aplicativos carregados em segundo plano. E mesmo tendo processador mais antigo, ele consegue carregar mais rapidamente o conteúdo. Se você preza apenas velocidade, ele será uma melhor escolha por estar mais barato.


7.8 Hardware
7.2 Custo Benefício

Motorola Moto Z2 Play

Comparar Aviso de preço
8. Xiaomi Mi A2 (1m11s)

Quem não é fã da MIUI normalmente corre para o Mi A2 da Xiaomi. Esse modelo entrega bom conjunto pelo preço cobrado e seu desempenho fica no nível do Pixel 3 que é um flagship muito mais caro. Por ter o mesmo Snapdragon 660 dos modelos mais rápidos do nosso ranking de intermediários, esperávamos um pouco mais do seu desempenho.


8.2 Hardware
8.8 Custo Benefício

Xiaomi Mi A2

Comparar Aviso de preço
9. Xiaomi Mi Max 3 (1m16s)

E mais um Xiaomi marcando presença em nosso ranking de intermediários mais rápidos. Desta vez temos o Mi Max 3 que traz plataforma mais fraca da Qualcomm, o Snapdragon 636 (mesmo presente no Moto G7 Plus, que ficou de fora do nosso ranking). Xiaomi realmente deixa claro que sabe usar o hardware dos seus smartphones a seu favor entregando bom desempenho aliado a ótima duração de bateria.


8 Hardware
7.2 Custo Benefício

Xiaomi Mi Max 3

Comparar Aviso de preço
10. Redmi Note 7 (1m20s)

Fechando nosso guia de intermediários mais rápidos temos o Redmi Note 7, a aposta mais recente da Xiaomi neste segmento e que até foi lançado oficialmente no Brasil. Este é mais uma opção com Snapdragon 660, mas fica abaixo dos demais por ter uma MIUI menos otimizada. Ainda assim, ele é mais rápido que muito intermediário mais caro.


8.5 Hardware
8.6 Custo Benefício

Redmi Note 7

Comparar Aviso de preço

MODELOS AVANÇADOS

1. Apple iPhone XS (44s)

E aqui temos o nosso campeão em velocidade. O iPhone XS é o celular mais rápido que passou pelo TudoCelular, cravando apenas 44 segundos. Nem mesmo o Max consegue superá-lo e apenas o iPhone 11 que pode tomar o seu posto nos próximos meses. É inegável que Apple está na frente do Google e demais fabricantes que apostam no Android.


9 Hardware
5.7 Custo Benefício

Apple iPhone XS

Comparar Aviso de preço
2. Xiaomi Mi 9 (48s)

Não é fã do iOS ou não pretende pagar tão caro em um iPhone? O Mi 9 é o smartphone Android mais rápido que testamos, ficando apenas 4 segundos abaixo do XS. A parte mais impressionante é que após ter tudo carregado na memória, o Mi 9 até consegue ser mais rápido. Realmente é um feito notável para um aparelho na sua faixa de preço.


9.3 Hardware
7.9 Custo Benefício

Xiaomi MI 9

Comparar Aviso de preço
3. Huawei P30 Pro (48s)

Logo colado vem o P30 Pro que é apenas alguns centésimos de segundo mais lento que o Mi 9, mas se considerarmos a diferença de preço entre os dois, o modelo da Xiaomi realmente impressiona pelo que entrega. A vantagem do rival da Huawei está nos demais atributos, com bateria que dura mais e câmera de qualidade superior.


8.7 Hardware
5.7 Custo Benefício

Huawei P30 Pro

Comparar Aviso de preço
4. Huawei Mate 20 Pro (52s)

Huawei realmente manja de otimização do Android e temos mais um smartphone da empresa entre os mais rápidos que passaram pelo TudoCelular. O Mate 20 Pro é o top de linha do ano anterior e foi apenas 4 segundos mais lento que o atual carro-chefe da empresa.


5. OnePlus 6T (53s)

OnePlus que sempre foi sinônimo de velocidade não fica em nosso top 3 de celulares mais rápidos. Ainda não sabemos se o OnePlus 7 brigará pelo pódio, mas podemos esperar excelente desempenho. O 6T ainda é uma ótima opção de smartphone e entrega bateria superior que muito flagship mais caro. Se você busca alta velocidade e sem pagar tanto quanto nos modelos da Huawei, este é uma opção a se considerar.


6. Apple iPhone XS Max (53s)

O iPhone XS Max não é tão rápido quanto o XS, mas ainda fica entre os melhores que testamos. É uma diferença de 11 segundos entre os dois modelos, mas para muitos nem deve fazer diferença. De qualquer forma, por ser mais caro esperávamos que este aqui fosse o mais rápido dos dois, ou que pelo menos entregasse o mesmo desempenho.


9 Hardware
5.7 Custo Benefício

Apple iPhone XS Max

Comparar Aviso de preço
7. OnePlus 5T (53s)

Se você busca um smartphone da OnePlus e não quer pagar caro no recente lançamento da empresa, o 5T pode ser uma opção interessante já que oferece o mesmo desempenho do 6T e custa menos. A diferença entre os dois foi de centésimos de segundos, então vá no que estiver mais barato.


8. Samsung Galaxy S10 Plus (53s)

O S10 Plus é o celular mais rápido da Samsung que testamos, ficando acima do S10 que traz o mesmo hardware. Aqui vimos o oposto do que aconteceu com o iPhone XS e XS Max. É bom lembrar que o modelo analisado pelo TudoCelular é nacional com Exynos, o importado com Snapdragon tende a ser mais rápido.


9.3 Hardware
6.6 Custo Benefício

Samsung Galaxy S10 Plus

Comparar Aviso de preço
9. Apple iPhone X (54s)

Mais um iPhone no nosso top 10 de velocidade, desta vez o modelo X lançado em 2017. Ele traz processador hexa-core e apenas 3 GB de RAM, mas atropela muito Android com chipset mais robusto e maior quantidade de memória. Quando tem tudo carregado na memória, ele consegue ser mais rápido que o Galaxy S10 Plus.


8.8 Hardware
5.9 Custo Benefício

Apple iPhone X

Comparar Aviso de preço
10. OnePlus 5 (54s)

Encerrando o nosso top 10 temos mais um celular da OnePlus, desta vez o modelo 5 que foi lançado no começo de 2017. Mesmo tendo 2 anos de lançamento ele ainda dá trabalho para muito top de linha mais caro lançado este ano. Abaixo você confere ofertas dele em sites de importação, já que o modelo não é mais encontrado no e-commerce nacional.



20

Comentários

Melhores smartphones em desempenho | Guia do TudoCelular

OnePlus 6 e Redmi Note 5 entram na lista dos 15 aparelhos mais radioativos

Huawei no Brasil fará diferença? Positivo fecha trimestre no vermelho

Samsung Galaxy J7 Pro ou Motorola Moto G5S Plus? Comparativo TudoCelular ajuda a escolher

Ranking TudoCelular: gráficos com todos os testes de desempenho e autonomia até junho