LOADING...
Faça login e
comente
Usuário ou Email
Senha
Esqueceu sua senha?
Ou
Registrar e
publicar
Você está quase pronto! Agora definir o seu nome de usuário e senha.
Usuário
Email
Senha
Senha
» Anuncie » Envie uma dica Ei, você é um redator, programador ou web designer? Estamos contratando!

Redmi K50 Pro aparece em supostas imagens reais confirmando design e câmera de 108 MP

15 de março de 2022 56

Atualização (15/03/2022) - LR

Com lançamento confirmado para a próxima quinta-feira (17), a família Redmi K50 Series teve várias informações sobre o hardware interno revelados pela marca em teasers divulgados nos últimos dias, reforçando o suporte ao carregamento rápido de 120W e processadores Snapdragon 870, Dimensity 8100 e Dimensity 9000.

Apesar de ter revelado boa parte da ficha técnica, a fabricante não deu muitas informações sobre a construção e design da próxima linha de aparelhos carro-chefes da gigante chinesa. No entanto, renderizações divulgadas em meados de fevereiro apontavam para um visual diferente e câmeras alinhadas como se estivessem nos vértices de um triângulo.

Corroborando as imagens criadas por leakers, o Redmi K50 aparentemente surgiu nesta terça-feira (15) em fotos reais que confirmam o gigantesco retângulo que abriga os sensores traseiros — sendo a primária de 108 MP com OIS — e dual flash LED, além do nome da marca no canto inferior esquerdo.

Supostas imagens reais do Redmi K50 Pro. (Imagem: Reprodução).

De acordo com as fotos, a parte frontal inclui uma tela com furo para a câmera de selfie e mostra que o Redmi K50 virá executando de fábrica a interface MIUI 13 baseada no Android 12.

Em fevereiro, a Xiaomi oficializará sua nova linha Redmi K50. Os rumores estão a todo vapor com novos vazamentos que deram mais detalhes a respeito de suas especificações. Na semana passada, detalhes do design foram revelados.

Um deles vem do famoso informante chinês Panda is Bald. Ele revelou no Weibo que a série Redmi K50 contará com um sensor Sony IMX766 de 50 MP na câmera principal do flagship. Ele é o mesmo dos celulares tops de linha Xiaomi 12, Realme GT 2 Pro e OPPO Find X3 Pro.

Reprodução: Weibo

Entretanto, o post não revela quais modelos receberão o sensor, mas vazamentos anteriores sugerem que ele deverá vir no Redmi K50 Pro, K50 Pro Plus ou ambos.

O celular deve vir com uma tela AMOLED 2K de 6,67 polegadas com taxa de atualização de 4700 mAh e suporte para carregamento rápido de 120W.

Além disso, renderizações vazadas deram mais detalhes do design do Redmi K50 Pro. Elas revelam que o celular virá com uma câmera em furo centrada no topo da tela e cantos curvos.

Reprodução: Gizmochina

Na traseira, o telefone deve contar com um módulo triplo de câmeras no topo esquerdo, em formato singular e na cor prateada com flash em LED. Imagens de uma capa de silicone vazada também reforçam que esse será o design final do celular.

Reprodução: Gizmochina

A Xiaomi confirmou de forma oficial que um dos modelos da linha Redmi K50 estreará o processador MediaTek Dimensity 9000, o novo top de linha da companhia para 2022 construído em litografia 4nm da TSMC.

Segundo o Geekbench, o Dimensity 9000 superou o Snapdragon 8 Gen 1 da Qualcomm em cenários mais exigentes.

Atualização (10/1/2022) - HA

Entre os últimos vazamentos referentes ao Redmi K50 Pro estão algumas imagens de capinhas, que nos sugerem como deve ser o design do aparelho — em particular, de sua câmera traseira, como um design peculiar, semelhante ao do Xiaomi Civi, com as câmeras dispostas em forma de pirâmide. O aparelho deve remeter ao Redmi Note 11 Pro.

Este sistema de três câmeras possui sensor principal Sony IMX686 de 64 MP, ultra-wide de 13 MP e macro de 2 MP ou 8 MP. O aparelho deve ter ainda uma plataforma Snapdragon 8 Gen 1, com um painel AMOLED de 6,67 polegadas, de resolução 1080x2400 pixels e taxa de atualização de até 120 Hz.


(Imagens: Xiaomiui/Reprodução)

As fotos vazadas, que circulam pela rede social chinesa Weibo, devem ser vistas com cautela, já que outros aparelhos recentes protagonizaram rumores semelhantes, e os design foram diferentes. O Redmi K50 Pro deve ser lançado já neste mês.

Atualização (08/01/2022) - EB

A série Redmi K50 deve ser anunciada no início de fevereiro e a Xiaomi já indicou que o dispositivo não deve ter problemas com superaquecimento do Snapdragon 8 Gen 1. Agora o Redmi K50 Pro foi certificado pela TENAA e 3C, além de ser listado no GeekBench reforçando mais especificações deste celular.

O Redmi K50 Pro foi identificado pelo modelo 21121210C na TENAA, 3C e no Geekbench. As fichas indicam um dispositivo com 12GB de RAM e processador topo de linha, marcando 1226 pontos em single core e 3726 pontos em multi-core no Geekbench 5, o que indica que este pode ser o modelo Pro.

Redmi K40

O processador é identificado com o codinome "taro" e tem 8 núcleos com o design 1+3+4 com frequência máxima de 3.0GHz, o que confirma a presença do Snapdragon 8 Gen 1.

A listagem 3C ainda indica que o aparelho terá carregamento de 120W e sistema Android 12. Recentemente já foi confirmado que a bateria terá 4700mAh.

Por fim, considerando que o lançamento está cada vez mais próximo, esperamos ver mais detalhes sobre estes aparelhos em breve, incluindo detalhes sobre suas câmeras e telas, que devem ser AMOLED.

Atualização (05/01/2022) - HA

Redmi K50 promete SD 8 Gen 1 "frio", carregamento de 120 W, tela AMOLED e mais

A Xiaomi já começou a dar algumas informações oficias sobre a vindoura linha Redmi K50, que deve ser anunciada no começo de fevereiro, e nesta quarta (5) publicou também um teaser com mais detalhes sobre os aparelhos em sua página no Weibo.

Em particular, espera-se que as configurações topo de linha fiquem para o Redmi K50 Pro Plus, tais como o chipset Snapdragon 8 Gen 1 — anunciado na publicação como o "mais frio da indústria". A menos que seja uma ironia, parece que a chinesa não leu as notícias recentes sobre o esquentadinho.

Imagem: Weibo/Reprodução

Ou talvez o pulo do gato esteja no novo sistema de resfriamento Dual VC, com uma boa área de ação e câmara de evaporação dupla que comprove a tal frieza.

Ainda é citada a tecnologia de carregamento ultra-rápido de 120W para uma bateria de 4.700 mAh — o que sugere um ciclo de carga de apenas 17 minutos.

Atualização (03/01/2021) por LL

Desta vez temos uma confirmação oficial sobre o lançamento do Redmi K50, novo celular topo de linha da Xiaomi. O gerente da marca Redmi, Lu Weibing, emitiu uma declaração através de seu canal Weibo. A preparação para o lançamento da série K50 já começou, pois a apresentação deve acontecer após o Festival da Primavera, que ocorre entre 31 de janeiro e 6 de fevereiro.

Se os vazamentos recentes se provarem verdadeiros, o Xiaomi 12 Ultra — topo de linha da recém-lançada série Xiaomi 12 — também será lançado em tal ocasião. Vale pontuar que rumores prévios já apontavam meados de fevereiro como possível data de lançamento do Redmi K50.

Já temos acesso a algumas das especificações que o modelo trará consigo. Além de tela AMOLED E5 da Samsung, o Redmi K50 deve ser equipado com chipset Qualcomm Snapdragon 8 Gen 1 ou MediaTek Dimensity 9000, MIUI 13 baseada no Android 12, câmera de 109 MP e carregamento rápido de 100W, segundo relatório do Gizchina.

Renderização do Redmi K50. Imagem: Reprodução.

Paralelo ao lançamento da série 12 ocorrido na última terça-feira (28), a Xiaomi já está preparando o anúncio do Redmi K50, seu novo celular top de linha. Descobrimos nesta quarta-feira (29) que a fabricante chinesa está avançando no processo de homologação dos novos flagships na China, visto que um modelo foi listado no banco de dados do TENAA.

O órgão regulador descreve a aprovação de um celular tratado sob o nome técnico “21121210C” que integrará à família do Redmi K50 — composta também pelo K50 Pro e K50 Pro Plus. O registro não revela mais detalhes além do suporte à conectividade 5G.

Certificação atribuída ao modelo "21121210C" (Imagem: Reprodução/GizmoChina)

Rumores afirmam que o “21121210C” é, na realidade, o Redmi K50 Gaming. A versão gamer deve suceder ao K40 Gaming (review) com uma tela OLED com taxa de atualização de 120 Hz ou 144 Hz, segundo as especulações prévias. Além disso, garantindo bom desempenho em jogos, o aparelho deve contar com o chipset MediaTek Dimensity 9000.

Embora a fotografia não seja o foco desse dispositivo, a Redmi não deixará seus usuários decepcionados ao integrar uma câmera principal com sensor Sony IMX686 de 64 MP, uma lente grande-angular com sensor de 13 MP, uma câmera telemacro com sensor de 8 MP e uma câmera macroscópica de 2 MP.

O Redmi K50 Gaming deve chegar ao mercado global rebatizado como “POCO F4 GT”, seguindo a estratégia da Xiaomi. O Redmi K50 e suas variantes “Pro” devem estrear em mercados selecionados com chips Snapdragon 8 Gen 1 ou Dimensity 9000 e tela AMOLED E5 da Samsung. Os modelos devem sair da fábrica executando a MIUI 13 sob Android 12.

A linha deve ser apresentada oficialmente em meados de fevereiro de 2022. Por ora, não há estimativas para seus preços sugeridos. Note que todas as informações seguem sem confirmação da fabricante, portanto, devemos tratar esses detalhes como rumores.

Atualização (04/12/21) - JB

Redmi K50 ganha nova previsão de lançamento e tem MIUI 13 confirmada

O conhecido e confiável Digital Chat Station usou as suas redes sociais para comentar que a linha Redmi K50 só deve ser lançada no próximo ano. De acordo com o vazador, a Xiaomi mudou a sua estratégia, inclusive podendo adiantar a estreia da família Xiaomi 12.

Por isso, o Redmi K50 só poderá ser apresentado ao público chinês em meados de fevereiro de 2022. Outro detalhe confirmado é a presença da interface proprietária MIUI 13 em todas as variantes, sendo que ainda há muitas dúvidas quanto ao uso do Android 12.

Caso o rumor se torne realidade, a expectativa é que o público global só tenha acesso aos aparelhos da linha K50 no fim de março do próximo ano. De toda forma, até o momento a Xiaomi ainda não se pronunciou sobre o assunto.

A linha K50 deve contar com quatro smartphones que devem usar os processadores Dimensity 7000, 9000, Snapdragon 870 e 8 Gen 1.


Atualização (30/11/21) - JB

Redmi K50: linha será lançada com MIUI 13 e tela AMOLED da Samsung

Além da família Xiaomi 12, a linha Redmi K50 também deve ser lançada com a MIUI 13 pré-instalada. A novidade foi confirmada pelo conhecido e confiável Digital Chat Station na manhã desta terça-feira (30).

De acordo com o vazador, os aparelhos deste ano devem ter uma maior diversidade de processadores, uma vez que a fabricante deve utilizar os novos Dimensity 7000 e 9000. Além disso, também teremos opções com Qualcomm:

O Redmi K50 Pro provavelmente chegará ao mercado com o sucessor do Snapdragon 870, enquanto que o Redmi K50 Pro Plus provavelmente será equipado com o Snapdragon 8 Gen1.

Por fim, alguns aparelhos desta linha devem ser vendidos na Índia como integrantes do catálogo da POCO, mas ainda é muito cedo para sabermos de qual variante estamos falando.


Atualização (29/11/2021) - HA

Redmi K50: celular pode ter AMOLED E5 da Samsung e bateria de 5.500 mAh

O Redmi K50 é uma das séries de aparelhos mais esperadas do público — ao menos daqueles que responderam a uma enquete de Lu Weibing, gerente geral da Redmi, na rede social chinesa Weibo. E enquanto ele sondava seus seguidores para saber qual era o aparelho mais antecipado de 2022, o informante Digital Chat Station disse que o aparelho pode trazer grandes atualizações em relação à geração anterior.

Infelizmente, porém, ele não deu nomes aos bois. Segundo ele, o Redmi K50 está testando novas tecnologias para a tela para o carregamento rápido, bem como há o desenvolvimento de periféricos. Considerando que ele chegue em uma faixa de preço de 2.000 yuan (~R$ 1.750), ele pode se consolidar como um intermediário com especificações avançadas, capaz de atingir entre 700 e 800 mil pontos no AnTuTu, segundo ele.

Além disso, especula-se que para superar a tela AMOLED com tecnologia E4 da Samsung, o próximo aparelho pode trazer a E5 da marca. Quanto à plataforma, podem haver diferentes versões do dispositivo — seja com Snapdragon 870, Dimensity 9000 ou 7000 e até com Snapdragon 8 Gen 1.

Atualização (27/10/21) - JB

A linha Redmi K50 também está no cronograma de lançamentos da Xiaomi, sendo que o lançamento mais provável é para o começo de 2022. Recentemente, vimos que alguns modelos devem contar com processador Snapdragon 898 e câmera de 108 MP.

Hoje (27), o vazador Bald Panda revelou que dois novos smartphones da Redmi devem ser anunciados com baterias de grande capacidade: 5.160 mAh e 5.500 mAh. Por enquanto, ainda não é possível saber em qual linha elas serão lançadas, mas tudo indica que estamos falando da família K50.

Ao inserir uma bateria de 5.500 mAh na linha K50, essa seria a maior capacidade que a empresa já disponibilizou no mercado de flagships. Geralmente, a fabricante resiste a colocar uma bateria maior em telefones dessa categoria, uma vez que o componente acaba afetando o design.

Por enquanto, a fabricante não comenta o assunto. Assim, salientamos que tudo precisa ser considerado como sendo apenas mais um rumor.

Linha Redmi K50 pode ter a maior bateria dos flagships da Xiaomi.

Atualização (08/10/21) - JB

Redmi K50 Pro Plus deve ter Snapdragon 898, câmera de 108 MP e carregamento de até 120W

A linha Redmi K50 será composta por três smartphones, sendo que os demais são os K50 Pro e K50 Pro Plus. Recentemente, vimos que esses aparelhos devem ter algumas especificações em comum.

Hoje (8), um novo vazamento trouxe o que podemos esperar da ficha técnica da variante Pro Plus. A começar pelo display, ele será um Samsung AMOLED E5 com taxa de atualização de até 144 Hz e leitor de digitais integrado.

Já o processador é o Snapdragon 898, sendo que ele pode trabalhar com até 12 GB de RAM e armazenamento que chega a 512 GB.

Imagem/Reprodução: Redmi K40 Pro Plus.

Para garantir fotos de boa qualidade, o K50 Pro Plus também deve contar com câmera principal de 108 MP e mais dois sensores, com telefoto incluso.

Por fim, a bateria deve ser de 5.000 mAh e suportar carregamento rápido de 67W ou até mesmo 120W.

Cabe lembrar que o lançamento da linha Redmi K50 só deve acontecer em 2022. Por isso, tudo ainda precisa ser considerado como sendo apenas mais um rumor do mercado.

Atualização (04/10/21) - HA

Redmi K50 deve ter Snapdragon 898, câmera de 108 MP na versão Pro Plus, tela E5 da Samsung e mais

Os novos celulares redmi K50 devem ser apresentados ao público entre o final deste ano e o início do próximo, e cada vez mais detalhes da novidade vão surgindo em rumores a respeito das especificações. Agora, também surgiu uma dica de um informante no Weibo apontando que o preço pode ser "surpeendente" — então aumentam as expectativas por um celular que vai chegar para competir agressivamente.

Calcula-se que haverá a versão base, bem como o K50 Pro e Pro Plus. Respectivamente, os celulares devem acompanhar sensores principais de 48 MP, 50 MP e 108 MP. Eles devem compartilhar, porém, a plataforma topo-de-linha da Qualcomm: a Snapdragon 898.

A aguardada novidade da Qualcomm, feito com processo de produção em 4 nm é equipada com oito núcleos com arquitetura ARM Cortex v9, GPU Adreno 730 e modem X65 5G integrado.

Os smartphones devem ter ainda carregamento rápido de até 120 W e tela OLED E5 da Samsung.

E você, o que está achando desses aparelhos que se mostram cada vez mais potentes?

Atualização (15/09/21) - JB

A linha Redmi K50 está cada vez mais próxima do seu lançamento oficial e hoje (15) fontes chinesas revelaram que a fabricante quer apostar pesado nos aparelhos. Isso porque eles devem sair da caixa com tela Samsung OLED E5.

Ou seja, estamos falando da tecnologia mais poderosa da gigante sul-coreana, sendo que isso aumentará significativamente a qualidade de exibição dos integrantes da linha K50. Claro que o painel também deve garantir o suporte para taxa de atualização adaptativa de até 120 Hz.

Outro detalhe importante revelado por fontes que possuem acesso aos planos da fabricante reforçam a presença de carregamento rápido de até 120W, algo que também será inédito aos smartphones da Redmi.

Linha Redmi K50 pode ser lançada ainda neste ano.

Assim como comentado em informações anteriores, a nova fonte também confirma que teremos a apresentação de três smartphones: Redmi K50, K50 Pro e K50 Pro Plus.

O ponto mais interessante é que todos podem sair da caixa com a nova tela da Samsung, enquanto que o apenas os modelos Pro contarão com o novo chipset Snapdragon 898.

Por enquanto, como é de costume, a fabricante ainda não comentou os rumores envolvendo a linha Redmi K50. De toda forma, a expectativa é que a quantidade de vazamentos continue crescendo ao longo das próxima semanas.

Atualização (08/09/21) - HA

Redmi K50 Pro Plus deve trazer proteção IP68, carregamento de 100W, Snapdragon 895/898 e mais

De acordo com os últimos rumores sobre o Redmi K50, esta série usará o potente Snapdragon 898, assim como a série Xiaomi Mi 12 . Esta tarde, o informante do Weibo Digital Chat Station divulgou algumas dicas sobre o novo aparelho. De acordo com ele, este dispositivo suportará IP68, à prova d'água e à prova de poeira, carregamento rápido de 100 W e alto-falantes simétricos duplos. Houve também um rumor de que ele usaria até 120W de carregamento rápido.


É importante destacar que a série Redmi K50 ainda terá três modelos com configurações diferentes. Enquanto um dos modelos usará o Snapdragon 888, os outros dois modelos virão com o Snapdragon 898 mais recente.

No entanto, nem toda a série Redmi K50 deverá ter a proteção IP68, o carregamento rápido e alto-falantes simétricos duplos — mas ser uma configuração exclusiva para o K50 Pro Plus.

No entanto, aqueles que optarem pelos modelos inferiores não terão do que se arrepender. O modelo inferior ainda terá um carregamento rápido de 67W — o que continua sendo uma grande melhoria em relação aos antecessores.

No departamento de câmeras, o Pro Plus deve vir com uma principal de 108MP. Os outros modelos virão com um sensor principal de 48MP. As especulações até agora afirmam que a Xiaomi também aumentará a capacidade da bateria desses modelos.

E você, o que está achando das configurações desse aparelho de acordo com os rumores? Deixe suas impressões!

Atualização (06/09/2021) - FM

Os smartphones da linha “K” da submarca Redmi costumam ser equipados com as melhores tecnologias oferecidas pelo mercado e a própria Xiaomi. Com isso, é de se esperar que os próximos celulares da líder chinesa ostentem o chipset Snapdragon 895 (ou 898) da Qualcomm, bem como o suporte a altas potências de recarga da bateria.

Especula-se que o Redmi K50, que representará a próxima geração e sucederá à popular série do Redmi K40, suportará um dos recursos mais atrativos em que a fabricante vem trabalhando nos últimos anos. De acordo com o Digital Chat Station, o modelo deve ser lançado globalmente com suporte ao carregamento rápido de 120 watts.

Até os últimos rumores, dizia-se que a potência de recarga do Redmi K50 seria de 100 watts, tal que já é vista em carregadores verticais sem fio da marca. Para as soluções cabeadas, o Xiaomi HyperCharge com 200 watts já tem previsão de lançamento dada para meados de 2022. É imaginável, portanto, que a série K passe a contar com as soluções “intermediárias”.

Para mais, é possível que após o lançamento desse modelo, a empresa comece a explorar potências ainda maiores para a família mais acessível, possivelmente chegando aos 150 watts. Os equipamentos wireless, por outro lado, devem ser limitados com as novas medidas de restrição impostas no mercado chinês.

Outras especificações incluem a câmera de 108 MP no K50 Pro Plus, o mais poderoso da série; e a câmera de 48 MP no modelo padrão. Detalhes sobre a bateria, tela e chipset de cada variante ainda são escassos, mas a gigante chinesa deve apresentar os celulares entre o fim de 2021 e o início de 2022.

Atualização (10/08/21) - JB

Redmi K50 pode ter variante com Snapdragon 895/898, carregamento de 100W e mais

Conhecida como a linha "flagship" da Redmi, a família K deve ganhar uma série de novos aparelhos no fim do ano. Recentemente, vimos que o modelo mais poderoso pode contar com carregamento rápido de até 100W e câmera principal de 108 MP.

No entanto, se engana quem acredita que a fabricante quer parar por aí. De acordo com fontes chinesas, um dos modelos da linha Redmi K50 deve chegar ao mercado com Snapdragon 888, enquanto os demais trazem o novíssimo Snapdragon 895/898.

Embora o nome do novo chipset da Qualcomm ainda esteja em discussão — Snapdragon 895 ou 898? —, o processador será o sucessor direto do Snapdragon 888, e ele deve chegar ao mercado no começo de 2022. Rumores indicam que será construído em 4 nm e terá clock máximo de 3,09 GHz.

É importante destacar que a família K50 será formada por três smartphones: Redmi K50 padrão, K50 Pro e K50 Pro Plus. Em linhas gerais, além do processador, as câmeras também devem ser usadas para diferenciar cada modelo.

Assim, enquanto o Pro Plus traz sensor de 108 MP, o modelo padrão deve sair da caixa com lente de 48 MP. A intenção da Redmi é entregar bons smartphones para todos os bolsos, mas a empresa ainda não comenta rumores envolvendo os dispositivos.

Novo processador da Qualcomm também deve agraciar a linha Redmi K50.

Atualização (28/07/2021) - PM

Série Redmi K50 pode estrear com carregador de 100 watts e 108 MP na variante mais potente

Enquanto rumores recentes sugerem que o vindouro Redmi K50 pode chegar ao mercado suportando recarga de até 67 watts, informações recentes sugerem que outros modelos da linha poderão ir muito além dessa potência, chegando a até 100 ou 120 watts.

Uma publicação feita no Weibo e comentada pelo site chinês My Drivers corrobora que a série K50 pode contar com suporte a essa potência na carga para torná-la ainda mais popular, vendo que os antecessores foram um verdadeiro sucesso de vendas na China, o que aumentou as expectativas dos usuários.

Os 100 watts seriam exclusivos da variante Pro Plus, que também embarcaria sensores de câmera mais robustos, com 108 MP na lente principal em vez dos 48 MP esperados para o modelo mais simples.

Ainda não sabemos quando a série será oficializada, vendo que a família K40 chegou em março desse ano, possivelmente estamos falando de um lançamento mais para o fim do ano ou primeiro trimestre do próximo ano.

Atualização (26/07/2021) - HA

Redmi K50 deve chegar este ano com Snapdragon 895, carregamento rápido de 67W e mais

Como já apontaram rumores anteriores, a série Redmi K50 da Xiaomi deve ser lançada ainda este ano e, apesar de não termos muitos detalhes confirmados, esse novo carro-chefe deve trazer melhor qualidade de tela e velocidade de carregamento e processamento mais rápida. Ao menos, é o que reforça um novo rumor do informante "Panda is bald", na rede social chinesa Weibo.

O chipset do K50 deve ser o topo de linha da Qualcomm, o Snapdragon 895, que ainda não teve data oficial de lançamento também, mas a Xiaomi está entre as fabricantes que primeiro lançam seus smartphones com as novidades da empresa americana.


O rumor afirma ainda que os dispositivos apresentarão suporte para carregamento rápido de 67Wassim como o Redmi 40K Gaming —, e que também deve suprir algumas deficiências no quesito da câmera principal, podendo indicar que ou teremos uma resolução maior ou um sensor melhor para aprimorar as fotografias com pouca luz.

Ainda que não saibamos o tamanho da tela ao certo, o informante aponta que a câmera frontal ficará em um entalhe centralizado e é possível que tenha um leitor de impressão digital acoplado ao display.

E o que achou dessas especificações? Ficou animado para o novo modelo da linha da Xiaomi? Deixe seu comentário!

Atualização (13/07/21) - JB

Apesar de ainda ser uma das linhas mais vendidas da Xiaomi, a família Redmi K40 pode ganhar uma sucessora ainda neste ano. A informação inicial foi revelada no mês passado, sendo que agora o confiável Digital Chat Station trouxe mais detalhes dos próximos intermediários da Xiaomi.

De acordo com o vazador, além de contar com displays melhores, a linha Redmi K40 também deve chegar ao mercado com o novo processador topo de linha da Qualcomm. Ou seja, estamos falando do Snapdragon 895 — possível sucessor do Snapdragon 888.

Outro detalhe importante revelado pelo DCS é que a previsão de lançamento dos aparelhos mudou para antes do Festival da Primavera na China. Assim, podemos esperar um evento da Xiaomi entre o fim de 2021 e o começo de 2022.


Por enquanto, como era de se esperar, a Xiaomi não se manifestou oficialmente sobre o assunto. Assim, salientamos que tudo precisa ser considerado como sendo apenas mais um rumor do mercado.

Mesmo assim, outras especificações esperadas da linha K50 ainda incluem câmera principal de 108 MP na variante principal e de 48 MP no modelo mais acessível. Os aparelhos também devem ter variantes com Snapdragon 870 e novo sistema de resfriamento.

Texto original (22/06/21)

Mas já?! Redmi K50 pode ser lançado ainda neste ano com melhorias no display e mais

A linha Redmi K40 foi oficializada há alguns meses na China e a Xiaomi pôde comemorar o recorde de vendas da série. O sucesso foi tanto que a popular fabricante chinesa lançou um dispositivo gamer, o Redmi K40 Gaming, com configurações interessantes e preço acessível.

O aparelho bateu recorde de vendas em apenas um minuto no mercado, embora uma pesquisa de popularidade aponte que o Redmi K40 é o favorito dos consumidores.

Agora, rumores apontam que além de investir na versão global do Redmi K40 Gaming e talvez numa versão Lite do smartphone, a Xiaomi já está se organizando para lançar a próxima geração da série. Ao que parece, a empresa pode não esperar até 2022 para repaginar com a linha Redmi K50.

O administrador geral da Redmi, Lu Weibing, publicou recentemente uma pergunta curiosa na rede social chinesa Weibo: “Nos futuros produtos K50, quais recursos/configurações/experiências vocês mais desejam adicionar?”.

Pouco depois, o conhecido leaker Digital Chat Station foi à rede social para vazar algumas informações sobre a linha Redmi K50. Segundo ele, os novos smartphones oferecerão melhorias no carregamento rápido, fotografia e qualidade do display.

A suposta melhoria na performance de carregamento de bateria é algo que chama atenção, visto que a série Redmi K40 traz carregamento rápido de 33W para baterias de 4.520 mAh, uma configuração já bastante respeitável. Há concorrentes, porém, que oferecem nada menos que 50W e 65W.

A série Redmi K40 foi praticamente exclusividade da China, embora o modelo básico tenha sido lançado na Europa e outras localidades como Poco F3.

Não há informações sobre lançamento da linha K50, mas a postagem de Lu Weibing sugere que os novos smartphones podem ser lançados ainda este ano — possivelmente nos próximos meses — ao invés de 2022.

Vale pontuar que a série Redmi K40 foi praticamente restrita para a China, embora o modelo básico tenha sido lançado na Europa e outras localidades como Poco F3. Talvez a futura linha Redmi K50 tenha versões globais disponibilizadas sob submarcas também.

Quais suas expectativas a respeito da linha Redmi K50?

Veja também

  • O Redmi K50 ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
  • O Redmi K50 Pro ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
  • O Redmi K40 Gaming ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
  • O Poco F3 está disponível na Amazon por R$ 2.159. O custo-benefício é bom e esse é o melhor modelo nessa faixa de preço.
  • O Redmi K40 Pro Plus ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
  • O Redmi K40 Pro está disponível na Carrefour por R$ 3.381. O custo-benefício é médio e esse é o melhor modelo nessa faixa de preço.
  • O Redmi K40 ainda não está disponível nas lojas brasileiras. Para ser notificado quando ele chegar clique aqui.
(atualizado em 12 de agosto de 2022, às 17:44)

56

Comentários

Redmi K50 Pro aparece em supostas imagens reais confirmando design e câmera de 108 MP
Android

Celular mais rápido! Ranking TudoCelular com gráficos de todos os testes de desempenho

Android

Celular com a melhor bateria! Ranking TudoCelular com todos os testes de autonomia

Asus

ASUS lança novo celular gamer ROG Phone 5s e 5s Pro no Brasil; confira os preços

Especiais

Nada de Black Fraude! Ferramenta do TudoCelular desvenda ofertas falsas